Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 9, 2012

Cientistas pedem que matemático condenado por ser gay receba indulto

Inglês teve papel crucial em decifrar mensagens secretas nazistas.
Homossexualidade foi delito no Reino Unido até 1967.

Onze iminentes cientistas britânicos, entre eles Stephen Hawking, pediram nesta sexta-feira (14) ao governo que indulte postumamente o matemático e criptógrafo Alan Turing, condenado há 60 anos por homossexualidade, que era delito na época.
Considerado o precursor da informática, Turing desempenhou um papel crucial para decodificar as mensagens nazistas durante a Segunda Guerra Mundial. Ele morreu em 1954, dois anos depois de ter sido condenado à castração química por 'imoralidade', como consequência de um envenenamento com cianureto. Tinha 41 anos e sua morte foi considerada oficialmente um suicídio.
Em uma carta enviada ao jornal britânico "Daily Telegraph", Hawking e outros cientistas, entre eles o presidente da prestigiosa Royal Society, Paul Nurse, descrevem Turing como "um dos matemáticos mais brilhantes da era moderna" e apelam ao …

O caso Vanderlei

Por Ufo e Seres da Luz: O Caso Vanderlei é um dos muitos casos de abdução ocorridos no Paraná. O protagonista deste caso sofreu sua primeira experiência de abdução ainda na infância, no interior do estado. Mais tarde ele passou por outras experiências estranhas em Curitiba.

Em 12 de janeiro de 1990, um garoto que chamaremos de Vanderlei, saiu da casa de sua avó, situada na zona rural do município de Pinhão, no interior do Estado do Paraná. Era noite, e como em todas as casas da região o banheiro ficava do lado de fora da casa, há uns 20 metros de distância. Devido à escuridão do lugar, a região não possui energia elétrica e ele andou alguns metros até a frente da casa. Sua avó ficou na varanda aguardando o retorno do neto. Após terminar de urinar ele se virou para voltar à casa. Neste instante ele observou uma esfera dourada flutuando sobre a casa. Ela tinha aproximadamente 4 metros de diâmetro, era dourada e tinha aparência metálica. Vanderlei assustou-se com a presença do objeto e t…

Satélites científicos são lançados da ISS pela primeira vez

Os picossatélites científicos FITSAT-1, F-1, e TechEdSat logo após seu lançamento, feito a partir da Estação Espacial Internacional - ao fundo, um dos painéis solares da Estação.[Imagem: NASA]

CubeSats

Satélites artificiais normalmente são lançados do solo, a bordo de foguetes especialmente projetados para isso.

Mas, com a miniaturização, sobretudo os satélites científicos e de avaliação de novas tecnologias estão se tornando cada vez menores.

Já existem várias famílias deles, batizadas de CubeSats, PicoSats e assim por diante, dependendo de suas dimensões - os menores são cubos medindo 10 centímetros de lado e pesando 1,2 quilograma.

Astronauta Aki Hoshide mostra os picossatélites pouco antes de sua transferência para o lado externo da Estação Espacial. [Imagem: NASA]

Do espaço para o espaço

A Agência Espacial Japonesa (JAXA) acredita que pode haver formas mais eficientes e mais baratas de lançar esses satélites.

E demonstrou isso no primeiro lançamento de satélites ao espaço já feito…

Ovni reportado por controlador aéreo no México

Por Alfonzo Salazar: O controlador aéreo E.K. reportou que no passado 6 de dezembro (2012), o piloto de um avião Embraer 125 da companhia aerea mexicana Connect (Costera), soloicitou informação a torre de controle do aeroporto de Queretaro ja que tinha um trafêgo luminoso enfrente ao avião, a controladora aerea avistou um trafêgo luminoso a umas 10 milhas nauticas de Queretaro por volta das 21:20 Hrs. O avião aterrissou posteriormente sem problema algum e como relatado, os controladores aereos tiveram contato visual com o ovni que logo em seguida se deslocou perdendo-se de vista.

FONTE: ALFONZO SALAZAR, TECNICO EM AVIAÇÃO: http://www.facebook.com/alfonso.salazar.923?fref=ts

Meteoro cai na Turquia e se desintegra sobre o Mar Negro

Uma impressionante imagem de uma bola de fogo foi registrada por uma câmera de segurança localizada no norte da Turquia. Testemunhas que viram bólido disseram terem sentido um leve tremor, provavelmente provocado pela onda de choque criada pelo movimento do meteoro.

