Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho 23, 2019

Disco voador visto por mais de 100 policiais em São Paulo - SP (Pesquisas 23)

Trazemos a memória dos queridos leitores do Jornal do Brás, um episódio clássico ufológico ocorrido na noite do dia 13 para o dia 14 de junho de 1977.

Na ocasião, milhares de pessoas, entre militares da Polícia de São Paulo e civis residentes nos bairros, vilas e jardins situados ao longo das avenidas Sapopemba, Iguatemi, Mateo Bei e Itaquera, ou mesmo, motoristas que transitavam por estas avenidas, observaram um disco voador luminoso, em formato de ferradura que ficou visível nos céus durante horas, numa altura que variava de 5 a 10 mil metros, conforme relataram os protagonistas.

O COPOM – Centro de Operação da Polícia Militar recebeu muitas comunicações dos moradores a partir das 21 horas do dia 13 de junho e, deslocou 60 guarnições de viaturas para verificar o ocorrido.

Osvaldo de Oliveira estava voltando por volta das 21 horas, de uma visita a casa de parentes para a sua residência localizada na Rua Bresser, depois do SENAI “Theobaldo De Nigris”, na Mooca e, na altura da avenid…

Chernobyl: a história completa

No dia 26 de Abril de 1986, o reator número 4 da Usina Nuclear de Chernobyl explodiu. Esse foi o maior acidente nuclear já registrado. Essa é a história dele.



FONTE: Ciência Todo Dia

Três naves ficarão de guarda vigiando cometa desconhecido

Corpos celestes que nos visitam não vêm só do próprio Sistema Solar - cometas, principalmente, podem vir de bem mais longe. [Imagem: ESA/UCL]

Vigia de cometas

Agora que você já sabe quase tudo sobre defesa planetária, é tranquilizador acrescentar que não estamos parados, reforçando essas defesas continuamente.

A Agência Espacial Europeia (ESA) e a Agência Espacial Japonesa (JAXA) acabam de aprovar a missão "Interceptador de Cometas" (Comet Interceptor), passando o projeto para a fase de detalhamento, prévio ao início da construção das naves.

O objetivo é investigar cometas ou outros objetos interestelares desconhecidos que se aproximem do Sol pela primeira vez, a exemplo do 'Oumuamua, que alguns cientistas desconfiaram que fosse uma sonda alienígena.

Se esses objetos desconhecidos calharem de vir em direção à Terra, haverá então tempo suficiente para nos prepararmos.

Mesmo se não for esse o caso, a missão estará preparada para dirigir-se rapidamente até o corpo celeste …

Eclipse solar total será visível no Chile e na Argentina; teste que provou teoria de Einstein será refeito

Localização do Observatório La Silla, no Chile — Foto: Guilherme Luiz Pinheiro/G1

G1 e TV Globo acompanharão o fenômeno no Observatório La Silla, o primeiro do Observatório Europeu do Sul (ESO) construído no Chile. Próximo eclipse do tipo será visto no Brasil apenas em 2045.

Por Carolina Dantas e Maju Coutinho, G1 e TV Globo

Um eclipse solar total poderá ser visto no Chile e na Argentina na próxima terça-feira (2). Em algumas áreas do Brasil ocorre de forma parcial, já que estamos fora da área que será abraçada pela sombra resultante do alinhamento entre Sol, Lua e Terra. Quem estiver dentro desta faixa dos países vizinhos vai experimentar um privilégio visual: a Lua vai bloquear os raios e, por quase 2 minutos, só será possível ver a coroa do Sol.

O fenômeno só ocorrerá no Brasil em 2045. Se aos brasileiros resta esperar, a comunidade científica celebra o fato de o dia virar noite justamente em uma região onde está um centro de pesquisa com grandes telescópios: o Observatório La Sil…

Ex-estagiário da Nasa vai leiloar fitas raras com imagens da chegada do homem à Lua

Caixa com as fitas que serão leiloadas pela Sotheby's — Foto: Sotheby's/Divulgação

Estimativa é que leilão arrecade US$ 500 mil. Desde que foram compradas em 1976, fitas foram reproduzidas apenas três vezes.

A casa de leilões Sotheby's de Nova York colocará à venda no dia 20 de julho as fitas de vídeo que estão em melhor estado com as imagens da chegada da missão espacial Apollo 11 à Lua e dos primeiros passos do homem no satélite natural da Terra, com o objetivo de comemorar o aniversário de 50 anos deste evento histórico.

