Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 15, 2016

Ovni aterrissa e deixa marcas na comunidade de Varadero no distrito de Balsapuerto, Peru

Marcas deixadas pelo suposto objeto

A noite de segunda feira 16/05/16, foi uma noite de medo para os moradores da comunidade de Varadero, no Distrito de Balsapuerto. Um objeto voador não identificado teria aterrissado por alguns minutos a 50 metros da comunidade, o som estranho no céu semelhante ao de um liquidificador, relato de uma testemunha, fez com que muitas famílias saíssem para ver oque se passava por volta das 21:00 h, hora que a grande maioria dos moradores já se encontram dormindo. Foi então que uma senhora saiu de sua casa espantada junto de seus filhos, em direção à sua horta onde todos viram que algo luminoso iluminava a montanha e viram um objeto que flutuava a dois metros de altura sobre a terra, visualizando estranhas pessoas usando uma vestimenta semelhante a de astronautas, relatou a testemunha ao jornal El Diario de Yurimaguas narrando também o temor de toda gente. Varadero esta a uma hora e meia de barco de Yurimaguas, todos os moradores estão em alerta e assombr…

Santa Cruz (Bolívia): Moradores dizem ter visto ovni junto de um extraterretre no bairro El Dorado

Desenho do ser feito por estudantes

Na cidade de Santa Cruz, moradores do bairro El Dorado (zona el Bastíon), alegam haverem observado um ovni e que do mesmo haveria saído um ser extraterrestre. Acreditam que o suposto ser desceu de sua "nave" e que tentou voltar quando os moradores do bairro os viram.

O fato ocorreu por volta das 22:00 h, inclusive os moradores disseram que o ser teria subido nas árvores e desparecido deixando estranhas pegadas no solo. Estudantes conseguiram captar imagens de uma luz resplandecente sobre o bairro. Relataram que após o surgimento da luz que desceu lentamente na vertical, houve um som como de um trovão e o sinal de todos os celulares se cortaram.




FONTE: http://eju.tv//Canal Youtube Noticias Informativas

Céu da Semana - 23/05 até 29/05/2016 - Hubble (Parte 3)

FONTE: UNIVESP TV

É assim que a NASA testa o retorno de suas cápsulas espaciais que pousam no mar

Se você já se perguntou o que acontece quando uma cápsula espacial – trazendo um astronauta de volta à Terra – aterrissa na água, você não está sozinho. Engenheiros da NASA pensam nisso pra caramba, o que os levou a jogar o módulo Orion cheio de manequins em uma piscina gigante.

A agência espacial observa que, nos momentos mais rápidos, mesmo após a desaceleração dos paraquedas, o impacto com o mar cria “a maior desaceleração da missão e com isso, uma das maiores forças sobre o corpo humano”. Então, é melhor eles acertarem nos ajustes, pois o módulo Orion está planejado para pousar no Oceano Pacífico.


Manequins dentro da cápsula

Nos testes, os engenheiros colocam os manequins no módulo para, então, jogá-lo em uma bacia de 6 metros de profundidade, que fica no NASA Langley Research Center, para medir o impacto. “Não só podemos aprender como a estrutura reage a esses testes de impacto com a água, mas também conseguimos entender como a queda impacta os assentos e a tripulação”, explica …

Vestígios de dois megatsunamis antigos foram descobertos em Marte

Marte já contou com um vasto oceano que cobria seu hemisfério norte. Novas evidências sugerem que esse mar marciano passou por ao menos dois “megatsunamis” que começaram após impactos de meteoros. Vestígios desses eventos cataclísmicos ainda podem ser vistos na superfície do planeta, e eles ainda podem conter sinais de vida antiga.

Oceanos gigantes e tsunamis enormes não são as primeiras coisas que vêm à cabeça quando pensamos em Marte, mas o planeta já foi bem diferente do que é hoje. Há cerca de 3,4 bilhões de anos, explosões subterrâneas desencadearam uma torrente de água que produziu um oceano frio e salino cobrindo as planícies do norte do planeta. Em algumas regiões, ele tinha cerca de 1,6 km de profundidade. E pode ter sido até lar de vidas microbióticas. Mas o clima de Marte mudou, e a maior parte da água evaporou para o espaço.