O evento ocorreu na terça-feira, 11 de dezembro, por uma câmera de segurança instalada em uma fábrica da cidade de Ordu, na costa norte da Turquia, a 220 km da fronteira com a Armênia.

Essa é a segunda vez em menos de uma semana que um meteoro entra na atmosfera da Terra é e flagrado por câmeras. Antes do evento da Turquia, uma bola de fogo também foi vista quatro dias antes sobre diversas cidades do estado americano do Texas. Na ocasião, a desintegração da rocha foi registrada pela câmera instalada no interior de um veículo de patrulha.

O evento da Turquia ocorreu às 22h00 da hora local, quando o meteoro aparentemente se desintegrou acima do Mar Negro a uma distância estimada em 15 km do local da câmera. O vídeo mostra c…

Hubble produz imagem mais distante do universo

Galáxias a centenas de milhões de anos do Big Bang podem dar pistas sobre fase inicial de formação do universo.

Astrônomos conseguiram imagens das áreas mais distantes do universo já registradas com o telescópio espacial Hubble. Eles identificaram seis novas galáxias que se formaram apenas algumas centenas de milhões de anos depois do Big Bang.
O novo estudo, realizado por especialistas do Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech) e da Universidade de Edimburgo, na Escócia, também atualizou a estimativa de distância de uma sétima galáxia, colocando-a em uma posição ainda mais distante no tempo do que qualquer outro objeto já identificado até então.
Chamada de UDFj-39546284, a galáxia foi localizada a uma distância equivalente a quando o universo tinha apenas 3% de sua idade atual. A nova pesquisa com as imagens do Hubble dá a ideia mais clara de como foram os primeiros anos da história do universo.
As informações dão apoio à ideia de que as primeiras galáxias aglomeraram suas es…

Telescópio no Chile ganha aparelho para analisar 24 galáxias de uma vez

KMOS ajudará a entender como sistemas evoluíram no início do Universo.
Instrumento europeu tem braços robóticos e mais de mil superfícies ópticas.

Um novo instrumento inaugurado pelo Observatório Europeu do Sul (ESO), no Chile, será capaz de registrar e estudar 24 galáxias ao mesmo tempo em luz infravermelha. O KMOS vai fornecer dados que ajudarão a entender como galáxias distantes cresceram e evoluíram no começo do Universo.
Construído por um consórcio de cinco universidades e institutos do Reino Unido e da Alemanha, em parceria com o ESO, o aparelho acaba de ser testado com sucesso no Very Large Telescope (VLT), em Paranal, no deserto do Atacama. Ele reúne 24 braços robóticos – um para cada galáxia analisada – e mais de mil superfícies ópticas.

De agosto até agora, o KMOS foi enviado da Europa para o Chile, montado, avaliado e instalado. Foram oito anos de planejamento, concepção e construção até pôr esse instrumento de segunda geração para funcionar. Antes dele, foi instalado no VL…

EUA voltam a lançar aviões futuristas sem piloto para o espaço

X-37B poderia dar início a nova era de espionagem, dizem especialistas.
Veículo de 8,9 metros de comprimento foi lançado por um foguete Atlas V.

Os Estados Unidos lançaram ao espaço na terça-feira (11), pela terceira vez, seu avião futurista X-37B, um pequeno dispositivo teleguiado que, segundo especialistas, poderia dar início a uma nova era de espionagem.
O longo veículo, de 8,9 metros de comprimento, foi lançado por um foguete Atlas V à 1h03 local (16h03 de Brasília) de Cabo Canaveral, na Flórida, em uma missão sobre a qual a Força Aérea americana deu pouquíssimos detalhes.
A United Launch Alliance, empresa conjunta entre a Boeing e a Lockheed Martin, ofereceu em troca, ao vivo e por streaming, imagens da decolagem em sua página na internet e afirmou que a missão apoiaria "a experimentação espacial".

