Pular para o conteúdo principal

Novas teorias apontam a manipulação militar do Caso Roswell


Cada vez se questiona o que realmente aconteceu em Roswell, em julho de 1947

Famoso incidente de queda de UFO completará 70 anos em 2017 e aumentam os questionamentos quanto ao que de fato aconteceu

O Caso Roswell, ocorrido em julho de 1947, permanece como a mais famosa ocorrência ufológica do mundo, influenciando a Ufologia de vários países até hoje. Contudo, tem sido cada vez mais questionado, diante de certas incoerências nos relatos das testemunhas e outras incongruências apontadas por vários pesquisadores. Uma das questões é o questionamento de por que, nas primeiras notícias a respeito, os militares afirmaram ter capturado um disco voador.

Um dos aspectos mais interessantes é que ufólogos e céticos concordam que o Major Jesse Marcel foi acompanhado de dois agentes de contrainteligência até a propriedade onde os destroços do objeto foram encontrados. Todos concordam igualmente que Marcel informou se tratar de um disco voador e aqui cabe o parênteses de que os textos em inglês a respeito afirmam ter o Major informado um "flying saucer", e os militares depois divulgaram a captura de um "flying disc". Ufólogos e céticos concordam com a proliferação de testemunhas cujas histórias logo revelaram ser inconsistentes entre si.

Vale lembrar que Roswell motivou o surgimento de uma verdadeira indústria, tanto na própria Ufologia quanto na cultura pop. Até hoje a Ufologia Mundial defende que a política mundial de acobertamento teve início com esse famoso incidente. Entretanto, muitos pesquisadores estão apontando o fato de que relatos virais tiveram início muito antes da era da internet. Basta lembrar que, menos de dez anos antes de Roswell, Orson Welles tornou-se mundialmente famoso devido à adaptação radiofônica do livro A Guerra dos Mundos, de H. G. Wells, veiculada na rádio CBS em 30 de outubro de 1938. De fato, o número de ouvintes do programa não foi grande, mas sua divulgação pela imprensa depois foi o que colocou devidamente o episódio no imaginário popular.

MANIPULAÇÃO MILITAR


A famosa capa de jornal, depois desmentida pelos militares

Alguns pesquisadores lembram que praticamente a mesma coisa aconteceu um pouco antes de Roswell, em 24 de junho de 1947, quando do avistamento de Kenneth Arnold. Imediatamente, devido à enorme divulgação na imprensa, o caso tornou-se famoso e marco inicial da Era Moderna dos Discos Voadores, sendo seguido por uma gigantesca onda de observações de UFOs por todo o território dos Estados Unidos. O mundo havia acabado de sair da Segunda Guerra Mundial e o perigo de uma confrontação com a União Soviética se mostrava cada vez mais real. Em um ambiente de paranoia, histórias como essas sem dúvida se espalham muito mais depressa. E, a um tempo em que novos e revolucionários tipos de aeronaves estavam sendo testados em segredo, os militares depressa se deram conta de que os relatos de UFOs poderiam ser convenientes para seus propósitos.

Muitos pesquisadores agora defendem que, nos grotões no interior do país, vários dos avistamentos de UFOs da época poderiam se tratar na verdade de testes das novas tecnologias aeronáuticas. Sem dúvida seria muito conveniente para os militares que, diante do acidente com uma dessas novas e revolucionárias armas, a imprensa sensacionalista fosse atraída no lugar de espiões soviéticos. Assim, para os militares, seria incomparavelmente mais fácil publicar relatórios desmistificando histórias de discos voadores e seres extraterrestres, do que explicar as novas tecnologias aeronáuticas que vinham desenvolvendo em segredo, gastando muito dinheiro na época pós-guerra, quando o país ainda se recuperava. Mais e mais o Caso Roswell tem sido questionado e esse fenômeno deverá se intensificar até seu aniversário de 70 anos.

Filme Caso Roswell:



FONTE: REVISTA UFO

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça histórias de pessoas que foram abduzidas por Extraterrestres

As pessoas do mundo se dividem em dois grandes grupos e um terceiro bem pequeno.

Os dois grandes grupos são: aqueles que acham que ETs existem e aqueles que acham que ETs não existem.

Correndo por fora, existe uma minoria silenciosa que se mantém quietinha, aparentemente, porque, se essas pessoas disserem as coisas que elas sabem, ninguém acreditaria nelas.

Elas fazem parte do pequeno grupo que jura de pé junto ter feito contato com seres extraterrestres.

O fotógrafo nova-iorquino Steven Hirsch, de 63 anos, é um cara que, se não acredita nessas pessoas, pelo menos acredita no direito que elas têm de contar suas histórias do jeito que quiserem.

Por isso, ele criou um blog em que entrevista e fotografa gente que diz ter sido abduzida por alienígenas. O endereço é littlestickylegs.blogspot.co.uk.

- Eu não quero que os meus leitores tenham nenhum tipo de ideia pré-concebida sobre essas pessoas até qie eles vejam suas imagens e leiam suas palavras. Minhas entrevistas mal conseguem ir além…

Mémorias da Ufologia: Caso SANTA ISABEL

FOTOS DO LAUDO

Na localidade de Santa Izabel(SP) em junho de 1999, a Sra. Alzira Maria de Jesus foi encontrada morta na sua cama, e por volta das 8 hs da manhã sua nora percebe o fato e sai imediatamente para ir ao orelhão e ligar para o seu marido e espera à ajuda e , ao chegar de volta em casa quase 40 min.depois a nora vê o corpo da sra. com o rosto totalmente desfigurado e praticamente sem carne; foi feito o boletim de ocorrência na delegacia da cidade sob n°145/99 em 24 de Junho. Posteriormente confirmou-se que à causa da morte foi a parada respiratória, mas o que aconteceu realmente como rosto desta sra. num espaço menor de uma hora?O laudo é cita sobre as configurações do mesmo, inclusive nas cavidades oculares, mas o que teria causado à perda do rosto ficou indeterminada. Mais estranho ainda é que na noite anterior aos fatos foram vistas bolas de luz voando nessa região rural e no início da madrugada os animais,como cachorros,gansos,e outros começaram à fazer um intenso barulh…

O caso Roswell nordestino: Queda de UFO na Bahia, em Janeiro de 1995

Por Ufo Bahia: Nessa data, as 09:00 horas, uma in­formante do G-PAZ, "M" da TV BAHIA me ligou contando uma mirabolante his­tória de queda de um UFO em Feira deSantana(BA) a 112 Km de Salvador. Umfazendeiro de apelido Beto, tinha ligadopara TV SUBAÉ daquela cidade oferecen­do – em troca de dinheiro – um furo dereportagem; um disco voador tinha caído na sua fazenda e ele tinha provas e ima­gens do fato!
Apenas depois do meio dia, conse­gui – por fim – falar com Beto, que apóssua proposta de negócio, ante minha (apa­rente) frieza, me contou com bastante de­talhes o acontecido. Soube que tambémtentara vender suas provas a TV BAHIA,onde procurou o repórter José Raimundo:
"Ontem pela madrugada caiu algu­ma coisa na minha fazenda, dentro de umalagoa. Era do tamanho de um fusca; aqui­lo ficou boiando parcialmente submerso,perto da beirada. Tentei puxar como pude,trazendo para perto de mim, com uma vara.Aquilo parecia um parto... (quando seabriu uma porta) começou primeiro a sa…