Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 22, 2019

Encontrados três buracos negros em rota de colisão

Um trio de buracos negros localizados a 1 bilhão de anos-luz da Terra.
Crédito: raios-X - NASA/CXC/Universidade George Mason/R. Pfeifle et al.; óptico - SDSS & NASA/STScI

Os astrônomos descobriram três buracos negros gigantes numa colisão titânica de três galáxias. O sistema invulgar foi capturado por vários observatórios, incluindo três telescópios espaciais da NASA.

"Estávamos na altura apenas à procura de pares de buracos negros e, ainda assim, através da nossa técnica de seleção, deparamo-nos com este sistema incrível," disse Ryan Pfeifle, da Universidade George Mason, em Fairfax, no estado norte-americano da Virgínia, primeiro autor de um novo artigo publicado na revista The Astrophysical Journal que descreve estes resultados. "Esta é a evidência mais forte já encontrada de um sistema triplo de buracos negros supermassivos ativos."

O sistema é conhecido como SDSS J084905.51+111447.2 (ou, abreviando, SDSS J0849+1114) e está localizado a 1 bilhão de anos-lu…

Pulsos de raios gama de estrela de nêutrons que gira 707 vezes por segundo

Um pulsar e a sua pequena companheira estelar, vistas no seu plano orbital. A poderosa radiação e o "vento" pulsar - um fluxo de partículas altamente energéticas - aquecem fortemente o lado da estrela orientado na direção do pulsar até temperaturas duas vezes mais altas do que a superfície do Sol. O pulsar está evaporando gradualmente a sua parceira, que enche o sistema com gás ionizado e impede os astrônomos de detectarem, na maior parte do tempo, o feixe rádio do pulsar.
Crédito: Centro de Voo Espacial Goddard da NASA/Cruz deWilde

Uma equipa internacional de investigação liderada pelo Instituto Max Planck para Física Gravitacional (Instituto Albert Einstein em Hannover) descobriu que o pulsar de rádio J0952-0607 também emite radiação gama pulsada. J0952-0607 gira 707 vezes por segundo e é o segundo na lista de estrelas de nêutrons de rápida rotação. Através da análise de 8,5 anos de dados do Telescópio Espacial de Raios Gama Fermi da NASA, observações de rádio do LOFAR do…

WFIRST da NASA vai ajudar a descobrir o destino do Universo

Ilustração do WFIRST.
Crédito: Centro de Voo Espacial Goddard da NASA

Os cientistas descobriram que uma pressão misteriosa chamada "energia escura" compõe cerca de 68% do conteúdo energético total do cosmos, mas até agora não sabemos muito sobre ela. A exploração da natureza da energia escura é uma das principais razões pelas quais a NASA está a construir o WFIRST (Wide Field Infrared Survey Telescope), um telescópio espacial cujas medições vão ajudar a iluminar o quebra-cabeças da energia escura. Com uma melhor compreensão da energia escura, teremos uma melhor noção da evolução passada e futura do Universo.

Um Cosmos em expansão

Até ao século XX, a maioria das pessoas achava que o Universo era estático, permanecendo essencialmente inalterado por toda a eternidade. Quando Einstein desenvolveu a sua teoria geral da relatividade em 1915, descrevendo como a gravidade atua através do tecido do espaço-tempo, ele ficou intrigado ao descobrir que a teoria indicava que o cosmos ou …

Abdução em alto mar (Pesquisas 35)

Programa onde comentamos sobre um caso de abdução em alto mar, ocorrido no final da década de 60, com o marujo Mário Monteiro da Silva, a bordo do Petroleiro AMAPÁ. Na revista OVNI Pesquisa número 05 encontra-se este caso detalhado e mais um outro caso de abdução ocorrido em 1982, no Petroleiro MAFRA.





FONTE: Enigmas e Mistérios

Acesse os demais links da série "Pesquisas" no link abaixo (Pesquisas 30):

Blue Book se interessou por caso ufológico brasileiro? (Pesquisas 30)

OVNI foi fotografado em duas cidades diferentes? (Pesquisas 31)

Depoimento inédito de policial sobre OVNI em São Paulo - SP (Pesquisas 32)

OVNIs e tripulantes na Praia do Guaiuba, no Guarujá - SP (Pesquisas 33)

Uma cidade maior que Machu Picchu? (Pesquisas 34)

Grande novidade!

