Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 5, 2010

Dois inspetores de recursos naturais avistaram estranha criatura na Argentina

Desenho realizado por uma das testemunhas.

DATA: 8 DE DEZEMBRO 2010
HORA: 21:30
LUGAR: ZONA DE CÁMPING-ARGENTINA
QUANTIDADE DE TESTEMUNHAS: 2

Se algo faltava a Victória (Argentina) agora não falta mais, acaba de ocorrer algo com o que todo investigador sonha. Alguns pensam que estas coisas somente ocorrem aos demais, em outro país e que nós nunca vamos ter a possibilidade de estar diante de algo como oque acaba de suceder. Dois inspetores de recursos naturais testemunharam uma estranha criatura na região de Camping, Victória De Entre Rios, Argentina, o desenho foi feito por uma das testemunhas que é um excelente desenhista assim nos deixando mais claro os feitos, nos mostrando uma anatomia curiosa deste ser. Todo o ocorrido esta registrado no video abaixo, depoimento este dado a investigadora argentina, Sílvia Perez Símondini.

TESTEMUNHO:

UFO - Contato na África envolvendo 62 crianças

Na África a atividade ufológica é intensa mas por conta de ser um continente bastante ignorado pelos demais esses casos são facilmente acobertados e se houve falar muito pouco sobre UFO neste continente.
Mas eles estão lá.
Na manhã de 16 de setembro de 1994, professores e funcionários da escola na escola de Ariel em Ruwa, Zimbabwe ficaram espantados quando os alunos da escola, com idade aproximada de 5 a 12 anos de idade, relatou que um objeto voador havia pousado no terreno da escola. “
.
“ Segundo algumas fontes, OVNIs foram vistos nos céus do Zimbabwe para dois dias antes do incidente. Ruwa é de cerca de 20 quilómetros de Harare, a capital do Zimbabwe. Ariel School é uma escola privada fundamental com alunos de herança étnica mista.
.
“ ...Os objetos se aproximaram mais e mais perto do chão e, finalmente, caiu em uma área de arbustos ao lado da escola. ..
...O objeto pousou, ou ficou pouco acima do solo, em uma área de cerca de 100 metros dos alunos.

No total, havia 62 crianças fo…

NASA vende computadores com informação confidencial

A Agência Espacial norte-americana (NASA) vendeu computadores que continham informações confidenciais

A NASA está a desfazer-se de algum material informáticos mas nalguns casos as informações que estavam nos computadores que foram vendidos não foram devidamente apagadas

A falha foi detectada pelo Gabinete do Inspector Geral da agência que classificou a mesma como «uma grave violação» da segurança dos centros da NASA na Florida, no Texas, na Califórnia e na Virginia.

«A nossa inspecção detectou várias violações nas medidas de segurança na área das Tecnologias de Informação que poderiam levar à revelação indevida de informação sensível relacionada com o vaivém espacial e com outros programas», adiantou, em comunicado, o inspector-geral da NASA, Paul Martin.

Para este responsável «a NASA precisa de ter uma acção concertada e contundente para resolver este problema».

A auditoria detectou que 14 dos computadores do Centro Espacial Kennedy não superaram as provas que tinham como objectivo detect…

Nave da SpaceX pode carregar astronautas

Nesta quarta-feira, 9 de dezembro 2010, pela primeira vez, uma espaçonave comercial entrou em órbita e retornou suavemente à Terra. O voo, conduzido pela Space Exploration Technologies Corp., ou SpaceX, foi impecável, desde o lançamento de seu foguete Falcon 9, com uma cápsula Dragon no topo, às 13h43 (de Brasília), do Cabo Canaveral, até a descida da Dragon no Oceano Pacífico 3 horas, 19 minutos e 52 segundos depois. Foi um atraso de apenas 52 segundos em relação ao previsto pela SpaceX.

Durante a entrevista coletiva que ocorreu depois, Elon Musk, fundador da SpaceX e seu principal executivo, cuja desmedida confiança pode beirar a arrogância, se afobou ao falar que funcionou como previsto. "Na verdade, é quase bom demais", disse Musk. "Não tivemos de usar os sistemas de segurança em nenhum momento. Estou em estado de semi-choque. É difícil ser articulado com a mente pegando fogo."

Passeio agradável — A missão foi a primeira demonstração para a Nasa da nave espacial …

Planeta com alta concentração de carbono pode ter 'montanhas de diamante'

Uma equipe de cientistas da Universidade de Princeton, dos Estados Unidos, descobriu que o planeta WASP-12b, um dos exoplanetas mais quentes já descobertos, tem uma relação carbono-oxigênio maior que a vista no nosso sistema solar. Os especialistas chegaram a essa conclusão após analisar a luz que o planeta reflete. O diagrama acima mostra a presença de moléculas (água, metano e monóxido de carbono) no exoplaneta WASP-12b através da relação do brilho relativo e o comprimento de onda. O WASP-12b orbita uma estrela ligeiramente mais quente que o Sol a uma distância quarenta vezes mais próxima que aquela que a Terra tem do Sol, por isso é considerado um dos exoplanetas mais quentes conhecidos até o momento, com uma temperatura de superfície de 2.200ºC, mostra o estudo.
É possível que o planeta tenha altas quantidades de grafite, diamante e ainda outras formas não conhecidas de carbono em seu interior. Até o momento, astrônomos não têm a tecnologia para observar o interior dos exoplanetas,…

Sonda japonesa falha e não consegue entrar na órbita de Vênus

Quase sete meses depois de lançada, a sonda japonesa Akatsuki não conseguiu entrar na órbita venusiana como estava previsto. Segundo os cientistas, a nave acionou os motores de inserção no momento programado, mas uma falha ainda não identificada fez com que o artefato ultrapassasse o ponto de entrada na atmosfera, arremessando a sonda em direção ao espaço.

Os primeiros sinais de que algo estava incorreto foi percebido logo após o acionamento dos motores, quando a sonda se localizava atrás do planeta. Devido à posição, os engenheiros esperavam um blecaute de comunicação de aproximadamente 22 minutos, mas o silêncio só foi quebrado quase 1 hora e meia depois, quando o contato foi restabelecido.

"Confirmamos que a nave Akatsuki não foi injetada na órbita planejada", disse o chefe do projeto Masato Nakamura. "Lamentamos profundamente que não tenhamos conseguido corresponder às expectativas do público", completou o especialista durante a conferência de imprensa.

Paciê…

Imagens da NASA registram erupção solar com quase um milhão de quilômetros

A Agência Espacial Norte-Americana (NASA) divulgou na terça-feira (07) sobre um filamento solar que estava "serpenteando" em volta do Sol e entrou em erupção. O observatório Solar Dinâmico da agência registrou a ação em detalhes com luz ultravioleta.

Possui quase um milhão de quilômetros de comprimento (a circunferência da Terra, no equador, é 40.075 km) e sua proeminência estava visível há duas semanas antes de começar a sair do campo de visão. Filamentos são nuvens de gases suspensas acima do Sol por forças magnéticas e são de movimentação instável.

Assista algumas cenas, clicando aqui.