Essa é a teoria. Essa ideia é baseada principalmente nas estimativas de quanta água Marte já teve e onde ela esteve na superfície do planeta. Mas pou…

Entrevista com Jill Tarter, ex-diretora do Centro de Pesquisa do Instituto SETI

Jill Tarter: "Encontrar a tecnologia extraterrestre vai dar esperança ao ser humano."

São dez horas e Jill Tarter, ex-diretora do Centro de Pesquisa do Instituto SETI, está pronta para divulgar os benefícios do terceiro Festival Starmus, na Espanha, mas, acima de tudo, para falar sobre seu trabalho no Instituto de Pesquisa em Vida Extraterrestre (SETI, na sigla em Inglês). Esta ex-chefe do SETI tem uma licenciatura em Física e em 2004 foi nomeada uma das pessoas mais influentes do mundo pela revista TIME, sendo uma buscadora pela vida precisamente fora deste planeta.

O SETI tem se especializado na busca de vida inteligente fora do sistema solar. Mas como isso é feito? Procurando por sinais de rádio ou sinais ópticos que indiquem a presença de uma civilização extraterrestre. A fim de encontrar a agulha no palheiro cósmico, o grupo SETI precisa discriminar os sinais produzidos pela própria natureza e se focar naqueles que apenas uma espécie inteligente poderia produzir.

A bus…

Cinturão de cometas em redor de sistema multiplanetário aponta para planetas escondidos ou errantes

Imagem obtida pelo ALMA da estrela HR 8799 (centro) e dos seus arredores. A inserção mostra a estrela e os quatro exoplanetas observados diretamente. O disco, juntamente com as suas irregularidades recentemente descobertas, pode ser visto em tons de azul. A linha branca indica uma distância de 100 UA (unidade astronômica), em que 1 UA é a distância média entre a Terra e o Sol.
Crédito: Booth et al., ALMA (NRAO/ESO/NAOJ)

Usando o observatório ALMA (Atacama Large Millimeter/submillimeter Array) no Chile, os astrônomos fizeram a primeira imagem de alta-resolução da cintura de cometas (uma região análoga à Cintura de Kuiper no nosso próprio Sistema Solar, onde Plutão e muitos outros objetos mais pequenos se encontram) em redor de HR 8799, a única estrela onde vários planetas foram fotografados diretamente.

A forma deste disco de poeira, particularmente a sua orla interna, é surpreendentemente inconsistente com as órbitas dos planetas, sugerindo que ou mudaram de posição com o passar do t…

Origem dos Elementos Químicos

FONTE: Canal Youtube Luc Anderssen

Um objeto longínquo mais distante que Plutão está entrando em foco

Mesmo após explorar Plutão, a sonda New Horizons da NASA ainda não terminou seu trabalho no sistema solar exterior. Pela segunda vez, ela observou o 1994 JR1, um objeto do Cinturão de Kuiper com 145 km de largura que orbita a mais de 5 bilhões de km do Sol.

As observações mais recentes, que foram feitas em 7 e 8 de abril pelo Long Range Reconnaissance Imager e reunidas no gif abaixo, quebram o próprio recorde da New Horizons para o nosso encontro mais próximo com um objeto do Cinturão de Kuiper.

Esse recorde foi estabelecido em novembro, quando a sonda observou o JR1 a uma distância de 280 milhões de km.

Aqui estava JR1 em novembro:



E aqui está ele no mês passado, a uma distância de apenas 111 milhões de km:



Essas observações permitiram à equipe científica da New Horizons começar a formar um retrato da solitária rocha espacial. Podemos agora identificar a localização do JR1 dentro de 1.000 km – é a órbita mais precisamente definida para um objeto do Cinturão de Kuiper.

Após determina…

Noite dos Ovnis: caso completa 30 anos sem ter mistério desvendado

Ouça áudio entre piloto e controlador quando avistam objetos no céu em 86.
Controlador de voo, Sérgio Mota, fala pela primeira vez sobre episódio.

Trinta anos depois, a ‘Noite dos Ovnis’ se mantém como um dos maiores mistérios ufológicos do Brasil. No dia 19 de maio de 1986, vinte e um pontos luminosos foram vistos no céu de São José dos Campos (SP). Cinco caças da Força Aérea Brasileira (FAB) foram enviados para 'combater' os alvos, que segundo relatos documentados oficialmente pelo governo, mudavam de localização em alta velocidade. O G1 conversou com os envolvidos no episódio - o controlador de voo falou pela 1ª vez publicamente sobre o assunto.

