Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março 19, 2017

Mulher acredita ter visto OVNI em Cascavel (PR) em outubro de 2015

A mulher, o filho dela e a nora viram o objeto voador que brilhava no céu, segundo ela, descia e subia e tinha uma luz intensa. Ovni, drone? Não sabemos, porém o depoimento da senhora é muito concreto.



FONTE: tvuol.uol.com.br

Rede de astrônomos descobre duas primeiras chuvas de meteoros ‘brasileiras’

POR SALVADOR NOGUEIRA
Após cerca de três anos de trabalho e a análise de mais de 86 mil registros no céu, um grupo de astrônomos amadores descobriu duas novas chuvas de meteoros anuais — as primeiras descobertas do gênero por pesquisadores brasileiros até hoje.

Os nomes, como de costume, são inspirados pelo radiante, o local da abóbada celeste de onde parecem partir os meteoros. Os Épsilon Gruídeos, emanam de uma das estrelas da constelação do Grou, e têm seu auge ao redor do dia 11 de junho.

Já os Caelídeos de agosto remetem à constelação do Cinzel, e entram na época de máxima atividade aproximadamente no dia 5 daquele mês. Ambas as constelações estão localizadas no hemisfério Sul celeste.

A descoberta foi feita pela Bramon, acrônimo para Brazilian Meteor Observation Network, ou Rede Brasileira de Observação de Meteoros. Os dois radiantes foram comunicados no último dia 9 à União Astronômica Internacional, que validou os resultados na segunda-feira (20) e os publicou na internet.

Ag…

Tema "Chupacabras" levado a sério

Intruso Esporádico Agressivo (IEA)

O Início de um Mistério – O ano de 1997 poderia ter sido apenas mais um ano, não fosse a atenção especial que a mídia destacou à estranha morte de animais de criação. Imediatamente denominaram o predador atacante com um nome sugestivo, criado por portoriquenhos em 1996, de Chupacabras.

Rapidamente pesquisadores considerados sérios procuraram abafar o pânico que uma história sem precedentes poderia gerar, culpando sem evidências: furões, suçuaranas, cães selvagens e morcegos vampiros – que não sugam sangue como crê a maioria, mas lambem como os felinos, como comprova a ciência. Aliás, o nome vampiro é bem sugestivo o que torna mais fácil convencer a população, não fossem a quantidade e porte dos animais atacados. Praticamente todo tipo de animal, desde uma pequena ave até o maior dos bovinos, vinha sendo atacado, todos apresentando o mesmo sintoma: sem sangue, decomposição demasiadamente atrasada ou adiantada e o silêncio nos ataques. Para contrariar…

Por que diabos esse enorme buraco negro está vagando pelo espaço?

Nós não compreendemos os quasares assim tão bem, mas estamos bem seguros de que essas luzes incrivelmente fortes pertencem ao centro das galáxias. Então pareceu estranho quando astrônomos descobriram que o quasar 3C 186, 36 mil anos-luz longe do centro de sua galáxia, parecia estar escapando.

Dada sua luminosidade e localização nos centros galácticos, é provável que quasares sejam buracos negros supermassivos e que a forte luz venha da fricção do gás e da poeira orbitando a massa central a velocidades incrivelmente altas. Um time internacional de astrônomos localizou essa estranha fuga galáctica a oito bilhões de anos-luz de distância com o Telescópio Espacial Hubble, o Sloan Digital Sky Survey e o Chandra X-Ray Observatory. Eles acham que o quasar pode ter recebido um chute de ondas gravitacionais em sua criação, em uma violenta colisão entre buracos negros três bilhões de vezes a massa do nosso Sol.

Mas essa explicação não foi tão boa para Grant Tremblay, astrofísico de Yale e um d…

Precisão do tempo tem limitação fundamental

A imagem idealizada do espaço e do tempo na Relatividade Geral atribui um relógio ideal para cada ponto no espaço, que tiquetaqueiam uniformemente sem serem influenciados pelos relógios próximos. No entanto, quando os efeitos mecânicos quânticos e gravitacionais são levados em conta, esta imagem não mais se sustenta - os relógios afetam-se mutuamente e os ponteiros dos relógios tornam-se "difusos".[Imagem: Juan Carlos Palomino/Universidade de Viena]

Tempo desfocado

Os relógios desempenham um papel inesperado na encruzilhada onde se juntam duas das teorias fundamentais da física moderna.

Quando medimos o tempo, normalmente assumimos que os relógios não afetam o espaço ou o próprio tempo, e que o tempo pode ser medido com precisão infinita em pontos próximos no espaço.

