Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 21, 2010

Origem do Universo foi líquido: CERN

Experiências no famoso LHC (“famoso” por alguns pseudos dizerem que vai acabar com o mundo) parecem mostrar que o Universo inicial era… líquido.
As colisões reforçam a tese que no início o Universo era um plasma que se comportava (fluía) como um líquido, praticamente sem viscosidade.

Público:
“Mini-Big Bangs produzem plasma de quarks e gluões.
Experiências no CERN indicam que o Universo começou como um líquido .
No acelerador de partículas do CERN já começaram a ser produzidos mini-Big Bangs, fazendo colidir núcleos atómicos maciços de chumbo, acelerados até velocidades muito próximas da da luz. Estas experiências, que libertam enormes quantidades de energia, permitem já reforçar uma teoria que os físicos têm tentado provar experimentalmente na última década: que, nos seus primeiros milionésimos de segundo, o Universo era líquido.
(…)
O que na verdade se produz são densas bolas energéticas com as colisões dos núcleos de chumbo acelerados, que atingem temperaturas de dez biliões (milh…

Lua de Saturno possui atmosfera de oxigênio e dióxido de carbono

Reia, uma lua de Saturno com 1.500 km de diâmetro e composta basicamente de rocha e gelo, tem uma atmosfera tênue que é composta por 70% de oxigênio e 30% de gás carbônico, dois gases que, na Terra, são essenciais para as formas mais complexas de vida. A descoberta, feita pela sonda Cassini, da Agência Espacial Norte-Americana (NASA), é descrita na edição desta semana da revista Science.

Embora o oxigênio existente hoje na atmosfera da Terra seja produto da atividade de seres vivos que fazem fotossíntese, esse dificilmente será o caso em Reia, explica o principal autor do artigo que analisa os dados da Cassini, Ben Teolis. "A atmosfera de Reia é muito fina, e a lua não tem um campo magnético próprio", explica. "Sua superfície está totalmente desprotegida dos íons e elétrons aprisionados no campo magnético de Saturno".

O constante bombardeio de partículas sobre o gelo da superfície causa reações que formam o oxigênio, que então ou fica preso no gelo sólido ou é ejetad…

Júpiter: começa a ressurgir listra que havia 'desaparecido'

Novas imagens da Agência Espacial Norte-Americana (NASA), registradas pelos telescópios Gemini, Keck e Infrared Facility, divulgadas nesta quinta-feira, indicam que uma das listras de Júpiter que havia "desaparecido" meses atrás aparenta estar ressurgindo. As novas observações ajudarão cientistas a entender melhor a interação entre os ventos de Júpiter e a química das nuvens.

No começo de 2010, astrônomos amadores noticiaram que uma listra marrom escuro, conhecida como Cinturão Equatorial Sul, localizada no sul do planeta, havia se tornado branca. Em junho, o telescópio Hubble encontrou-a novamente. No início de novembro, o astrônomo Christopher Go, filipino, viu um incomum brilho nesta área branca. O fenômeno interessou aos astrônomos da NASA. Após observações com os três telescópios, os cientistas passaram a acreditar que a faixa escura está voltando.

Desde que foi descoberta, a listra escura se torna branca, por no máximo três anos, o que intriga os cientistas há tempos.…

Uma cidade subterrânea na Sibéria

Uma empresa russa de arquitetura acaba de tornar público um ambicioso projeto para construir uma cidade subterrânea no interior de uma mina abandonada na Sibéria. Se trata de uma obra faraónica, chamada Eco-city 2020, que pretende injetar vida em uma região de condições metereológicas extremas, tanto no inverno como no verão.
Em plena Sibéria e perto da localidade de Mirny, se abriu a segunda maior cratéra escavada pelo homem. Se trata de uma antiga mina de diamantes "ao céu aberto" que tem uma boca de 1,2 kilômetros e uma profundidade de 550 metros. Agora, o Estudo de Arquitetura Russo (AB Ellis) quer recuparar este espaço abandonado e pretende construir alí toda uma cidade subterrânea, coberta por uma grande cúpula de crístal que a proteja de todas as inclemências do tempo.
A cidade chamada Eco-city 2020, teria capacidade para 100.000 pessoas e receberia energia de uma camada de células fotovoltáicas repartidas por toda a superfície da cúpula. Todo o complexo se construiria…

Jogo feito pela NASA simula dia-a-dia de astronautas na Lua

Moonbase Alpha é um game desenvolvido pela Agência Espacial Norte-Americana (NASA) em parceria com a Virtual Heroes e que replica o dia-a-dia dos astronautas na Lua.