"Este é um pequeno passo para o homem, mas um grande salto para a humanidade", disse o astronauta Neil Armstrong no momento em que pisou na Lua, como mostram as duas horas e 24 minutos das três fitas combinadas, que também incluem a chamada de longa distância para o presidente dos Estados Unidos na época, Richard Nixon, e hasteamento da bandeira americana.

As três fitas – que não foram restauradas, nem aumentadas ou remasterizadas – são as ún…

Investigação redefine linha temporal da vida em Marte

Pequenos grãos de zircão ígneo dentro deste fragmento rochoso foram fraturados pelo lançamento a partir de Marte, mas permaneceram inalterados por mais de 4,4 bilhões de anos.
Crédito: Western’s Zircon and Accessory Phase Laboratory

Investigadores canadianos, liderando uma equipe internacional, mostraram que a primeira "chance real" de Marte ter desenvolvido vida começou cedo, há 4,48 bilhões de anos, quando meteoritos gigantescos e inibidores da vida pararam de atingir o Planeta Vermelho. As descobertas não esclarecem apenas as possibilidades para o vizinho mais próximo da Terra, mas também podem redefinir a linha temporal da vida no nosso próprio planeta.

O estudo foi publicado na passada segunda-feira na revista Nature Geoscience.

Os investigadores da Universidade Western sugerem que as condições em que a vida pode ter prosperado podem ter ocorrido em Marte há 3,5-4,2 bilhões de anos atrás. Isto antecede as primeiras evidências de vida na Terra até 500 milhões de anos.

&…

Hubble encontra minúsculas "bolas de futebol elétricas" no espaço que ajudam a resolver mistério interestelar

Ilustração que mostra a presença de bucky-bolas no espaço. As bucky-bolas, que consistem de 60 átomos de carbono dispostos numa esfera oca, como bolas de futebol, já tinham sido detectadas no espaço por cientistas usando o Telescópio Espacial Spitzer da NASA. O novo resultado é a primeira vez que uma versão eletricamente carregada (ionizada) foi encontrada no meio interestelar.
Crédito: NASA/JPL-Caltech

Usando o Telescópio Espacial Hubble, cientistas confirmaram a presença de moléculas eletricamente carregadas no espaço em forma de "bolas de futebol", lançando luz sobre os misteriosos conteúdos do meio interestelar - o gás e a poeira que preenchem o espaço interestelar.

Dado que as estrelas e os planetas se formam a partir de nuvens de gás e poeira no espaço, "o meio interestelar difuso pode ser considerado como o ponto de partida para os processos que finalmente dão origem a planetas e à vida," disse Martin Cordiner da Universidade Católica da América, em Washing…

Níveis anormalmente elevados de metano marciano caem para níveis normais

Esta imagem foi obtida pela Navcam do rover Curiosity da NASA no dia 18 de junho de 2019, o seu 2440.º dia marciano, ou sol, da sua missão. Mostra parte de "Teal Ridge", que o rover tem vindo a estudar dentro de uma região chamada "unidade argilosa".
Crédito: NASA/JPL-Caltech

No seguimento do pico de metano marciano detetado anteriormente, a equipa do rover Curiosity realizou uma nova experiência este fim-de-semana que passou. Os resultados foram transmitidos algum tempo depois: os níveis de metano diminuíram drasticamente, detetando menos de uma parte por cada mil milhões de unidades de volume. É equivalente aos níveis de fundo que o Curiosity deteta regularmente.

A experiência mais recente sugere que a detecção de metano da semana passada - a maior quantidade do gás que o rover já encontrou - era de uma das plumas transientes de metano já observadas no passado. Embora os cientistas já tenham observado os níveis de fundo a subir e a descer sazonalmente, ainda não…

Anéis de Urano "brilham" em luz fria

Ilustração do planeta Urano e do seu sistema de anéis escuros. Em vez de observarem a luz solar refletida dos anéis, os astrônomos observaram o "brilho" milimétrico e infravermelho naturalmente emitido pelas partículas frias dos próprios anéis.
Crédito: NRAO/AUI/NSF; S. Dagnello

Os anéis de Urano são invisíveis para todos, menos para os maiores telescópios - só foram descobertos em 1977 - e destacam-se como surpreendentemente brilhantes em novas imagens térmicas do planeta obtidas por dois grandes telescópios no Chile.