Chegamos com uma grande novidade, para que você possa interagir mais conosco. Seja um apoiador através do link:
https://apoia.se/enigmasemisterios

Muito obrigado!

O canal Enigmas e Mistérios com Edison Boaventura Júnior, aborda temas como Ufologia, Parapsicologia, Mistérios da Natureza, Enigmas Bíblicos, etc. Nos primeiros seis programas foi intitulado de "Enigmas e Mistérios em 11 Minutos". Todavia, como houve pedidos do público para aumentar o horário dos programas, decidimos mudar o nome para "Enigmas e Mistérios".

Desde 1981 o pesquisador Edison esteve envolvido em vários casos clássicos do Fenômeno OVNI no Brasil e exterior, atuando com metodologia cientifica, sempre divulga os resultados de suas investigações por meio de diversas mídias (vídeos, revistas, palestras, livros, etc).



FONTE: Enigmas e Mistérios

Uma cidade maior que Machu Picchu? (Pesquisas 34)

Programa que aborda a descoberta de uma cidade antiga da civilização Inca no Peru que seria maior que a famosa cidade de Machu Picchu que foi exposta ao mundo pelo professor norte-americano Hiram Bingham. A cidade de Choquequirao foi descoberta dois anos antes de Machu Picchu. Assista o vídeo e conheça melhor os mistérios desta história!



FONTE: Enigmas e Mistérios

Veja também:

Acesse os demais links da série "Pesquisas" no link abaixo (Pesquisas 30):

Blue Book se interessou por caso ufológico brasileiro? (Pesquisas 30)

OVNI foi fotografado em duas cidades diferentes? (Pesquisas 31)

Depoimento inédito de policial sobre OVNI em São Paulo - SP (Pesquisas 32)

OVNIs e tripulantes na Praia do Guaiuba, no Guarujá - SP (Pesquisas 33)

Poeira de asteroides pode ter causado explosão de vida há 466 milhões de anos

Representação artística de uma colisão de asteroides no espaço. Crédito: Don Davis/Southwest Research Institute

Impactos no cinturão de asteroides pode ter inundado a Terra com poeira cósmica e estimulado o surgimento de novas espécies

Considere a possibilidade de um asteroide ter transformado o cenário de vida na Terra. Mas não pense no impacto destruidor que extinguiu os dinossauros — estamos, na verdade, falando de um período 400 milhões de anos antes.

Naquela época, a vida ainda se concentrava principalmente nos oceanos, e a espinha dorsal era a mais recente novidade anatômica. Mas, diferentemente do asteroide que matou os dinossauros há 66 milhões de anos, essa nova rocha espacial sobre a qual falamos nunca chegou a colidir com a Terra. Em vez disso, uma colisão no cinturão de asteroides inundou o Sistema Solar com tanta poeira que, juntamente com algumas outras mudanças na época, permitiu que a vida na Terra prosperasse — é o que sugere uma nova pesquisa.

“Os eventos mais impor…

Estufa espacial é aprovada em teste na Antártica

A colheita foi farta e consumiu menos da metade da energia que se esperava - mas deu muito trabalho.
[Imagem: Hanno Muller/AWI]

Cultivo sem solo

Pesquisadores da Agência Espacial Alemã (DLR) completaram o primeiro ano de testes de uma estufa espacial que está sendo testada na Antártica, chamada Eden ISS.

Os testes comprovaram que uma versão final poderá suprir com folga as necessidades dos astronautas não apenas na Estação Espacial Internacional, mas também em futuras missões na Lua e em Marte.

Os pesquisadores ficaram surpresos em ter alcançado os objetivos com muito menos energia do que o esperado, e com a dimensão da colheita, esta maior do que o esperado.

Foram produzidos 268 quilogramas (kg) de alimentos em uma área de 12,5 metros quadrados durante os 9,5 meses de safra, incluindo 67 kg de pepino, 117 kg de alface e 50 kg de tomate.


