Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho 3, 2016

Casos Ovnis ocorridos em Piracicaba (SP) e em seu entorno (3)

CASO VOLTA GRANDE

Em 1987 tomamos conhecimento de outro caso, que registramos como
"Volta Grande".
O sr. Lúcio Messias, residente em Piracicaba, contou que seus
parentes, moradores de um sítio localizado 15Km a Oeste de desta cidade, onde
fica um aglomerado de montes e colinas, afirmam que nos anos 60 viram as
chamadas "bolas-de-Fogo". Com base neste depoimento nos dirigimos ao local.

Voo de uma Mãe de Ouro

Uma estrada de terra leva até a casa dos parentes do sr. Lúcio,
que na entrevista acrescentaram ainda o seguinte depoimento: mais ou menos um
ano antes, alguns jeeps verdes de chapa branca, sem inscrições, visitaram o
local diariamente por cerca de uma semana. Os ocupantes chegavam até onde
podiam com os carros e depois continuavam a pé, em direção aos cumes dos
morros. Certa vez, contam os moradores, levaram alguma "coisa" para cima, que
não trouxeram de volta. Os sitiantes não sabem quem eram estes estranhos, o
que queriam nem o que levav…

NASA anuncia robô aéreo flutuante para explorar Titã

Conceito do veículo aéreo híbrido, misto de nave, avião e balão, que deverá explorar a atmosfera da lua Titã, de Saturno.[Imagem: GAC/NGAS]

Aerobô

A NASA deu sinal verde para o desenvolvimento de um novo veículo espacial destinado a explorar a lua Titã, de Saturno.

O Aerobô Alado de Titã (TWA: Titan Winged Aerobot), inicialmente na forma de um protótipo para avaliação do conceito e teste de voo na Terra, será construído pelas empresas Global Aerospace Corporation e Northrop Grumman.

"Titã é um ambiente frio e rude que coloca muitos desafios técnicos para qualquer plataforma de exploração mais leve que o ar, mas o TWA tem o potencial para superar esses desafios com abordagens de engenharia simples, mas inovadoras, para gerenciamento da pressão, geração de sustentação e capacidade de manobra," disse Benjamin Goldman, responsável pelo desenvolvimento.

Titã é de grande interesse para a comunidade científica devido à sua química atmosférica rica e aos vastos oceanos de metano. A…

Testemunha de importante caso ocorrido em 1994 fala pela primeira vez

Emily Trim foi uma das crianças que observaram um UFO na capital do Zimbabwe e teve contato direto com seus tripulantes; confira vídeo com seu relato

Do UFO pousado saíram seres que conversaram com as crianças, na impressionante ocorrência no país africano

Um dos mais impressionantes contatos ufológicos em massa de todos os tempos aconteceu na capital do Zimbabwe, Harare, na localidade de Rowa, em 16 de setembro de 1994. Um dos casos melhor documentados e pesquisados da história da Ufologia teve como testemunhas cinco dúzias de crianças com idades entre 5 e 12 anos. Elas afirmam ter observado um grande UFO acompanhado de vários outros menores, pairando e se movendo silenciosamente sobre a escola onde estudavam.

Os objetos pousaram, conforme a descrição das crianças, próximo ao playgroud da escola, e deles saíram alguns seres que se aproximaram delas. As testemunhas afirmam ter interagido e se comunicado com os alienígenas por 15 minutos, antes que eles regressassem a suas naves e fos…

O sistema planetário mais bizarro já visto

POR SALVADOR NOGUEIRA
É o sistema planetário mais estranho já encontrado. No centro, uma estrela um pouco maior do que o Sol. Na periferia, duas estrelas menores, orbitando uma em torno da outra, enquanto também avançam juntas numa dança com a estrela maior. E, entre a estrela central e a binária, um mundo similar a Júpiter — onde, aliás, os astrônomos sempre pensaram que, pela teoria, não deveria haver planeta algum.

É tudo tão esquisito que os cientistas precisaram ver para crer — e isso resultou na primeira descoberta de um exoplaneta feita pelo instrumento Sphere, uma nova câmera especialmente projetada para fotografar diretamente o brilho sutil desses astros sem luz própria, em meio ao clarão de suas estrelas-mãe. A pesquisa, que tem como primeiro autor Kevin Wagner, da Universidade do Arizona, nos Estados Unidos, foi publicada online nesta quinta-feira (7) na revista “Science”.

O Sphere está instalado no VLT (Very Large Telescope) do ESO (Observatório Europeu do Sul), no Chile.…

A última coisa que o satélite perdido de buracos negros viu antes de morrer

Este ano, o Japão lançou um satélite inovador para monitorar buracos negros, mas o perdeu muito rapidamente em circunstâncias estranhas. Agora, finalmente sabemos o que o Hitomi viu antes de morrer.