O brilho térmico abre aos astrônomos outra janela para os anéis, que foram apenas observados porque refletem um pouco de luz no visível e no infravermelho próximo. As novas imagens obtidas pelo ALMA (Atacama Large Millimeter/submillimeter Array) e pelo VLT (Very Large Telescope) permitiram à equipa medir, pela primeira vez, a temperatura dos anéis: uns frios 77 Kelvin (-196,15º C), 77 graus acima do zero absoluto - a temperatura de ebulição do azoto líquido.

Telescópio Webb vai estudar Saturno e a sua lua Titã

Esta imagem mostra uma gigante tempestade saturniana observada em comprimentos de onda do infravermelho médio pelo VLT (Very Large Telescope) do ESO em 2011. Os gases quentes que alimentam a tempestade fazem-na brilhar em comparação com o resto do planeta.
Crédito: L. Fletcher (Universidade de Leicester) e ESO

Se perguntar a um estranho na rua qual o seu planeta favorito, provavelmente a resposta será Saturno. Os impressionantes anéis de Saturno são uma vista memorável em qualquer telescópio amador. Mas ainda há muito a aprender sobre Saturno, especialmente sobre o clima e a química do planeta, bem como sobre a origem do seu opulento sistema de anéis. Após o seu lançamento em 2021, o Telescópio Espacial James Webb da NASA observará Saturno, os seus anéis e a sua família de luas como parte de um abrangente programa do Sistema Solar.

Este estudo será levado a cabo através de um programa de Observações de Tempo Garantido liderado por Heidi Hammel, astrônoma planetária e vice-presidente …

Manual de voo da Apollo 11 usado por Buzz Aldrin será leiloado por até US$ 9 mi

Por Patrícia Gnipper

Relíquias da exploração espacial que acabam porventura caindo nas mãos de pessoas não-ligadas ao governo costumam ser vendidas em leilões caríssimos. Agora, o manual de voo da Apollo 11 que foi usado pelo astronauta Buzz Aldrin, o segundo a pisar na Lua, está sendo leiloado pela Christie's — e seu preço deve chegar a até US$ 9 milhões.

Antes que o leilão começasse, o manual raríssimo foi exibido em uma redoma de vidro no Living Computers Museum + Labs de Seattle, de onde saiu para ser exibido nesta quinta (25) na Pace Gallery. Dali, a raridade seguirá diretamente para a sede da Christie's em Nova Iorque, onde ficará em exibição pública entre os dias 11 e 17 de julho.


Instruções no manual de voo da Apollo 11 (Foto: Christie's)

O item faz parte de 195 lotes de memorabilia espacial que será leiloado no dia 18 de julho, data que coincide com o cinquentenário da missão Apollo 11. O leilão também terá coisas como manuais de naves espaciais da NASA (como a M…

Titã será o próximo mundo do Sistema Solar a receber sonda da NASA

Conceito da Dragonfly em Titã (Imagem: NASA)

Por Patrícia Gnipper

Em janeiro, a NASA disse que decidiria, ainda em 2019, se levaria adiante o projeto Dagonfly para lançar um helicóptero (que na verdade seria um misto de drone com robô exploratório) à lua Titã, de Saturno. E nesta quinta (27), a agência espacial dos EUA confirmou que Titã será mesmo seu próximo alvo no Sistema Solar.

"Avançando em nossa busca pelos blocos de construção da vida, a missão Dragonfly voará várias vezes para amostrar e examinar locais ao redor da lua gelada de Saturno", disse a NASA em comunicado oficial. A missão será lançada em 2026 e chegará a seu destino em 2034, com o helicóptero rodeando Titã em busca de processos químicos prebióticos em comum entre o satélite de Saturno e a Terra.

Esta será a primeira vez em que a agência espacial lançará um drone com vários rotores para outro planeta — o Dragonfly tem oito rotores e funciona como um grande drone altamente tecnológico. Para voar, o drone s…

Sonda da NASA detecta aumento incomum de metano em Marte

IMAGEM DE MARTE TIRADA PELA SONDA CURIOSITY NO DIA 18 DE JUNHO DESTE ANO. (FOTO: NASA/JPL-CALTECH)

Equipamento registrou a quantidade mais alta já registrada da substância, que pode ter sido liberado por seres vivos ou por atividade geotérmica

Na semana passada, a sonda Curiosity, da NASA, detectou a quantidade de metano mais alta já registrada desde que o equipamento começou a operar em Marte, em 2012. A detecção é considerada importante, pois o metano também é liberado por seres vivos na Terra e também é criado por atividades geotérmicas nas quais há interação entre rochas e água, por exemplo.

