Pular para o conteúdo principal

Sonda InSight da NASA instala seu primeiro instrumento em Marte


SISMÓGRAFO SEIS DA SONDA INSIGHT EM MARTE (FOTO: NASA/JPL-CALTECH)

Sismógrafo da nave será responsável por analisar as camadas internas do planeta por meio de dados do movimento do solo

A sonda InSight da NASA implantou seu primeiro instrumento na superfície de Marte: trata-se do sismógrafo SEIS, que estudará o interior do planeta vermelho por meio da análise do movimento do solo. Ao avaliar como as ondas sísmicas atravessam as camadas marcianas, os cientistas podem deduzir a profundidade e a composição delas.

"Ter o sismógrafo no chão é como segurar um telefone perto do ouvido", comparou Philippe Lognonné, do Instituto de Física do Globo de Paris (IPGP), na França, em comunicado. "Ficamos animados de estarmos na melhor posição para ouvir todas as ondas sísmicas da superfície de Marte e do seu interior."

Instalação
Desde o pouso da sonda, em 26 de novembro deste ano, os cientistas da missão InSight trabalham para implantar dois instrumentos científicos da nave no planeta. Para começar as atividades do sismógrafo SEIS (sigla para Seismic Experiment for Interior Structure) e da sonda de calor HP3 (sigla para Heat Flow and Physical Properties Probe), eles tiveram que primeiro verificar o braço robótico da nave.

Feito isso, ocorreram testes no módulo de aterrissagem, certificando que os instrumentos fossem colocados exatamente como planejado. Ainda foi necessário analisar as imagens do terreno para descobrir os melhores locais para a instalação.

Na terça-feira (18), os pesquisadores enviaram os comandos para a espaçonave direto da Terra. No dia seguinte, o sismógrafo foi colocado no chão em frente ao módulo de pouso, a 1.636 metros de distância, o máximo possível do alcance do braço robótico.

"O sismógrafo é o instrumento de maior prioridade da InSight. Precisamos dele para completar cerca de três quartos dos nossos objetivos científicos", afirmou Bruce Banerdt, do Laboratório de Propulsão a Jato (JPL), nos Estados Unidos.

"O cronograma de atividades da InSight em Marte foi melhor do que esperávamos", comentou Tom Hoffman, gerente de projeto da InSight, também do JPL. "Colocar o sismógrafo em segurança no chão é um incrível presente de Natal."

Nos próximos dias, os pesquisadores trabalharão no nivelamento do sismógrafo, que está sobre um terreno inclinado de dois a três graus. Os primeiros dados científicos devem ser enviados após SEIS estar na posição correta.


INSTRUMENTO SEIS DA SONDA INSIGHT DA NASA (FOTO: NASA)

InSight
Ainda assim, os cientistas precisarão de semanas para garantir que as informações serão as mais claras possíveis. Eles precisarão verificar cabos da sonda para garantir que os dados viajem com o mínimo de ruído.

No início de janeiro do próximo ano, eles esperam comandar o braço robótico para posicionar os instrumentos Wind e o Thermal Shield sobre o sismógrafo para estabilizar o ambiente em torno dos sensores.

Supondo que não haja problemas, a equipe planeja implantar HP3 ainda no fim de janeiro. A sonda de calor estará no lado leste do local de trabalho de InSight, aproximadamente à mesma distância do módulo de aterrissagem que o sismógrafo.


INSIGHT UTILIZOU BRAÇO ROBÓTICO PARA PRODUZIR SELFIE EM MARTE (FOTO: DIVULGAÇÃO/ NASA)

FONTE: REVISTA GALILEU

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mémorias da Ufologia: Caso SANTA ISABEL

FOTOS DO LAUDO

Na localidade de Santa Izabel(SP) em junho de 1999, a Sra. Alzira Maria de Jesus foi encontrada morta na sua cama, e por volta das 8 hs da manhã sua nora percebe o fato e sai imediatamente para ir ao orelhão e ligar para o seu marido e espera à ajuda e , ao chegar de volta em casa quase 40 min.depois a nora vê o corpo da sra. com o rosto totalmente desfigurado e praticamente sem carne; foi feito o boletim de ocorrência na delegacia da cidade sob n°145/99 em 24 de Junho. Posteriormente confirmou-se que à causa da morte foi a parada respiratória, mas o que aconteceu realmente como rosto desta sra. num espaço menor de uma hora?O laudo é cita sobre as configurações do mesmo, inclusive nas cavidades oculares, mas o que teria causado à perda do rosto ficou indeterminada. Mais estranho ainda é que na noite anterior aos fatos foram vistas bolas de luz voando nessa região rural e no início da madrugada os animais,como cachorros,gansos,e outros começaram à fazer um intenso barulh…

Ovnis e estranhas criaturas próximos ao Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (RN)

Desde o ano de 2016 militares da Aeronáutica que trabalham na Barreira do Inferno já percebiam bolas de luzes alaranjadas como também feixes de luzes amarelados no céu noturno, bem próximo daquela região. Por desconhecerem totalmente a origem dessas luzes misteriosas e a finalidade delas, vários militares observavam intrigados e chegavam a comentar entre eles sobre esses fenômenos luminosos. Dias após a percepção dessas claridades no céu noturno, alguns militares começaram a perceber ao redor daquela localidade o aparecimento de criaturas vivas, de seres que não eram humanos. Um dos militares chegou a ver um "Urso Polar" e imediatamente comunicou a outros militares de plantão. Tal militar chegou a passar mal após a aparição de tal criatura. Já um outro militar flagrou uma outra criatura aparentando ser um "homem de grande porte" sair andando de dentro da água do mar. Outro militar relata que presenciou duas criaturas que de início pareciam apenas dois cachorros g…

A noite em que Lavras (MG) parou para ver um UFO

Serra da Bocaina no município de Lavras (MG)

Na noite de 1º de junho de 1969, um UFO sobrevoou a cidade de Lavras, região Sul do estado de Minas Gerais, sendo observado por centenas de pessoas. O fotógrafo amador e médico Dr. Rêmulo Tourino Furtini tirou diversas fotografias do estranho objeto, que chegou a fazer um pouso em um pasto existente na época. O sargento Inocêncio França do Tiro de Guerra local e vários atiradores comprovaram o pouso, constatado tecnicamente após o ocorrido. Na época, o caso foi notícia na mídia de todo o país, despertando o interesse da Nasa e até mesmo do extinto bloco soviético.


Ufo é fotografado na madrugada

Naquela fria madrugada de 1º de junho de 1969 algumas pessoas encontram-se nas ruas, já que no tradicional Clube de Lavras estava acontecendo um dos seus famosos bailes. Alguns bares encontravam-se abertos e alguns bêbados ziguezagueavam por aquelas ruas tranquilas.

Era uma noite comum de inverno, como tantas outras em uma cidade interiorana, quando…