Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 17, 2016

Próximo de seus 26 anos, telescópio Hubble obtém espetacular imagem de nebulosa

A Nebulosa da Bolha, com 10 anos-luz de extensão, marca o 26º aniversário do telescópio espacial Hubble

Cientistas e especialistas da NASA esperam que o intrumento ainda funcione por vários anos

O telescópio espacial Hubble foi levado ao espaço na missão STS-31 do ônibus espacial Discovery, em 24 de abril de 1990, significando que no próximo domingo completará nada menos que 26 anos em órbita. Batizado em honra ao astrônomo Edwin Hubble (20 de novembro de 1889, 28 de setembro de 1953) primeiro a demonstrar que existiam outras galáxias além de nossa Via Láctea, e detectar os primeiros indícios da expansão do Universo entre outros feitos, o instrumento proporcionou ao longo desses anos uma revolução nunca vista na Astronomia e em nosso entendimento do Cosmos.

Iniciando as comemorações de aniversário, foi liberada neste 21 de abril uma extraordinária imagem da Nebulosa da Bolha, uma enorme nuvem de gás e poeira iluminada pelas estrelas em seu interior. Conhecida em inglês como Bubble Ne…

China quer ir a Marte em 2020

O objetivo é que a nave não tripulada aterrisse em Marte, após vários meses de viagem, em 2021(Nasa/VEJA)

Em entrevista coletiva, o diretor da Administração Nacional do Espaço afirma que também faz parte do planejamento colocar em serviço uma estação orbital própria

A China confirmou nesta sexta-feira que planeja enviar um veículo explorador a Marte em 2020. O novo plano faz parte de seu programa espacial, que inclui também colocar em serviço uma estação orbital própria. A missão ao planeta vermelho "deve orbitar em torno de Marte, aterrissar em sua superfície e desdobrar um veículo robô", anunciou em entrevista coletiva o diretor da Administração Nacional do Espaço e vice-ministro de indústria, Xu Dazhe.

A China já enviou uma sonda à superfície lunar, assim como outras naves que orbitaram em torno do satélite, mas Xu insistiu na complicada missão a Marte, já que representa se atirar "à exploração do espaço profundo".
A China tentou em novembro de 2011 o lançament…

TV Câmara Jacareí aborda o tema Ufologia

O ‘TV Câmara Entrevista’ debate um tema muito intrigante e que causa curiosidade em todo mundo: a ufologia, estudo sobre existência de objetos voadores não identificados. Para tratar do assunto, o estúdio da TV Câmara Jacareí recebeu Mauro Baére, funcionário público e fundador do GEU (Grupo de Estudos Ufológicos “19 de Maio”), e Cláudio Oliveira, que é técnico em manutenção de aeronaves e também integrante do grupo.




FONTE: TV CÂMARA JACAREÍ

Relatos Ovnis no interior de Minas Gerais com o ufólogo Marcio Vicente

FONTE: TV SETE LAGOAS

Hillary Clinton volta a afirmar que irá liberar arquivos ufológicos

Hillary Clinton na entrevista para o programa de rádio The Breakfast Club

Candidata afirmou que não acredita que quem afirma ter observado objetos voadores não identificados esteja somente inventando histórias

As eleições presidenciais norte-americanas atingiram um ponto importante nesta semana, com a realização das primárias em Nova York. Enquanto estava na cidade, a ex-senadora e candidata Hillary Clinton visitou o bairro de East Harlem, e concedeu uma entrevista ao programa de rádio The Breakfast Club. Na entrevista, Clinton voltou a afirmar que pretende, caso eleita presidente, liberar arquivos governamentais dos Estados Unidos sobre UFOs.

O apresentador, Charlamagne, tocou no assunto e a candidata não economizou nas respostas, conforme mostrado abaixo:

Charlamagne: Se a senhora for eleita presidente, vai realmente revelar a verdade sobre os UFOs?

