Pular para o conteúdo principal

Palestras de Astronomia



Missão espacial Gaia: uma nova era da Astronomia
Data da Palestra: 18/09/2018
Palestrante: Prof. Ramachrisna Teixeira
Instituição: (IAG/USP)

Há milhares de anos o Homem admira e se encanta com o céu estrelado.

Através de observações cuidadosas e sistemáticas, vem construindo e refinando o seu conhecimento que vai muito além dos corpos celestes que vemos.

Hoje estamos dando mais um salto gigantesco. As grandezas observacionais sobre as quais repousa o conhecimento do Sistema Solar, da Galáxia e do Universo em geral foram finalmente, abundantemente medidas com precisões inimagináveis.

A missão espacial Gaia da Agência Espacial Europeia colocou em nossas mãos, em 25 de abril de 2018, dados observacionais em quantidade e com qualidade com as quais até bem pouco tempo nem sonhávamos. Entre eles, a grandeza mais importante de toda a Astronomia: a distância de mais de um bilhão de estrelas que nos permite dizer onde se encontram, como são e como dançam, iniciando assim, uma nova era no estudo do Universo.

Não se trata de uma nova descoberta, mas sim de uma base de dados sem precedentes sobre a qual repousará o conhecimento astronômico nos próximos 40-50 anos. Desde a publicação do segundo e mais importante “release” de dados do Gaia, cientistas do mundo todo estão mergulhados nesse oceano de posições, movimentos, brilhos, cores, etc., confirmando, revendo e refinando o conhecimento que temos do universo e prestes a descobrirem aquilo que nem suspeitávamos que existia.

Fica aqui, o convite para penetrarmos nessa nova realidade da Astronomia e nesse momento histórico que estamos vivendo, em mais uma edição do programa “Ciência às 19 Horas”, que ocorrerá no Auditório “Prof. Sérgio Mascarenhas” (IFSC/USP)




A caminho de Marte
Data da Palestra: 03/07/2018
Palestrante: Ivair Gontijo
Instituição: Jet Propulsion Laboratory - NASA – USA

Exploração espacial é uma área cheia de incertezas, tão difícil quanto a escolha de uma profissão. Nesta palestra, o físico brasileiro Ivair Gontijo fará um relato da sua trajetória do interior de Minas Gerais até o JPL, um dos mais sofisticados laboratórios da NASA.

Durante a missão MSL, ele foi o responsável pela construção dos transmissores e receptores do radar usado na descida triunfal do Curiosity no planeta vermelho.

Muitas fotos e vídeos mostrarão detalhes fascinantes dos bastidores do projeto, lançamento e operação do mais complexo veículo robótico já enviado para outro mundo.

Serão abordados também os próximos passos na exploração de Marte.

A missão Mars2020 está em fase de implementação e irá mandar para Marte um novo veículo para coletar amostras com possíveis traços de material orgânico e procurar evidências de vida.

Estaremos, assim, dando os próximos passos em nosso caminho para colocarmos seres humanos no planeta Marte.




A radiação cósmica de fundo: o que as micro-ondas nos dizem sobre a origem do Universo
Data da Palestra: 13/11/2018
Palestrante: Profª Drª Betti Hartmann
Instituição: IFSC/USP

A radiação cósmica de fundo é uma relíquia do início do universo, muito quente e densa, e que foi criada cerca de 380.000 anos após a grande explosão (Big- Bang) que deu origem ao nosso Universo.

Devido à expansão do Universo, esta radiação resfriou e hoje tem uma temperatura de apenas -270,43 ° C e pode ser observada como uma radiação de micro-ondas, quase completamente uniforme, em todo o céu.

As espaçonaves COBE, WMAP e Planck provaram que devem haver pequenas variações nessa radiação, de cerca de 0,001%, que nos dão ideias sobre a origem e a evolução do Universo primordial e confirmam a suposição de que vivemos em um Universo que sofreu uma expansão muito rápida logo após o Big-Bang.

Os dados destas espaçonaves nos fornecem, portanto, uma “fotografia” de nosso universo, muito jovem ainda.



FONTE: Ciencia19h IFSC/USP

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mémorias da Ufologia: Caso SANTA ISABEL

FOTOS DO LAUDO

Na localidade de Santa Izabel(SP) em junho de 1999, a Sra. Alzira Maria de Jesus foi encontrada morta na sua cama, e por volta das 8 hs da manhã sua nora percebe o fato e sai imediatamente para ir ao orelhão e ligar para o seu marido e espera à ajuda e , ao chegar de volta em casa quase 40 min.depois a nora vê o corpo da sra. com o rosto totalmente desfigurado e praticamente sem carne; foi feito o boletim de ocorrência na delegacia da cidade sob n°145/99 em 24 de Junho. Posteriormente confirmou-se que à causa da morte foi a parada respiratória, mas o que aconteceu realmente como rosto desta sra. num espaço menor de uma hora?O laudo é cita sobre as configurações do mesmo, inclusive nas cavidades oculares, mas o que teria causado à perda do rosto ficou indeterminada. Mais estranho ainda é que na noite anterior aos fatos foram vistas bolas de luz voando nessa região rural e no início da madrugada os animais,como cachorros,gansos,e outros começaram à fazer um intenso barulh…

O caso Artur Berlet, O homem que foi para o Planeta Acart

O "Caso Berlet" ocorreu em 25 de maio de 1958 (faleceu em 1995), quando o gaúcho Artur Berlet, da cidade de Sarandí – RS, desapareceu por 11 dias.
Segundo Berlet teria sido abduzido e levado para um planeta chamado Acart aproximadamente 65,000,000 km da terra, demorou cerca de 38horas para chegar, onde ficou 11 dias em uma cidade com quase 90 milhões de habitantes. O curioso do fato que conseguiu comunicação com extraterrestres através do idioma Alemão.

Durante esse tempo, Berlet teve a chance de ver a Terra a partir do espaço. conhecer objetos e tecnologias que só teríamos posteriormente no decorrer do avanço dos humanos.
Após décadas, a fantástica história do gaúcho ainda surpreende a todos. Quem reconstituiu a história desse caso para a RBS foi a professora Ana Berlet, filha de Artur.

Vejam o nível da informação:

O Artur Berlet através de uma aparelho de Acart o qual olhou a terra, disse;
“a terra era AZUL.”



Ok ! parece nada demais, mas o fato é que ele disse anos ant…

Filme "Intruders" (Intrusos) 1992

Ao pesquisar problemas de duas de suas pacientes, proeminente psiquiatra de um importante hospital de Los Angeles (Interpretado pelo falecido ator Richard Crenna na vida real John Mack, psiquiatra formado em Harvard Medical School, 1955.) acaba penetrando em um universo de estranhas ocorrências relacionadas com OVNIs, que modificarão sua própria vida.

"Intruders" foi baseado no best-seller de Budd Hopkins e em casos verídicos que hoje compõem um vasto arquivo de histórias vividas por muitas pessoas que passaram por experiências com seres extraterrestres, e que neste filme colaboraram com renomados pesquisadores do assunto na reconstituição dos episódios.

Best Seller "Intruders" (Intrusos)

Algumas cenas do filme:








Filme legendado em português:




Inspiração do filme Intruders (Intrusos), mulher relata contato com ETs



A americana Debbie Jordan, que relata um contato com extraterrestres há 34 anos, comentou que ficaria chocada se houvesse uma nova aproximação, mas não enc…