Quando a JAXA lançou o Hitomi em fevereiro, cientistas ficaram animados com as possibilidades do que o satélite poderia nos dizer sobre os mistérios do universo. Ele orbitou a Terra por cerca de um mês, quando algo deu errado.

Uma série de eventos infelizes, causados por erros humanos e falhas de software, fez o satélite girar fora de controle. Apesar das tentativas de recuperar o Hitomi, ele continuou a jogar detritos para o espaço. No fim, a JAXA declarou que o satélite de US$ 273 milhões estava perdido de vez.

No entanto, quando o Hitomi morreu, pesquisadores também anunciaram que conseguiram obter alguns dados dele, e que iriam detalhá-los em estudos futuros. Alguns desses dados estão em um novo artigo na revista Nature, mostrando a observação final do satélite – e ela traz algumas im…

Casos Ovnis ocorridos em Piracicaba (SP) e em seu entorno (2)

CASO CAMBARÁ

Em junho de 1986, o Prof. Renato lecionava numa escola estadual do
bairro Cambará, para o primeiro grau, zona rural de Rio das Pedras, com
alunos numa faixa de idade entre 10 e 12 anos. Como sempre fez, procurava
passar aos alunos uma visão mais abrangente do Universo, tentando fugir
daquele "tapa" muitas vezes propiciado pela sociedade, sem, é claro, ferir os
direitos do aluno ou forçar qualquer crendice.
Como de costume, aconteceu que as crianças começaram a olhar com
mais atenção para o céu, principalmente a noite e constantemente, elas
apareciam na sala de aula procurando o professor e dizendo que viram luzes no
céu noturno, recebendo então a explicação devida. Nisso, seus alunos
aprendiam a conhecer e diferenciar aviões, satélites, meteoritos, balões,
estrelas, planetas etc.
Foi assim até que no dia 4 daquele mês, estas historinhas de
criança fugiram do corriqueiro: uma aluna chamada Helenilda, moradora do
bairro Nosso Teto, contou ao Prof. Re…

China pretende ser a primeira nação a detectar vida alienígena

O FAST, maior radiotelescópio do mundo, conforme repetido por várias autoridades chinesas se destina a detectar civilizações alienígenas

Oficiais chineses afirmam que um dos principais motivos da construção do radiotelescópio FAST, completado no último dia 03, é captar sinais de inteligência extraterrestre.

A China tem investido muito na exploração espacial. O país que é o que mais envia estudantes a estudar nas melhores universidades no exterior está também acelerando seu programa espacial, enviando sondas à Lua e planejando lançar o primeiro módulo de uma nova estação espacial em 2020. Os chineses igualmente pretendem enviar astronautas à Lua na próxima década, e seus avanços têm preocupado outras potências, especialmente os Estados Unidos. Um passo fundamental nesses esforços foi dado no último dia 03, quando foi instalada a última peça no gigantesco Radiotelescópio de Abertura Esférica de Quinhentos Metros de Abertura (FAST).

Com seus 500 m de diâmetro, e praticamente uma milha (…

Com que frequência a vida surge no universo?

Desde a década de 1960, a Equação de Drake é usada para tentar prever o número de civilizações alienígenas com transmissores de rádio na Via Láctea. Nessa mesma linha, uma nova fórmula busca estimar com que frequência a vida surge no cosmos — um cálculo que pode nos ajudar a descobrir qual é a probabilidade de termos companhia no universo.

A nova equação foi desenvolvida por Caleb Scharf, do Centro de Astrobiologia da Universidade Columbia, e por Leroy Cronin, da Escola de Química da Universidade de Glasgow. Ela é um início promissor para determinar as chances de vida fora do nosso planeta.

Os pesquisadores esperam que a fórmula, descrita na edição mais recente da revista Proceedings of the National Academy of Sciences, encoraje o estudo dos fatores que se relacionam com o surgimento da vida. Ou seja, eles querem que a equação seja usada para prever com que frequência acontece a abiogênese — o surgimento de vida a partir de matéria não-viva.

Equação de Drake
Em 1961, o astrônomo Fran…

Casos Ovnis ocorridos em Piracicaba (SP) e em seu entorno

O material que apresentarei a seguir encontrei por acaso navegando pela internet, informa sobre as atividades de um pequeno grupo de voluntários em Piracicaba - SP (Brasil) e as perspectivas para desenvolvimento de um projeto complexo aqui descrito. Estão também disponíveis os relatórios de todos os casos ufológicos pesquisados por este grupo, que aborda temas relacionados com "pesquisas alternativas".

Ufos Wilson reproduzirá este material na integra e cronologicamente, infelizmente o site como todo não se encontra mais ativo, se alguém ligado a este grupo Projeto Alfa Cruzeiro do Sul, que não sei se encontra ativo, quiser nos contatar entre em contato pelo: seuscontatosovnis@yahoo.com.br. Este material é muito detalhado expondo a rica casuística de Piracicaba e região, não podendo eu deixar de divulgá-lo.