Clinton: Eu vou. Já disse que quero abrir quantos arquivos atualmente secretos quanto possível. Quero dizer, se houver algum grande mo…

A supernova que atingiu a Terra

POR SALVADOR NOGUEIRA

Explosão de supernova atingiu a Terra cerca de 2 milhões de anos atrás, dizem cientistas

BEM ME QUER, MAL ME QUER
É difícil dizer se supernovas são heroínas ou vilãs. Esse é o nome a que se dá às imensas explosões que ocorrem às estrelas de alta massa quando elas esgotam seu combustível e não conseguem mais se manter estáveis. Parece ruim, não é?

A FANTÁSTICA FÁBRICA
Acontece que é graças a elas que elementos mais pesados — como oxigênio, carbono e ferro — são produzidos e então espalhados pelo Universo. No Big Bang, foram fabricados apenas hidrogênio, hélio e um tantinho de lítio.

VALEU, SUPERNOVA!
Sem esse semear feito por algumas supernovas caridosas na nuvem de gás primordial que deu origem ao Sol e seus planetas, há 4,6 bilhões de anos, nós não poderíamos estar aqui. Os átomos mais pesados que estão no seu corpo hoje foram forjados no coração das estrelas.

OPORTUNO, MAS NÃO PARA O MOMENTO
Em compensação, depois que já estamos aqui, felizes, contentes e sorr…

Edward Snowden e Jean-Michel Jarre se unem para lançar música eletrônica

Jean-Michel Jarre e Edward Snowden em imagem do vídeo gravado pelo músico francês (Foto: Reprodução)

Ex-consultor da NSA emprestou voz para canção 'Exit' do artista francês.
Segundo Jarre, seu novo projeto trata da 'relação ambígua com tecnologia'.

Edward Snowden agora também é músico. O ex-consultor da Agência de Segurança Nacional (NSA) dos Estados Unidos emprestou sua voz para "Exit", uma música eletrônica gravada em parceria com o artista francês Jean-Michel Jarre. A canção faz parte do álbum de colaborações "Electronica Volume II: The Heart Of Noise" e já pode ser ouvida em serviços de streaming como Spotify e iTunes.
A aliança improvável foi possível graças ao jornal britânico "The Guardian". A publicação cobriu de perto o vazamento feito por Snowden de informações dos programas de vigilância do governo dos EUA. Em uma entrevista posterior ao veículo, Jarre pediu para ser posto em contato com o ex-consultor da NSA.
Isso porque o mús…

Vídeos Kurzgesagt

FONTE: Kurzgesagt

Poeira interestelar intercetada em Saturno

Dos milhões de grãos de poeira que a Cassini "provou" em Saturno, umas poucas dúzias parecem ser oriundas do exterior do nosso Sistema Solar. Os cientistas pensam que estes grãos especiais têm origens interestelares porque movem-se muito mais depressa e em direções diferentes em comparação com o material poeirento nativo de Saturno.
Crédito: NASA/JPL-Caltech

A sonda Cassini detetou a fraca, mas distinta, assinatura de poeira oriunda de fora do nosso Sistema Solar.

A Cassini voa em redor do sistema de Saturno há já 12 anos, estudando o gigante gasoso e os seus anéis e satélites. Também encontrou milhões de grãos de poeira ricos em gelo com o seu instrumento CDA (Cosmic Dust Analyser), a vasta maioria dos quais são do satélite gelado, Encelado, e constituem um dos anéis exteriores de Saturno.

Entre os grãos detetados, 36 destacam-se - e os cientistas concluem que vieram de fora do nosso Sistema Solar.

Este tipo de poeira não é, de todo, inesperado. Na década de 1990, a missão…

Imagem VST do enxame de galáxias da Fornalha

O Enxame de Galáxias da Fornalha é um dos enxames mais próximos de nós situado para lá do Grupo Local de Galáxias. Esta nova imagem obtida pelo Telescópio de Rastreio do VLT mostra a parte central do enxame com muito pormenor. Em baixo à direita podemos ver a galáxia espiral barrada NGC 1365 e à esquerda a grande elíptica NGC 1399.
Crédito: ESO. Reconhecimento: Aniello Grado e Luca Limatola

Esta nova imagem, obtida pelo Telescópio de Rastreio do VLT (VST) instalado no Observatório do Paranal do ESO no Chile, mostra a concentração de galáxias conhecida por Enxame da Fornalha, que se situa na constelação da Fornalha no hemisfério sul. O enxame comporta uma quantidade de galáxias de todas as formas e tamanhos, algumas das quais escondem alguns segredos.