Naquela noite, o controlador de voo Sérgio Mota da Silva avistou os pontos luminosos no céu. Eles foram detectados pelo radar da torre de comando do aeroporto de São José. Quando Silva percebeu o primeiro ponto, acionou o piloto Alcir Pereira da Silva, que passava pela rota dos objetos em viagem com o então presidente da Embraer, O…

O sistema solar pode permanecer habitável mesmo depois que a Terra for destruída

Em alguns bilhões de anos, os oceanos da Terra vão evaporar e a atmosfera será destruída pelo fogo à medida que o nosso Sol se expandir em uma gigante vermelha. Vai ser fim de jogo para a vida em nosso planeta, mas para o sistema solar exterior, este será um recomeço. As luas Europa e Encélado vão derreter e criar oceanos, oferecendo um refúgio para qualquer forma de vida pós-humanoide.

Este, pelo menos, é um destino possível para a nossa espécie e nosso sistema solar, de acordo com novos modelos desenvolvidos pelos astrônomos Ramses Ramirez e Lisa Kaltenegger, publicados na revista Astrophysical Journal.

Uma das principais conclusões do estudo – luas congeladas do sistema solar exterior podem se tornar habitáveis à medida que nosso Sol envelhece e se expande – tem profundas implicações para outro lugar na galáxia em que podemos descobrir vida.

“Sabemos que, no futuro, o nosso Sol vai se tornar muito quente e brilhante para a vida na Terra”, diz Kaltenegger ao Gizmodo. “A ficção cien…

Mais luzes não identificadas flagradas em Hessdalen

O Projeto Hessdalen já registrou inúmeras aparições de UFOs

Pesquisadores confirmam que conseguiram obter filmagens de estranho objeto descrito por testemunhas locais

Pesquisadores da Universidade Ostford na Noruega conseguiram filmar, em setembro de 2007, um estranho objeto luminoso que as pessoas na região vinham reportando. O feito foi conseguido graças ao Observatório Interativo da Universidade de Hessdalen, que monitora a região 24 horas por dia. O professor da Universidade Ostford Erling Strand afirma que a pesquisa científica com o monitoramento contínuo teve início em 1981. Residentes informavam que as luzes variavam de cores, entre amarelho, vermelho e branco brilhante, flutuando sobre o vale próximo.

De acordo com Erling Strand, pioneiro na Ufologia de seu país, é mestre em ciências pela Universidade Técnica de Trondheim e um dos fundadores do Projeto Hessdalen, as luzes são observadas desde meados dos anos 30, mas os avistamentos aumentaram dramaticamente entre dezembro de…

Matemática resolve incertezas do tempo

Quando o tempo é longo demais, ou curto demais, o algoritmo consegue detalhar a temporalidade de eventos com datação incerta.[Imagem: UWM graphic/Allie Kilmer]

Incerteza de sincronia temporal

Digamos que você esteja tentando identificar quando um evento específico ocorreu no passado, mas sua melhor estimativa o coloque em uma janela temporal de 10.000 anos. Isto é muito comum no trabalho dos arqueólogos, astrofísicos, geólogos, historiadores, entre vários outros campos do saber.

Agora imagine conseguir diminuir essa janela para apenas 30 anos sem precisar de nenhuma outra evidência factual.

É justamente este o poder de uma nova ferramenta matemática concebida e já testada com êxito por uma equipe internacional de cientistas, liderada por Russell Fung e Abbas Ourmazd, da Universidade de Wisconsin em Milwaukee, nos EUA.

A ferramenta reduz as incertezas de sincronia temporal entre eventos, melhorando a precisão por um fator de até 300. E a unidade de tempo considerada não importa: podem…

Ufologia em Brasília

A matéria a seguir intitulada, Estudos sobre o desconhecido, foi publicada pelo site http://campus.fac.unb.br/ em 2013, mostrando a casuística ufológica do distrito federal e o envolvimento da Universidade de Brasília UNB nas pesquisa de alguns casos.