Visão artística da estufa espacial em uma base na Lua ou em Marte.
[Imagem: Liquifer Systems Group]

Tempo de cultivo

A carga de trabalho necessária …

As mais belas atuações da natureza inspiram a próxima geração de inteligência artificial

Esse complexo padrão organizacional é conhecido como modo de Goldstone.
[Imagem: Cortesia Marco Campazas/Divulgação]

Cérebro distribuído

Depois da biomimética e da geomimética, os pesquisadores estão tentando replicar agora os mecanismos básicos por trás de alguns dos padrões mais altamente organizados vistos no reino animal, como as danças de bandos de pássaros no céu e de cardumes de peixes nos oceanos.

Grupos como esses, consistindo em muitos casos de centenas de milhares de animais individuais, parecem se mover como se fossem compelidos por uma inteligência coletiva.

"A beleza da natureza inspirou artistas, filósofos e cientistas pelo tempo que podemos lembrar. A harmonia aparentemente sem esforço no movimento coletivo de aves migratórias, ou de peixes em cardumes, desafia as explicações. Nosso objetivo era obter um modelo mínimo para características gerais de auto-organização no mundo natural ou animal," explicou o professor Marco Mazza, da Universidade de Loughborough…

Mão robótica mescla intenção do usuário com inteligência artificial

Versão do equipamento usada para aprimorar os algoritmos de inteligência artificial.
[Imagem: EPFL/Alain Herzog]

Tecnologia neuroprotética

Engenheiros suíços começaram a testar uma nova tecnologia neuroprotética que combina o controle robótico com o controle voluntário dos usuários.

Eles estão desenvolvendo novas abordagens para o controle aprimorado das mãos robóticas - em particular para amputados - que combinam o controle individual dos dedos e a automação para melhorar a pegada e a manipulação dos objetos.

A tecnologia mescla dois conceitos de dois campos diferentes. A implementação simultânea de ambos nunca havia sido feita antes para o controle de mãos robóticas.

O primeiro conceito, da neuroengenharia, envolve decifrar o movimento pretendido dos dedos a partir da atividade muscular no coto do amputado, e então usar esses sinais para o controle individual dos dedos da mão protética - o detalhe é o controle dos dedos individualmente, algo que nunca foi feito antes. O outro conce…

Tabela Periódica para moléculas é quadridimensional

Além de serem quadridimensionais, são várias tabelas periódicas para diferentes tipos de moléculas.
[Imagem: Tsukamoto et al. - 10.1038/s41467-019-11649-0]

Tabela Periódica para moléculas

O ano em que a Tabela Periódica completou 150 anos marcou também o advento de uma Tabela Periódica para altas pressões, seguindo-se a uma Tabela Periódica Monoatômica, que está servindo como guia para sintetizar materiais bidimensionais.

E já há novidades na área: uma equipe do Instituto de Tecnologia de Tóquio acaba de desenvolver tabelas semelhantes à tradicional Tabela Periódica dos elementos, mas que listam moléculas em vez de átomos.

Esta abordagem promete facilitar muito o trabalho de prever novas substâncias estáveis e criar novos materiais úteis.

Embora alguns pesquisadores já tivessem pensado nessa possibilidade antes, e até proposto regras periódicas para prever a existência de certas moléculas, essas previsões se mostraram válidas apenas para grupos de átomos com simetria quase esférica, …

Vídeos do Pentágono que mostram OVNIs são reais, diz Marinha dos EUA

Vídeo divulgado pela organização The Stars Academy of Arts & Science mostra objetos voadores não identificados (The Stars Academy of Arts & Science/Reprodução)

Governo americano afirmou não saber do que se tratam os objetos vistos nas filmagens, que eram secretas e nunca deveriam ter sido divulgadas

Por Da Redação

A Marinha dos Estados Unidos confirmou a autenticidade de três vídeos do Pentágono divulgados pela imprensa em 2017 que mostram objetos voadores não identificados (OVNIs). O governo americano afirmou não saber o que são os objetos vistos nas filmagens.