As galáxias parecem ser algo "sociais", gostando de se juntar em grupos grandes, a que chamamos enxames. Na realidade é a gravidade que mantém as galáxias unidas num enxame, como se de uma única identidade se tratassem, com a f…

Cientistas descobriram algo bem inesperado sobre a atmosfera de Vênus

Vênus é um planeta que derrete qualquer coisa que entra em contato, certo? Não totalmente. Dados da primeira missão da Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) foram analisados e trouxeram algumas informações fascinantes sobre a atmosfera do nosso vizinho mais próximo. Algumas partes de Vênus são muito, muito frias.

A missão Venus Express da ESA chegou em Vênus em 2006 e inicialmente deveria durar apenas 500 dias. Mas a sonda se mostrou excepcionalmente útil e continuou explorando o planeta pelos oito anos seguintes.

Mas uma hora a Venus Express ficou sem combustível. E então, como aconteceu com diversas outras sondas antes dela, ela fez um mergulho suicida na superfície do planeta. A Venus Express perdeu contato com a Terra em novembro de 2014, e agora podemos dizer com segurança que ela derreteu e se tornou uma poça de lixo eletrônico.

Mas antes disso tudo acontecer, em julho de 2014, a Venus Express realizou uma demonstração importante de tecnologia. Enquanto descia pel…

Avião teve encontro assustador com UFO em 1967

Learjet 23 semelhante ao envolvido no caso. Pilotos de aeronaves têm encontrado UFOs durante seu trabalho frequentemente, por vezes confirmados via radar

Intruso chegou muito próximo da aeronave, em caso registrado pela Narcap

O Centro Aeronáutico Nacional de Registros de Fenômenos Anômalos (Narcap) tem estabelecida uma sólida reputação de entidade seríssima, que registra e analisa relatos de pilotos e tripulações envolvendo a presença de objetos voadores não identificados. Presidida pelo Dr. Richard Haines, que foi funcionário da NASA, a entidade possui milhares de registros dessas ocorrências.

Um deles aconteceu em janeiro de 1967, a noite sobre o Novo México, envolvendo pessoas a bordo de um jato Learjet 23. Jimmie Moran, um dos passageiros, foi o primeiro a observar um objeto luminoso de cor vermelha na posição 10 horas, ou seja a esquerda e um pouco a frente do avião. O piloto, Carl M., iria entregar a aeronave nova a seu comprador em Las Vegas, e voava a Mach 0,82. O piloto man…

UFO percorreu mais de 190 quilômetros em 8 segundos

Documentário de Robert Hastings apresenta novidades quanto ao Caso Rendlesham

Quem afirma são os controladores de voo da Base Aérea de Bentwaters, que pela primeira vez falam abertamente sobre famoso caso acontecido em 1980

O extraordinário documentário produzido por Robert Hastings, UFOs and Nukes: The Secret Link Revealed, começa a apresentar impressionantes revelações, sendo um bem-vindo alento à Ufologia Mundial. Uma das novidades é o depoimento de oficiais de controle de voo da Base Bentwaters da Real Força Aérea Britânica (RAF), que estavam de serviço durante o histórico incidente ali acontecido em 26 e 27 de dezembro de 1980, também conhecido como o Caso da Floresta de Rendlesham. No ponto culminante dos acontecimentos o próprio vice-comandante da base, tenente-coronel Charles Halt, saiu para investigar acompanhado por outros militares.

