Pular para o conteúdo principal

Os Clintons e os ufos, atualizado: Depois de 21 anos, os Clintons voltam à atenção da Ufologia Mundial


O casal Hillary e Bill Clinton, desde os anos 90 envolvidos com a questão ufológica.

Iniciativa Rockefeller, de 1993 a 1996, tentou obter de Bill Clinton a liberação de todos os documentos ufológicos; neste ano Hillary Clinton afirmou que, caso eleita, irá a fundo na questão dos UFOs

Entre 1993 e 1996, o bilionário e filantropo Laurence Rochefeller (26/05/1910-11/07/2004) realizou esforços no sentido de obter, do governo norte-americano, a liberação de todos os documentos relacionados a UFOs e vida extraterrestre. Chamada de Iniciativa Rockefeller, a tentativa não foi bem sucedida, apesar do clima aparentemente favorável em que foi recebida pela Casa Branca. Eram os anos do governo Bill Clinton, de 1993 a 2001. A família Rockefeller era considerada uma das mais importantes da história dos Estados Unidos, tendo feito fortuna nos ramos de petróleo e bancário.

Em agosto de 1995, Rockefeller recebeu os Clintons em seu rancho, em Jackson Hole, Wyoming, e lhes apresentou um sumário de informações sobre UFOs, e o que ele gostaria que o então presidente fizesse a respeito. Hillary ainda foi fotografada em conversa com o bilionário durante uma caminhada, carregando um livro que foi identificado como Are We Alone: Philosophical Implications of the Discovery of Extra-terrestrial Life (Estamos Sozinhos: Implicações Filosóficas da Descoberta de Vida Extraterrestre), de autoria do físico inglês Paul Davies, frequente presença em programas e documentários a respeito da busca científica por vida alienígena.

O pesquisador Grant Cameron, acionando a Lei de Liberdade de Informações norte-americana, conseguiu obter documentos, entregues ao grupo Paradigm Researcher Group, de stephen Bassett, revelam como Bill e Hillary estiveram diretamente envolvidos com a Iniciativa. Também mencionado nos documentos estava John "Jack" Gibbons, diretor do Escritório da Casa Branca para Políticas de Ciência e Tecnologia. Há notícias até mesmo de um alerta, enviado a Gibbons, de que Rockefeller ameaçava publicar uma carta aberta, nos principais jornais dos Estados Unidos, relatando sua iniciativa e o contato que tiveram caso Clinton não liberasse documentação ufológica. Bill Clinton, durante seu governo, publicou milhões de arquivos militares e da Inteligência, mas não sobre UFOs. Em diversas entrevistas, inclusive recentes, o ex-presidente confirma seu interesse na questão ufológica e sua frustração por não ter obtido as respostas que pretendia.

HILLARY CLINTON ATIVAMENTE ENVOLVIDA EM INICIATIVA DE LIBERDADE DE INFORMAÇÕES NOS ANOS 90


Hillary Clinton com Rockefeller, no rancho deste último em 1995

Os documentos também revelam que a Iniciativa Rockefeller foi deixada de lado em 1996 durante a campanha para reeleição de Bill Clinton. E dois dos documentos comprovam que Hillary teve ativa participação na eloraboração de uma longa carta, que tinha o objetivo final de obter do governo a liberação total de documentos ufológicos. Esboços do documento eram enviados da equipe de Rockefeller para o presidente ou seus assessores, e de volta para o bilionário, e a então primeira-dama teve ativa participação nas negociações. Sabe-se que hillary teve ao menos algumas discussões com Rockefeller antes que o primeiro esboço fosse enviado a seu marido. Doze semanas após a estadia do casal presidencial no rancho do bilionário, John Gibbons recebeu uma carta conforme aparece nas imagens abaixo. O papel continha um esboço da carta discutida com Bill Clinton, e um relatório com a melhor evidência então disponível sobre UFOs.