As imagens foram vazadas em 2017 e 2018 pelo jornal americano The New York Times e pela organização The Stars Academy of Arts & Science, criada pelo ex-vocalista e guitarrista da banda Blink-182 Tom DeLonge.

Nesta semana, a Marinha americana confirmou a veracidade dos vídeos ao site The Black Vault, especializado em vazamento de documentos e informações sigilosas do governo. Segundo o porta-voz Joseph Gradisher, a…

Rochas "saltitantes" e colapsos de penhascos no Cometa 67P/C-G

Exemplo de um pedregulho movendo-se pela superfície do Cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko, capturado em imagens da câmara OSIRIS da Rosetta.
Crédito: ESA/Rosetta/MPS para Equipe OSIRIS MPS/UPD/LAM/IAA/SSO/INTA/UPM/DASP/IDA

Cientistas que analisam o tesouro de imagens obtidas pela missão da Rosetta da ESA descobriram mais evidências de curiosas rochas "saltitantes" e quedas dramáticas de penhascos.

A Rosetta operou no Cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko entre agosto de 2014 e setembro de 2016, recolhendo dados sobre o ambiente de poeira, gás e plasma do cometa, sobre as suas características de superfície e sobre a sua estrutura interior.

Como parte da análise de cerca de 76.000 imagens de alta resolução capturadas com a sua câmara OSIRIS, os cientistas têm procurado mudanças na superfície. Em particular, estão interessados em comparar o período da maior aproximação do cometa ao Sol - conhecido como periélio - com aquele após esta fase mais ativa, para entender melhor os processos…

O tesouro de US$ 20 bilhões perdido no mar da Colômbia

Acredita-se que o navio naufragado San José fique na região das Ilhas Rosário, na Colômbia - ALAMY

Victoria Stunt
Medellín, Colômbia

Era 8 de junho de 1708 quando o galeão espanhol San José sucumbiu às chamas na costa de Cartagena, na atual Colômbia.

A embarcação estava em batalha com os britânicos desde o fim da tarde e, à noite, o navio com 62 canhões desapareceu no mar do Caribe.

Com ele, afundaram quase 600 pessoas e até US$ 20 bilhões (cerca de R$ 82 bilhões) em ouro, prata e joias.

Por séculos, o San José ficou perdido no fundo do oceano. Mas o mistério em torno do navio começou a ser desvendado em 2015, quando o governo colombiano anunciou que ele havia sido oficialmente encontrado.

Quatro anos depois, o galeão ainda está a 600 m de profundidade nas águas colombianas — e, agora, está também no centro de uma disputa de custódia entre várias partes que reivindicam suas riquezas.

O governo colombiano não revelou a localização exata do famoso galeão, conhecido como o "santo g…

OVNI teria sido visto por moradores de Xanxerê (SC) na década de 70

Foto: Gazeta do Povo

Inúmeros relatos apontam para a aparição de um Objeto Voador Não Identificado há mais de 40 anos no município. Acompanhe os depoimentos.



FONTE: Canal Ideal

O maior radiotelescópio do mundo, FAST está prestes a ser inaugurado na China

Foto: Xinhua News Agency/Shutterstock

Por Daniele Cavalcante

O radiotelescópio chinês FAST (sigla para Five-hundred-meter Aperture Spherical Radio Telescope) está prestes a se tornar totalmente operacional. Sua construção foi concluída em 2016, e ele já passou por testes rigorosos antes de chegar à última etapa antes de sua inauguração oficial - o processo final de revisão na China, chamado National Construction Acceptance.

Trata-se do maior e mais sensível radiotelescópio do mundo, e a segunda maior abertura de um único prato depois do RATAN-600, na Rússia. É constituído por um prato fixo de 500 metros, feito de 4.450 painéis individuais, e está localizado na depressão Dawodang, uma bacia natural do tamanho de 30 campos de futebol, no condado Pingtang, sudoeste da China.

"Depois de aprovarmos essa revisão, o FAST se tornará um telescópio aceito para explorar o Universo", disse Jiang Peng, engenheiro-chefe e vice-diretor do Centro de Desenvolvimento e Operação do telescópio…