Bentwaters era então operada pela Força Aérea Norte-Americana (USAF) e nela era mantido o maior estoque de armas nucleares disponíveis na Euro…

As árvores são ainda mais incríveis do que pensávamos

Árvores. Tem alguma coisa que elas não podem fazer? Duvido. Vamos ver: elas produzem metade do oxigênio do mundo, fornecem habitat para milhões de espécies, criando o solo e os recursos de madeira que precisamos. Nada mal. Mas isso é só o começo. Um novo estudo aponta que há muito mais acontecendo abaixo do chão das florestas do que imaginávamos.

As árvores podem ser as arquitetas originais da comunicação estilo internet. Através de uma rede de pequenos pelos radiculares e filiformes amigos de fungos chamados micélios, as árvores de uma floresta estão todas ligadas, trocando nutrientes e informações entre si. Os biólogos já sabiam disso há anos. O que eles não sabiam é quanto açúcar é trocado através dessa rede. Um novo estudo sugere que uma fração significativa do suprimento de nutrientes de uma árvore pode vir de outras árvores.

Tamir Klein e seus colegadas da Universidade de Basileia na Suíça descobriram isso meio que por acidente. Eles conduziam experimentos de campo para aprende…

Como funcionaria um elevador espacial de verdade, e é possível construir um?

No YouTube, Kurzgesagt questiona se elevadores espaciais realmente podem ser feitos. É fascinante aprender sobre os benefícios (óbvios) de se ter um elevador espacial – enviar coisas lá para cima ficaria muito mais barato! – mas mesmo que demore para sempre até conseguirmos construir essa estrutura de 36.000km (o que não é possível com a nossa tecnologia atual), deve valer a pena só por melhorar nossas opções de exploração espacial.

Confira o vídeo abaixo, com opção de legendas em português:



FONTE: GIZMODO BRASIL

Teoria de “fração do tempo” sugere que não somos tão conscientes quanto pensávamos

Nossa percepção consciente do mundo parece como um fluxo contínuo e ininterrupto, mas um novo estudo sugere que ela é mais parecida com quadros de um rolo de filme rodando em um projetor.

Ainda não sabemos muitas coisas sobre a consciência e como ela se forma no cérebro. Mesmo que a percepção – como visão e audição – pareça suave e ininterrupta, neurocientistas não têm certeza de que ela flui continuamente como a água que sai de uma torneira ou se é mais como um rolo de filmes com 24 quadros por segundo.

Uma equipe de pesquisadores europeus defende que é mais próximo do segundo caso – mas com uma mudança. O novo framework conceitual deles, publicado no PLOS Biology, sugere que inicialmente processamos informações sensoriais recebidas em um estado inconsciente, que então se desloca para a consciência perceptual completa.


O modelo de percepção visual em dois passos. Imagem: Michael H. Herzog/PLOS Biology

O novo modelo, desenvolvido por Michael Herzog do Escola Politécnica Federal de La…

Galáxia nunca antes vista é descoberta orbitando a Via Láctea

Pesquisadores monitorando os céus tiveram uma grande surpresa recentemente: eles avistaram uma galáxia orbitando a nossa Via Láctea onde nada havia sido visto antes. Como a recém-descoberta Crater 2 conseguiu esta proeza? Na verdade, ela estava lá o tempo todo – os humanos é que não conseguiam vê-la.

Não podemos culpar o tamanho dela por sua relativa obscuridade. A Crater 2 é uma galáxia-anã, mas ainda assim é grande: na verdade, é a quarta maior galáxia orbitando a nossa.

Também não podemos culpar a sua distância: a Crater 2 orbita em torno da Via Láctea a 380.000 anos-luz de distância, colocando-a bem na nossa vizinhança cósmica.

Então como é que não sabíamos que ela estava lá? Um novo estudo, feito por pesquisadores da Universidade de Cambridge (Reino Unido) e publicado na revista Monthly Notices of the Royal Astronomical Society, tem uma resposta para nós.

Acontece que, apesar de ser grande e estar próxima, a Crater 2 é uma galáxia muito escura – na verdade, uma das mais escuras …