Distribuído gratuitamente pela Steam e no site oficial, o jogo se passa em 2025 e possui uma única missão: reestabelecer o sistema de fluxo de oxigênio e outros sistemas críticos para a sobrevivência no espaço. Para isso, você terá 25 minutos de oxigênio para consertar tudo.

Moonbase Alpha possui três variações: 1-2, 3-4 ou 5-6 jogadores. Cada mapa tem equipamentos específicos para os jogadores utilizarem nos consertos, com as diferenças sendo a dificuldade e a quantidade a serem realizados.

Confira abaixo um vídeo do mesmo:

Relatos OVNI no Terramoto de 1-11-1755 em Lisboa

Por Paulo Cosmelli.
Relatos OVNI antes do terramoto de 1755 em Lisboa.

Duzentos e cinquenta e cinco anos depois da maior catástrofe natural que atingiu Portugal, causando segundo se crê, 90 mil mortos em Lisboa e mais 10 mil em Marrocos. As ondas de choque foram sentidas desde o Norte da Europa, nomeadamente Finlândia, até ao Norte de África. A magnitude deve ter sido 9 na escala de Richter, seguido de um tsunami.

Pouco ou nada se fala nos fenómenos OVNI vistos e relatados na época pelo Padre Manuel Portal. Dias antes “Bolas verdes”começaram a cruzar os céus de Lisboa, e continuaram a ser vistos para Sul, inclusivé nos céus do Norte de África. Os relatos da época assim o relatam.

Tudo aconteceu no dia 1 de Novembro de 1755.

Como era Dia de Todos os Santos, as pessoas tinham acordado muito cedo para irem à missa.

• O cais da cidade afundou-se completamente e a água do rio Tejo começou a avançar para a cidade.

• Além do terramoto em terra, sentia-se o maremoto no mar e no rio. Os barcos que e…

Conexão entre fenômenos quânticos causa surpresa a cientistas

Dois pesquisadores descobriram uma conexão inesperada e surpreendente entre as duas propriedades fundamentais da física quântica. O resultado está sendo anunciado como um avanço radical no entendimento da mecânica quântica, dando novas pistas para os cientistas que procuram compreender os fundamentos do funcionamento do mundo em escala atômica.

Stephanie Wehner, da Universidade Nacional de Cingapura, e Jonathan Oppenheim, da Universidade de Cambridge, descobriram uma ligação entre a chamada "ação fantasmagórica à distância" e o Princípio da Incerteza de Heisenberg.

O comportamento absolutamente estranho das partículas quânticas - como átomos, elétrons e fótons - tem intrigado os cientistas há quase um século. Albert Einstein foi um dos que acharam que o mundo quântico era tão estranho que a teoria quântica devia estar errada. Mas a realidade mostrou o contrário e, experimento após experimento, tem confirmado as previsões da teoria.

Fantasmas e incerteza - Um dos aspectos mais e…

Objetos voadores não identificados são registrados em Trujillo, Peru

Uma equipe de Tv da cadeia Antena Norte realizou um insólito registro de um objeto voador não identificado encima do Cerro Cabras no distrito de La Esperanza, os vizinhos confirmaram que se tratava de um avistamento multíplo. Estavamos em plena emissão de ANN Notícias, edição central, quando a chamada de um telespectador nos pôs em alerta de um possível avistamento de um ovni, de imediato uma equipe foi até o local, para surpresa de todos, os vizinhos mostravam certa preocupação e confirmaram os avistamentos no setor Indoamérica do distrito esperansino.

Depoimento do senhor Carlos León:
"Fomos testemunhas da presença deste objeto não identificado e fizemos este desconcertante registro. Se trata de um objeto que durante alguns minutos rodeou o Cerro com movimentos aleatórios constantes, com grande incidencia no lado superior esquerdo do mencionado Cerro", disse o senhor. Com o passar dos segundos nota-se uma certa interferência nas imagens. Oque as testemunhas podiam observa…