O Exército americano descreveu o programa X-37 B como uma forma de por à prova "tecnologias para uma plataforma de testes espaciais confiável, reutilizável e não tripula…

Censo do Universo invisível revela galáxias com surto estelar

Os desvios para o vermelho funcionam como uma medida do tempo que a luz de cada galáxia tem viajado através do Universo, que por sua vez indica quando é que, na história cósmica, a luz de cada galáxia foi emitida.[Imagem: ESA-C. Carreau/C. Casey/Herschel/SPIRE/HerMES/NASA]

Galáxias starburst

Combinando as capacidades de exploração do telescópio espacial Herschel e dos telescópios terrestres Keck, astrônomos caracterizaram centenas de galáxias de um tipo conhecido como starburst - com formação explosiva de estrelas.

As galáxias starburst - ou galáxias com surto estelar - dão à luz centenas de estrelas por ano, em eventos intensos de curta duração.

Em comparação, a Via Láctea, a nossa galáxia, produz em média por ano o equivalente a apenas uma estrela semelhante ao Sol.

As galáxias com surto estelar geram tanta luz que deveriam ofuscar a nossa galáxia centenas de milhares de vezes, mas a enorme quantidade de gás que lhes serve de combustível contém também muita poeira, que tanto aliment…

Primeiro implante de uma prótese robótica controlada pelo pensamento

Os impulsos elétricos que vêm pelos nervos do paciente serão capturados por uma interface neural que os enviará através do implante de titânio, tornando o equipamento uma prótese biônica verdadeira. [Imagem: Integrum]

Muitos cérebros

Já está agendada a primeira cirurgia para implantar em um paciente um braço robótico controlado pelo pensamento.

O implante será feito até Janeiro na Universidade de Chalmers, na Suécia, pelo grupo do Dr. Max Ortiz Catalan.

A cirurgia será um marco longamente esperado de uma área tipicamente multidisciplinar que, além dos cirurgiões, reúne neurologistas, roboticistas, engenheiros de diversas especialidades, programadores de computador e matemáticos.

"Nossa tecnologia ajudará os amputados a controlar um membro artificial de forma muito parecida com o que eles faziam com sua mão ou braço naturais, usando os próprios nervos e músculos remanescentes," disse Catalan.

Prótese com controle neural

Desde os anos 1960 existem próteses controladas pelos im…

Brasileiros trabalham em manto de invisibilidade militar

Os pesquisadores brasileiros estão interessados em impedir que objetos sejam vistos por radares, e planejam fazer isto interferindo com as ondas eletromagnéticas que os atingem, evitando sua reflexão. [Imagem: ITA/DCTA]

Fronteira da fronteira

Pesquisadores brasileiros construíram um diodo óptico, um dispositivo fotônico que deixa a luz passar apenas em um sentido.

O experimento coloca o Brasil na fronteira de duas das áreas de fronteira da pesquisa científica: a fotônica e os metamateriais.

O primeiro diodo óptico foi construído há pouco mais de um ano, por cientistas do Instituto Caltech, nos Estados Unidos.

Diodo óptico abre caminho para processadores fotônicos
Os cientistas brasileiros participaram de um trabalho conjunto com aquela equipe pioneira, além de parceiros da Universidade Nanjing, na China.

Compõem o grupo William Fegadolli, José Edimar Oliveira e Vilson Rosa de Almeida, ligados ao Instituto de Tecnologia da Aeronáutica (ITA).

Diodo óptico

Um diodo óptico é um componente…

Como disse o primeiro ministro russo, Medvedev em uma entrevista polêmica sobre os ultimos fracassos dos lançamentos espaciais: Tentativa russa de colocar satélite de comunicações em órbita fracassa

Yamal-402 separou-se de foguete 4 minutos antes do tempo.
Satélite continua sobre controle, segundo a agência Interfax.

A Rússia não conseguiu neste domingo (9) colocar em órbita um satélite de comunicações, um novo fracasso para a indústria espacial deste país, que nos últimos anos acumulou algumas falhas, anunciou uma fonte oficial.
"No dia 9 de dezembro, quando se aproximava o momento da colocação em órbita do satélite Yamal-402, este se separou do foguete com quatro minutos de avanço", explicou a agência espacial russa Roskosmos em um comunicado.
No entanto, o satélite continua sob controle e deve poder integrar sua órbita com seus próprios motores, informou a agência russa Interfax, uma fonte no seio da indústria espacial russa.
Yamal-402, que havia sido lançado no sábado do cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, pertence à Gazprom Space System, filial espacial e de telecomunicações do gigante de gás russo, e deve servir para as comunicações na Rússia, na Europa Centra…