Após alguns séculos, o metano terrestre tende a ser quebrado pela radiação do Sol. Isso sugere que a alta concentração do gás fora produzida recentemente ou liberada somente agora, após ter ficado presa na superfície do Planeta Vermelho por certo tempo.

“Com nossas medidas recentes, nós não temos como dizer se a fonte de metano é biológica ou geológica ou ainda moderna ou antiga”, afirmou Pa…

A ‘balsa do sexo’, um dos experimentos mais estranhos de todos os tempos

Em 1973, onze pessoas partiram em uma jornada transatlântica de 101 dias, como parte de um experimento sobre violência, agressão e atração sexual
(FASAD)

Dalia Ventura
BBC Mundo

Tudo começou com um sequestro em novembro de 1972.

O antropólogo espanhol-mexicano Santiago Genovés estava voando para a Cidade do México, onde vivia desde os 15 anos, quando chegou ao país como refugiado da Guerra Civil Espanhola.

Ele havia embarcado na cidade de Monterrey, após participar de uma conferência sobre a história da violência, quando de repente um grupo assumiu o controle da aeronave, exigindo a libertação de alguns companheiros.

"Era bom demais para ser verdade... Imagina a ironia. Eu, um cientista que passou a carreira toda estudando comportamento violento, acabar dentro de um avião sequestrado."

"Toda a minha vida eu tentei saber por que as pessoas brigam e entender o que realmente acontece na nossa mente", escreveu depois Genovés, uma das grandes referências mundiais em an…

Quando e por que os humanos começaram a falar?

Quem foi o primeiro humano a usar linguagem verbal?

Quando nossos antepassados ​​aprenderam a falar? É possível rastrear as milhares de línguas que existem hoje e chegar a um único ancestral?

O autor e pesquisador de línguas Michael Rosen conversou com alguns especialistas para tentar dar respostas a essas questões.

Característica única

"Só os seres humanos usam a linguagem verbal, algo que nos torna únicos entre todos os animais", diz Maggie Tallerman, professora de linguística da Universidade Newcastle, na Inglaterra.

Essa capacidade de conversar é vista como uma das principais transições no processo de evolução. E, por isso, as pessoas se interessam, há muito tempo, pelas origens da linguagem verbal.

"A língua é uma das complexas caracteríticas que nos tornam humanos", diz Robert Foley, antropólogo e professor de evolução humana na Universidade Cambridge.

A linguagem verbal pode ter meio milhão de anos


Se você acha que os hieróglifos são 'antigos', você…

O estranho animal que come rochas e excreta areia - e pode ser importante para a saúde humana

Embora para os cientistas o animal seja totalmente novo, os habitantes locais das Filipinas não apenas o conhecem como o comem (CORTESIA DAN DISTEL)

Reuben Shipway teve de retirar a estranha criatura com muito cuidado de uma rocha.

Parecia uma "salsicha translúcida", segundo um comunicado da Universidade Northwestern, nos Estados Unidos, onde o pesquisador trabalhava.

Descobriu-se que o animal era uma variação do que é comumente chamado de "verme de barco". Estes animais têm a aparência de um verme, mas são moluscos, e têm esse nome por mastigar e digerir a madeira nos barcos até que estejam cheios de buracos.

O animal extraído por Shipway, no entanto, não comeu madeira, mas rocha. E defecava areia.

Velho conhecido

O molusco foi encontrado no rio Abatan, na ilha de Bohol, nas Filipinas. Os cientistas acreditam que o animal vive apenas em uma determinada área do rio.

Os pesquisadores chamaram o verme de Lithoreda abanatica. A primeira parte do nome inclui os termos…

Comentando foto de disco voador (Rio de Janeiro - Brasil - 1971) - 05

Programa onde comentamos sobre as fotos clássicas tiradas por Nelson Calmon Schubsky em 01 de outubro de 1971, em São Cristóvão, no Rio de Janeiro, Brasil. Ao assistir este programa você saberá detalhes inéditos sobre esta história e, inclusive sobre documento CONFIDENCIAL de Exército que registra avistamento no mesmo dia, sobre pouso do objeto e observação de tripulantes, testemunhado pelo comerciante José de Sousa.



FONTE: Enigmas e Mistérios

Veja também:

Comentando foto de disco voador (França - 1974) - 01

Comentando foto de disco voador (Colorado - 1929) - 02

Comentando foto de disco voador (Santo André/SP - 1977) - 03

Comentando foto de disco voador (Yungay - Perú - 1967) - 04