Caso CAPUAVA - nos arredores de Tanquinho - Piracicaba - SP

Relatório preliminar dos estudos ufológicos realizados na região de Piracicaba.

Caso "CAPUAVA".

Def…

Uma nova teoria sugere que as luas de Marte nem sempre estiveram sozinhas

Fobos e Deimos, as luas de Marte, já foram tachadas de asteroides capturados. Mas a verdade está se revelando muito mais interessante do que isso. Esses satélites podem ser sobreviventes de um grande impacto que devastou metade da superfície de Marte há bilhões de anos.

Essa origem violenta para os satélites foi detalhada em um novo artigo científico, que usou modelos numéricos para mostrar que uma colisão no passado marciano pode ter produzido diversas luas, muitas das quais já não existem mais. Essa hipótese soluciona muitos dos mistérios de Fobos e Deimos, e pode ser testada com simples buscas por evidências geológicas no planeta vermelho.

É fácil entender porque Fobos e Deimos foram considerados asteroides inicialmente – com 26 e 15 quilômetros de diâmetro, respectivamente, essas luas se parecem demais com rochas espaciais. Mas a hipótese de serem asteroides não se encaixa nas órbitas circulares e taxas de rotação dos satélites, que não podem ser produzidas pela baixa força das m…

Astróloga portuguesa, Vera Spiegel, relata suas experiências com Ovnis

FONTE: http://www.cmjornal.xl.pt/
Canal Youtube Gato Canal

Como foi a chegada da sonda Juno em Júpiter

Na segunda-feira à noite, após cinco anos de viagem, a missão Juno da NASA chegou em Júpiter, tornando-se a segunda nave espacial na história a orbitar o gigante gasoso.

Cientistas da missão Juno modelaram todos os cenários que puderam imaginar, e planejaram para todo tipo de contingência. Mas, como disse Scott Bolton, o gerente de projeto na missão Juno, numa entrevista coletiva ontem, “esta é a fase de maior risco”.

Desafios
Entre os desafios, estava a intensa radiação na enorme magnetosfera de Júpiter. De acordo com Heidi Becker, pesquisadora principal da Juno para monitoramento de radiações, milhões de elétrons de alta energia se movendo próximo à velocidade da luz “atravessam a nave espacial”.

Isso “é o equivalente a 100 milhões de raios-x em menos de um ano para um ser humano se não tivéssemos nenhuma proteção”. Esta exposição poderia facilmente fritar os componentes eletrônicos de Juno, por isso eles estão alojados em cofres de titânio sólido com paredes de 1 cm de espessura.


Conceito: Drones cultivados em tanques crescerão como bolos

Os drones e aviões hipersônicos serão cultivados em tanques e crescerão graças a um "quimputador", um computador químico. [Imagem: BAE Systems]


Aviões gerados quimicamente

Pesquisadores da Universidade de Glasgow, na Escócia, e da empresa aeroespacial BAE Systems anunciaram um novo conceito para a fabricação rápida de drones e pequenos aviões.

Em lugar da mais tradicional fabricação aditiva - ou impressão 3D -, Lee Cronin e seus colegas estão planejando "cultivar" os aviões em grandes tanques, no interior dos quais reações químicas dirigidas fariam todo o trabalho, construindo toda a estrutura do drone.

O corpo do avião sairá do reator assim como um bolo sai do forno, pronto para receber um conjunto padronizado, em formato cilíndrico, contendo toda a parte de controle e a motorização.

O conceito também está sendo avaliado para produzir o corpo esguio e fino dos futuros aviões hipersônicos.

Por enquanto são só ideias, mas a equipe lembra o quanto foi rápida a evolu…

Céu da Semana de 4 a 10 de julho de 2016 - Astronomia no Descobrimento

FONTE: UNIVESP TV

Conheça Júpiter

POR SALVADOR NOGUEIRA



O DEUS DOS DEUSES
A intuição dos antigos é admirável. Mesmo sem a capacidade técnica para determinar o tamanho dos planetas, eles decidiram dar a Júpiter o nome da principal divindade de seu panteão. Ele tem mais massa que todos os outros planetas somados e, em seu interior, daria para acomodar umas 1.300 Terras.

QUASE UMA ESTRELA
A exemplo do Sol, seus principais componentes são hidrogênio (75%) e hélio (24%) —os dois elementos mais abundantes do Universo. O que faltou em Júpiter para ser uma estrela foi só massa. O Sol tem mil vezes mais.

MINISSISTEMA SOLAR
Com esse tamanho todo, ele foi capaz de induzir a formação de um sem-número de corpos menores ao seu redor. São 67 luas conhecidas, além de discretos anéis de poeira. As quatro maiores luas, Io, Europa, Ganimedes e Calisto, descobertas por Galileu em 1610, são mundos incríveis.

POR DENTRO DE JÚPITER
Não é porque ele é um planeta gigante gasoso que só há gás por lá. Num mergulho imaginário em seu interior, v…