Estudos sobre o desconhecido

Ufologia é o termo usado para designar um campo do saber em que são estudados relatos, registros e fenômenos envolvendo objetos voadores não identificados (óvnis) e seus possíveis tripulantes. Trata-se de uma atividade com mais de 70 anos de existência e que está presente também na capital do Brasil.

O cenário ufológico em Brasília demonstra uma cidade com pessoas preocupadas em desvendar os mistérios sobre a vida extraterreste. E embora manifeste-se em grupos pequenos, a ufologia ocupa espaços distintos na capital. Nesse cenário, o fluxo da informação ufológica passa por núcleos de pesquisa, por documentos no Arquivo Nacional e até por preocupações militares acerca de óvnis.

Apesar da abertura de espaço para…

Conheça Jill Watson, a professora que é, na verdade, um robô

Cena do filme Ex Machina, de 2015, em que um programa de inteligência artificial adquire características humanas (Divulgação/Divulgação)

Alunos de um curso online do Instituto de Tecnologia da Geórgia, nos EUA, passaram os últimos cinco meses aprendendo com um robô – sem desconfiar

Para ajudar em seu curso online de ciências da computação no Instituto de Tecnologia da Geórgia, o professor Ashok Goel, selecionou um novo assistente neste semestre. O papel da americana Jill Watson era responder a algumas das cerca de 10.000 mensagens que os 300 alunos postavam em fóruns online relacionados aos temas da disciplina. Nos últimos cinco meses, Watson auxiliou os estudantes de pós-graduação com questões de rotina, fazendo lembretes de datas de entrega de trabalhos e sendo um apoio no momento de desenhar programas digitais. Há pouco mais de duas semanas, os alunos descobriram que Jill Watson é, na verdade, um robô – uma versão avançada do programa Watson, da IBM, conhecido por derrotar dois ca…

Especialistas estão pessimistas quanto à abertura prometida por Hillary Clinton

Até o momento não se conhecem as reais intenções de Hillary Clinton ao tratar dos UFOs em sua campanha

Pessoas que trabalharam na área governamental e que recolhem depoimentos de pilotos testemunhas de casos ufológicos não acreditam que, se eleita, ela possa de fato cumprir a promessa

Hillary Clinton é a mais provável candidata do Partido Democrata para as eleições presidenciais norte-americanas de 08 de novembro próximo. Caso eleita, ela será a primeira presidente mulher dos Estados Unidos, a primeira esposa de um ex-presidente a conseguir o cargo, e a primeira a discutir longamente durante a campanha uma possível liberação de documentação relativa a UFOs. Cada vez mais as seguidas declarações de promessas de abertura e do interesse de Clinton pelo assunto têm ocupado as manchetes de grandes veículos, porém após o otimismo inicial muitos começam a se perguntar o que de fato ela pode fazer.

Nick Pope, responsável pelo Projeto UFO do Ministério da Defesa (MoD) da Grã-Bretanha, entre o…

O plano da Nasa para descobrir vida fora da Terra na próxima década

POR SALVADOR NOGUEIRA

Astrônomos delineiam o futuro do estudo dos exoplanetas, à procura de uma nova Terra.

PLANETAS E MAIS PLANETAS
A equipe do queridíssimo satélite Kepler não se cansa de descobrir exoplanetas. Na última leva, foram 1.284, dos quais nove podem guardar semelhança com a Terra. Mas entre poder ser e ser, vai uma distância. E esse é o percurso que os astrônomos querem percorrer agora.

A GRANDE PERGUNTA
O Kepler foi só o começo. Sua missão era responder a uma pergunta angustiante: vale a pena gastar um caminhão de dinheiro em equipamentos caros para estudar planetas potencialmente parecidos com a Terra? Só valeria se eles existissem aos montes, e foi isso o que o satélite da Nasa conseguiu demonstrar.

EM BUSCA DOS ALVOS
Agora, entramos numa nova etapa. Não queremos mais saber quantos eles são, mas onde estão os mais próximos, aqueles que poderemos de fato verificar se são mesmo habitáveis. Para isso, em 2017, a Nasa vai lançar o satélite TESS. Ele fará o mesmo serviço d…

Astrônomos detectam elemento precioso no espaço

O hélio-3 foi detectado com o radiotelescópio de 70 metros pertencente ao Complexo de Comunicações com o Espaço Profundo de Madri. [Imagem: Universidade de Manchester]

Hélio-3

Astrônomos detectaram um gás raro e valioso a 4.000 anos-luz de distância da Terra.