Detalhe da foto acima, mostrando o livro Are We Alone de Paul Davies levado por Hillary Clinton

Em outra carta, de fevereiro de 1996, Rockefeller dizia a Gibbons que a carta oficial e o relatório ainda estavam sendo elaborados, e seriam enviados no final daquele ano. Gibbons teria indicado que manteria o escritório da primeira-dama informado sobre tudo, porém a carta oficial nunca foi enviada, e se desconhecem até hoje as razões de a Iniciativa Rockefeller ter falhado. O bilionário apontava indícios de que várias agências do governo norte-americano possuíam informações sobre UFOs e vida alienígena, que de acordo com ele era mantida de forma desnecessária em segredo do público, por razões de segurança nacional. Rockefeller defendia ainda que sem a iniciativa pessoal do presidente nenhuma informação seria revelada, e que a abertura deveria ser coordenada com os militares, a NASA e a CIA, e que qualquer oficial que revelasse tais informações deveria ser anistiado. Com as recentes declarações de Hillary Clinton, atualmente a favorida para ser candidata do Partido Democrata à presidência, e o principal nome de sua campanha, John Podesta, a favor da liberdade de informações ufológicas, a Ufologia Mundial aguarda os próximos passos dessa já longa história.

http://www.paradigmresearchgroup.org/


FONTE: REVISTA UFO

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ovnis e estranhas criaturas próximos ao Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (RN)

Desde o ano de 2016 militares da Aeronáutica que trabalham na Barreira do Inferno já percebiam bolas de luzes alaranjadas como também feixes de luzes amarelados no céu noturno, bem próximo daquela região. Por desconhecerem totalmente a origem dessas luzes misteriosas e a finalidade delas, vários militares observavam intrigados e chegavam a comentar entre eles sobre esses fenômenos luminosos. Dias após a percepção dessas claridades no céu noturno, alguns militares começaram a perceber ao redor daquela localidade o aparecimento de criaturas vivas, de seres que não eram humanos. Um dos militares chegou a ver um "Urso Polar" e imediatamente comunicou a outros militares de plantão. Tal militar chegou a passar mal após a aparição de tal criatura. Já um outro militar flagrou uma outra criatura aparentando ser um "homem de grande porte" sair andando de dentro da água do mar. Outro militar relata que presenciou duas criaturas que de início pareciam apenas dois cachorros g…

Ovnis em Iporanga (SP)

Entrada da Casa de Pedra, caverna com maior boca do Mundo, 215 metros.

Iporanga em tupi significa “Rio Bonito” e foi palco da exploração de ouro no período colonial e, posteriormente da exploração de chumbo e zinco no século passado. Na região há famosas cavernas: Formação Iporanga e Formação Votuverava. Em Iporanga, efetuaram-se diversos estudos de mapeamento geológico e pesquisa mineral, sobretudo pela CPRM - Serviço Geológico do Brasil. A seção geológica mais conhecida é o famoso perfil Apiaí-Iporanga. A cidade atrai muitos visitantes por possuir lindas cachoeiras, piscinas naturais, vales, grutas e cavernas. Iporanga é a cidade que possui o maior número de cachoeiras em todo o Brasil, nas 365 cavernas cadastradas. O turista poderá praticar esportes radicais como o rapel, canyonismo e trekking. Atrativos culturais podem ser visitados como o museu da cidade, a Igreja Matriz e as casas com o estilo colonial. Por todos estes motivos, Iporanga é considerada um dos mais importantes cent…

O caso Roswell nordestino: Queda de UFO na Bahia, em Janeiro de 1995

Por Ufo Bahia: Nessa data, as 09:00 horas, uma in­formante do G-PAZ, "M" da TV BAHIA me ligou contando uma mirabolante his­tória de queda de um UFO em Feira deSantana(BA) a 112 Km de Salvador. Umfazendeiro de apelido Beto, tinha ligadopara TV SUBAÉ daquela cidade oferecen­do – em troca de dinheiro – um furo dereportagem; um disco voador tinha caído na sua fazenda e ele tinha provas e ima­gens do fato!
Apenas depois do meio dia, conse­gui – por fim – falar com Beto, que apóssua proposta de negócio, ante minha (apa­rente) frieza, me contou com bastante de­talhes o acontecido. Soube que tambémtentara vender suas provas a TV BAHIA,onde procurou o repórter José Raimundo:
"Ontem pela madrugada caiu algu­ma coisa na minha fazenda, dentro de umalagoa. Era do tamanho de um fusca; aqui­lo ficou boiando parcialmente submerso,perto da beirada. Tentei puxar como pude,trazendo para perto de mim, com uma vara.Aquilo parecia um parto... (quando seabriu uma porta) começou primeiro a sa…