No entanto, quando combinaram a Mecânica Quântica e a Teoria da Relatividade Geral de Einstein, físicos da Universidade de Viena e da Academia Austríaca de Ciências desvendaram uma limitação fundamental para a …

Adolescente britânico descobre erro em banco de dados da NASA

Miles Solomon, de 17 anos, descobriu a falha enquanto trabalhava em um projeto escolar

Miles Solomon, um estudante britânico de 17 anos, descobriu um erro em uma base de dados da NASA. O adolescente participava de um projeto da escola que dava acesso a informações sobre os efeitos da radiação espacial no planeta Terra, quando descobriu uma falha no algoritmo que organizava os números da pesquisa.

Chamado de TimPix, o programa do qual Solomon participou está presente nas escolas do Reino Unido e permite que os alunos investiguem um banco de informações colhidas durante a estadia do astronauta britânico Tim Peake na Estação Espacial Internacional.

Os dados foram providos através de aparelhos Timepix que detectam radiação cósmica e possuem o formato de um pen drive. Quando recuperados, é só plugar no computador e fazer a transferência das informações. Aos alunos, foram dadas planilhas contendo todos os números acumulados.

O garoto percebeu que algo estava errado quando analisou os nívei…

Gelo nas crateras permanentemente à sombra de Ceres ligado ao passado da inclinação axial

Esta animação mostra como a iluminação do hemisfério norte de Ceres varia com a inclinação axial do planeta anão. As regiões à sombra são realçadas para inclinações de 2 graus, 12 graus e 20 graus.
Crédito: NASA/JPL-Caltech/UCLA/MPS/DLR/IDA

O planeta anão Ceres pode estar a centenas de milhões de quilômetros de Júpiter, e ainda mais longe de Saturno, mas a tremenda influência gravitacional destes gigantes gasosos tem um efeito apreciável na orientação de Ceres. Num novo estudo, investigadores da missão Dawn da NASA calcularam que a inclinação axial de Ceres - o ângulo de inclinação do seu eixo enquanto viaja em redor do Sol - varia muito ao longo de aproximadamente 24.500 anos. Os astrônomos consideram que este é um período de tempo surpreendentemente curto para tais dramáticos desvios.

As mudanças na inclinação do eixo, ou "obliquidade", ao longo da história de Ceres, estão relacionadas com a maior questão de onde a água gelada pode ser encontrada à superfície de Ceres, re…

O desmoronamento de um penhasco revela o interior do Cometa 67P/C-G

Vista tridimensional do penhasco de Aswan antes e depois de parte ter colapsado. O penhasco foi originalmente observado como tendo 70 metros de comprimento, uma fratura com 1 metro separando um bloco com 12 metros do planalto principal. Depois do colapso, material pristino e brilhante pode ser observado na parede do desfiladeiro, com novos detritos na sua base.
Crédito: ESA/Rosetta/MPS para Equipa OSIRIS MPS/UPD/LAM/IAA/SSO/INTA/UPM/DASP/IDA; F. Scholten & F. Preusker


Os cientistas da Rosetta estabeleceram o primeiro elo irrefutável entre uma explosão de poeira e gás e o colapso de um penhasco proeminente, que também expôs o interior primitivo e gelado do cometa.

Durante a missão de dois anos da Rosetta no cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko, foram observadas explosões repentinas e de curta duração. Embora o "gatilho" exato tenha sido muito debatido, as explosões parecem apontar ao colapso de superfícies fracas e erodidas, com a exposição súbita e o aquecimento de material …

Abdução Onilson Pátero Relatada por Ele Mesmo no Guarujá - (Ano 2000)

Abdução Onilson Pátero Relatada por Ele Mesmo no Guarujá no 7º Expoufo organizado pelo GUG (Ano 2000)
Créditos das Imagens: Grupo Ufológico Sanjoanense




http://ufos-wilson.blogspot.com.br/2014/05/jornal-do-interior-aborda-o-famoso-caso.html

FONTE: Canal Youtube Pedro Scärabélo

UFO triangular observado em Santa Fé na Argentina

UFO triangular foi observado na Argentina em 2012

Ocorrência se deu em 2012 na região das ilhas, e resultou em uma filmagem

A pesquisadora argentina Andrea Pérez Simondini destaca, para o site Inexplicata, um interessante caso acontecido em dezembro de 2012. Era madrugada, ao redor de 01h50, e a testemunha Pablo Sanchez viajava em um barco com dois amigos para pescar na região das ilhas próximo à cidade de Rosario, onde mora. Eles seguiram pelo rio na rota de Rosario para Victoria, percorrendo cerca de 15 quilômetros. Eles estavam ancorados e pescando na região de Boca de la Milonga, quando observaram uma luz voando no sentido leste para oeste.