Apesar de ser longe demais para que seja possível minerá-lo, acredita-se que o mesmo gás esteja presente na Lua e em locais mais próximos.

O gás é o hélio-3, que poderá ser usado como combustível nas futuras usinas de fusão nuclear e em naves espaciais, mas já é essencial para a criogenia e em equipamentos de imageamento médico.

O problema é que há muito pouco hélio-3 disponível naturalmente na Terra, de forma que ele precisa ser produzido a um custo muito elevado em laboratórios nucleares.

Hélio nas estrelas

O hélio-3 nasce em estrelas de pequena massa - menos que duas vezes a massa do Sol - que expelem a maior parte de sua matéria para o espaço no final de suas vidas, formando uma nebulosa planetária, o que deverá acontecer co…

Descoberta estrela com "motor interno" diferente do Sol

O posicionamento polar das manchas indica que o campo magnético da estrela é gerado por dinâmicas internas totalmente diferentes daquelas que operam no Sol. [Imagem: R. M. Roettenbacher - 10.1038/nature17444]

Manchas estelares

Pela primeira vez, manchas solares - ou manchas estelares - foram fotografadas diretamente em uma estrela que não o Sol.

"Enquanto manchas solares por imagiologia foram uma das primeiras coisas que Galileu fez quando começou a usar o telescópio recém-inventado, demorou mais de 400 anos para que fazermos um telescópio poderoso o suficiente que pudesse fotografar pontos em estrelas além do Sol," disse John Monnier, astrônomo da Universidade de Michigan, nos EUA.

E os resultados foram surpreendentes: a estrela parece ter um "motor interno" diferente do Sol, o que se manifesta em um campo magnético muito diverso.

Como o único modelo de estrela que os astrônomos tinham até hoje era o próprio Sol, os dados não batem com as atuais teorias de como o…

Céu da Semana de 16/05 a 22/05/2016 - História do telescópio Hubble

FONTE: UNIVESP TV

Robô de telepresença da Disney é tão preciso que até coloca uma linha na agulha

Replicar movimentos humanos é um desafio de engenharia, e os robôs estão lentamente ficando melhores nisso. Uma equipe de pesquisa financiada pela Disney criou um robô operado remotamente que é capaz de duplicar os movimentos de um ser humano com precisão notável, a ponto de enfiar uma linha na agulha e mover um ovo sem quebrá-lo.

A mais recente criação da Disney Research está longe de ser o primeiro robô de telepresença no mercado. Na verdade, a tecnologia vem sendo usada em figuras robóticas que reagem e interagem com os visitantes de parques temáticos, graças a um artista escondido nas proximidades.



O que é inovador neste robô de telepresença é o uso de um novo sistema hidráulico híbrido, de água e ar, cujos braços espelham mais precisamente os movimentos de um operador humano, e que também fornecem um feedback físico quase instantâneo, permitindo um controle mais preciso.

Um conjunto de câmeras estéreo na cabeça do robô fornece feedback em tempo real para um operador usando óculo…

Project Company: os robôs serão grandes auxiliares nos diagnósticos de pacientes

Em 2013, a Project Company – uma empresa baseada em Maringá (PR) – desenvolveu o R1T1, primeiro robô de telepresença a “trabalhar” em um hospital brasileiro. Após três anos e já com seis robôs espalhados em atividade pelo Brasil, a companhia agora vislumbra um futuro em que seu robô possa ser um grande parceiro para ajudar médicos em diagnósticos.

Por ora, as principais atividades do robô são telepresença aplicada em tratamento de autismo, terapia para pessoas internadas ou auxílio em cirurgias. No entanto, segundo Antonio Henrique Dianin, durante palestra no Festival Path realizada em São Paulo neste sábado (14), a tecnologia – com a ajuda de sensores e aprendizado de máquina – poderá ser de grande ajuda para o diagnóstico médico.


Sistema de reconhecimento de emoções do R1T1 é uma solução da Universidade de Stanford, nos EUA

“Com o uso da câmera de nosso robô, já conseguimos saber a frequência cardíaca através da análise da pupila, sua respiração e até como você está se sentindo”, d…