A luz seguia paralela à rota que eles tinham percorrido, a cerca de um quilômetro de distância. Os amigos pensaram que era um avião e sinalizaram com suas lanternas. O que pensavam ser um avião se aproximou e suas luzes ficaram mais brilhantes, e como este se aproximou muito rápido um dos homens chegou a levar a mão à sua arma. A tensão durou …

Entrevista com um dos físicos mais importantes da área da Teoria das Cordas

CONTRAPROVA: PARA VAFA, A DIFICULDADE DE DEMONSTRAR A TEORIA DEVE-SE A NOSSA LIMITAÇÃO TECNOLÓGICA (FOTO: LEO MARTINS/ AGÊNCIA O GLOBO)

Cumrun Vafa, da Universidade Harvard, fala sobre a polêmica da teoria que prevê a existência de mundos paralelos

Cumrun Vafa não é um personagem de Philip K. ­Dick, mas viagens no tempo e universos paralelos fazem parte de sua rotina. Professor da Universidade Harvard, o iraniano é um dos estudiosos mais influentes na área da teoria das cordas. O conceito prevê o casamento de dois campos diferentes da física: a mecânica quântica (ciência de partículas pequenas) e a relatividade geral de Einstein (ciência de corpos maiores, como estrelas e planetas). O problema é que, para fazer sentido, a teoria precisaria de mais sete dimensões, além do tempo e das outras três já conhecidas – e até hoje não existe nada que a comprove de fato. Vafa conversou com GALILEU durante sua estada no Rio de Janeiro, onde ministrou uma aula no Instituto de Matemática Pura e Ap…

Uma caçadora de asteroides nos fala do que precisamos para evitar o Armagedom

Os humanos têm um medo racional da ameaça de uma guerra nuclear, mas também existe a chance de uma pedra gigante vindo girando pela atmosfera para estragar o dia de todos os terráqueos. Quando isso aconteceu 66 milhões de anos atrás, desencadeou uma extinção em massa que acabou com os dinossauros. Mas nós temos algo que os dinossauros não têm: cientistas, que estão trabalhando duro para contabilizar todos os asteroides perigosos na nossa vizinhança solar e desenvolver tecnologias que podem tirá-los de um curso de colisão perigoso.

Carrie Nugent é uma dessas cientistas; uma auto-proclamada caçadora de asteroides cujo novo livro TED oferece uma divertida apresentação do que sabemos sobre os misteriosos corpos que vagam entre os planetas e apresenta a comunidade internacional de cientistas dedicados a rastreá-los. O Gizmodo encontrou Nugent para conversar sobre asteroides, como é ter um trabalho que, geralmente, nos faz lembrar de Bruce Willis em um traje espacial perfurando enquanto Ae…

Daniel Azulay observa uma esquadrilha de OVNIs

Caso clássico com centenas de testemunhas, ocorrido em várias cidades do estado do Paraná, no Brasil, no dia 6 de agosto de 1982.

Caso principal em Cascavel - PR com o desenhista e apresentador Daniel Azulay, da Turma do Lambe-Lambe. Depoimento inédito e desenho colorido do caso.

A artista plástica Sula Dray também fez uma concepção artística do episódio.



FONTE: Enigmas e Mistérios

Polícia de Lancashire ocupada com UFOs

Vista aéra de Lancashire, onde a polícia tem investigado vários casos de UFOs nos últimos anos

Força policial de cidade inglesa tem frequentemente despachado oficiais para investigar avistamentos de discos voadores pela população

A polícia de Lancashire, condado no noroeste da Inglaterra, tem investigado várias ocorrências ufológicas ultimamente. Nos dois últimos anos, por oito vezes oficiais foram enviados a fim de atender ao chamado de pessoas que foram testemunhas de avistamentos de UFOs. A direção da força policial, entretanto, afirma que em nenhuma ocasião encontrou provas da existência de alienígenas. Um dos casos se deu em Pendle Hill em 2015, onde testemunhas afirmam terem observado duas naves. No ano seguinte houve uma ocorrência similar em Blackpool.

Também 2015 os policiais atenderam uma ocorrência na localidade de Burnley, onde um UFO foi visto lançando um raio de luz. Buckshaw Village teve um incidente similar um ano antes, enquanto novamente em 2015 um UFO foi visto sob…

Swift mapeia "espiral da morte" de uma estrela em direção a buraco negro

Ilustrção da ruptura de maré ASASSN-14li.
Crédito: NASA/CXC/U. Michigan/J. Miller et al.; ilustração: NASA/CXC/M. Weiss

Há cerca de 290 milhões de anos atrás, uma estrela muito parecida com o Sol vagueou demasiado perto do buraco negro central da sua galáxia. As marés intensas rasgaram a estrela, o que produziu um surto de radiação visível, ultravioleta e raios-X que chegou à Terra em 2014. Agora, uma equipa de cientistas usou observações do satélite Swift da NASA para mapear como e onde estes vários comprimentos de onda foram produzidos no evento, denominado ASASSN-14li, enquanto os destroços da estrela desintegrada orbitavam o buraco negro.

"Descobrimos mudanças de brilho em raios-X que ocorreram cerca de um mês após alterações semelhantes no visível e no ultravioleta," comenta Dheeraj Pasham, astrofísico do MIT (Massachusetts Institute of Technology) em Cambridge, EUA, investigador principal do estudo. "Achamos que isso significa que a emissão ótica e ultravioleta s…

Marte tem anéis? Hoje não, mas poderá ter um dia

Uma nova teoria por cientistas da Universidade Purdue afirma que a lua marciana Fobos poderá eventualmente desintegrar-se, formando um anel em redor do Planeta Vermelho. Os cientistas financiados pela NASA teorizam que esta formação de anéis já aconteceu antes e que à medida que as luas se fragmentam, algum do material cai para a superfície, como pode ser visto na imagem.
Crédito: Centro Envision da Universidade Purdue

Em crianças, aprendemos algumas características dos planetas do nosso Sistema Solar - Júpiter é o maior, Saturno tem anéis, Mercúrio é o mais próximo do Sol. Marte é vermelho, mas é possível que um dos nossos vizinhos mais próximos também tenha tido anéis no seu passado e que possa vir a ter novamente algum dia.

Essa é a teoria apresentada por cientistas financiados pela NASA da Universidade Purdue, em Lafayette, no estado norte-americano do Indiana, cujos achados foram publicados na revista Nature Geoscience. David Minton e Andrew Hesselbrock desenvolveram um modelo q…

Os humanos precisarão modificar seus corpos para sobreviver em Marte?

Viver no espaço – particularmente em Marte – é algo que fascina a nossa espécie há décadas. Recentemente, o fundador da SpaceX, Elon Musk, decidiu que iria colocar muita grana num plano para colonizar o Planeta Vermelho. A NASA também tem planos com sua “Jornada a Marte” em 2030. Há muitas outras iniciativas e planos mais obscuros para colonizar Marte, liderados por celebridades, bilionários e até mesmo os Emirados Árabes.

Mas existe uma grande diferença entre colocar os pés em Marte e construir uma base de longo prazo num outro planeta. Em relação à colonização humana de Marte, há uma série de preocupações – em particular, como os humanos iriam lidar, tanto fisicamente quanto psicologicamente, com um ambiente tão severo? Num estudo publicado recentemente no periódico Space Policy, Konrad Szocik, cientista de cognição da Universidade de Tecnologia da Informação e Gerenciamento em Rzeszow, na Polônia, aponta que mandar astronautas para viver um tempo na Estação Espacial Internacional …

A primeira nave espacial europeia para Júpiter vai fazer uma rota maluca

Dizem que a menor distância entre dois pontos é uma linha reta, mas para JUICE, uma sonda espacial europeia a caminho de Júpiter que será lançada em 2022, a rota mais rápida vai envolver uma jornada bem complicada envolvendo quatro ajudas gravitacionais de três planetas diferentes.

Anunciada em 2012, a Jupiter Icy Moons Explorer, ou JUICE, será lançada, em junho de 2022, de Kouron, na Guiana Francesa. A nave espacial chegará a Júpiter depois de uma jornada de sete anos, na qual durante 3,5 anos seus dez instrumentos de ponta vão explorar a atmosfera do turbulento gigante gasoso, sua enorme magnetosfera, seus anéis quase invisíveis e seus satélites. Ao final da missão, JUICE vai entrar na órbita de Ganímedes e virar a primeira nave espacial a orbitar um satélite natural que não seja a lua da Terra.

JUICE representa a primeira missão europeia para Júpiter (ou qualquer um dos planetas externos do sistema solar). Atualmente, a sonda espacial Juno, da NASA, está orbitando Júpiter, mas foc…

Estas estrelas tiveram o divórcio mais conturbado da galáxia

As brigas matrimoniais de estranhos há muito tempo intrigam nossa degenerada espécie. É um tópico que não envelhece, que mantém vivas várias revistas, mesmo que nenhum dos detalhes das histórias seja real. Mas o que maior parte das pessoas não sabe é que as celebridades (e os plebeus) não são as únicas que se divorciam — às vezes, isso acontece com as estrelas também.

Cerca de 540 anos atrás e a aproximadamente 1.344 anos-luz da Terra, um aglomerado de estrelas dentro da nebulosa de Órion teve um divórcio bem feio. Um incidente desconhecido mandou duas estrelas para direções diferentes, em alta velocidade. Embora os astrônomos tenham observado essas estrelas desobedientes há décadas, rastreando-as até o local que compartilhavam há 540 anos, algo sobre a situação não parecia certo. Em primeiro lugar, sua energia combinada não parecia suficiente para separá-las em velocidades tão altas. Agora, cientistas usando o telescópio Hubble descobriram uma terceira estrela “em fuga” que poderia …