Pular para o conteúdo principal

NASA toca músicas todas as manhãs para “acordar” sonda em Marte


OPPORTUNITY ESTÁ SEM RESPONDER HÁ SEMANAS DEVIDO À FORTE TEMPESTADE DE AREIA EM MARTE. ENGENHEIROS DA NASA ACREDITAM QUE UMA PLAYLIST PODERÁ ACORDÁ-LA DE SEU SONO PROFUNDO (FOTO: NASA/JPL-CALTECH)

Cientistas da agência espacial norte-americana estão colocando Beatles, Iron Maiden e David Bowie para tentar despertar veículo espacial que está desacordado desde a forte tempestade de areia no planeta vermelho

Qual é a música ou alarme que você utiliza para acordar todos os dias pela manhã? Para a sonda da NASA em Marte, a Opportunity, o despertar pode ser composto por um hit clássico das bandas Wham!, Kansas, Iron Maiden e The Beatles ou de sucessos dos cantores Gloria Gaynor e David Bowie.

Ao menos era assim que o veículo explorador da agência espacial norte-americana era encorajado a se levantar todas as manhãs no planeta vermelho logo nos primórdios da missão, em 2004. Além de servir para dar um “up” na Opportunity, as músicas também energizavam os cientistas humanos da NASA a começar mais um dia de trabalho do Programa de Exploração de Marte.

Porém, desde 10 de junho de 2018, Opportunity se encontra em um estado de sono profundo. É que a sonda teve que enfrentar uma daquelas poderosas tempestades de poeira de Marte, o que “sujou” toda a atmosfera do planeta. Uma vez que o veículo é movido à energia solar, o acúmulo de poeira marciana impede que a sonda possa se levantar e continuar sua missão.

Enquanto isso, há pouco que os cientistas da agência espacial possam fazer aqui da Terra. Segundo o Jet Propulsion Laboratory (JPL), da NASA, a equipe tem escutado as transmissões do rover Opportunity todos os dias durante as janelas de comunicação pré-programadas e durante outros momentos do dia utilizando rádios receptores de espaço profundo.

Para saber o que está havendo, três vezes por semana, os cientistas enviam um comando que provocaria um sinal em Opportunity caso ela estivesse ativa no momento.

“Essa é a primeira vez que ela [Opportunity] parou de falar conosco e não retomou a comunicação quando esperávamos", afirmou Michael Staab, engenheiro da JPL, ao Space.com. "Isso é muito tempo para não se ouvir nada do seu rover. Não sabemos o que está fazendo. Ainda temos coisas para fazer; temos trabalho a ser feito. Mas, definitivamente, as coisas estão um pouco desaceleradas.”


UM AUTO-RETRATO FEITO PELO CURIOSITY, DA NASA, EM 15 DE JUNHO DE 2018, EM MARTE. NA FOTO, É POSSÍVEL VER COMO O PLANETA FICOU APÓS A TEMPESTADE DE AREIA. (FOTO: NASA/JPL-CALTECH/MSSS)

A situação de impotência consumiu os pesquisadores da NASA ao ponto de eles pensarem em trazer de volta o ritual antigo da trilha sonora para tentar acordar o rover.

Desde 4 de agosto, o time toca, todas as manhãs, uma música de uma playlist que contém "Wake Me Up Before You Go-Go", do Wham!; "Dust in the Wind", do Kansas; "I Will Survive", de Gloria Gaynor; "Here Comes The Sun", dos Beatles; "Life on Mars", de David Bowie; entre outros clássicos.

Infelizmente, enquanto Opportunity não parece responder, talvez seja necessário expandir a lista de reprodução.

Embora a tempestade de Marte tenha sido interrompida em 27 de julho, os cientistas acreditam que pode levar semanas – ou mesmo meses – até que a poeira na atmosfera do planeta se estabilize.

De acordo com a NASA, a sonda espacial está ajustada para desativar todas suas funções caso esteja com pouca bateria. Isso quer dizer que ela volta a se ligar de tempos em tempos para checar se consegue captar energia solar e recarregar suas baterias. Caso falte luz, ela volta a hibernar novamente.

Os mais otimistas acreditam que Opportunity está recarregando suas baterias e deverá fazer contato em breve, até porque o veículo é conhecido por desafiar expectativas: veja bem, a sonda pousou em Marte em 2004 e estava programada para durar apenas 90 dias, mas está há 15 anos explorando o planeta vermelho.

Por outro lado, há a possibilidade de a sonda ter sido severamente danificada pelos fortes ventos marcianos e nunca mais ser ouvida.

Seguimos com os dedos cruzados e torcendo para que Opportunity acorde com as músicas – que você pode ouvir nesta playlist do Spotify.

FONTE: REVISTA GALILEU

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mémorias da Ufologia: Caso SANTA ISABEL

FOTOS DO LAUDO

Na localidade de Santa Izabel(SP) em junho de 1999, a Sra. Alzira Maria de Jesus foi encontrada morta na sua cama, e por volta das 8 hs da manhã sua nora percebe o fato e sai imediatamente para ir ao orelhão e ligar para o seu marido e espera à ajuda e , ao chegar de volta em casa quase 40 min.depois a nora vê o corpo da sra. com o rosto totalmente desfigurado e praticamente sem carne; foi feito o boletim de ocorrência na delegacia da cidade sob n°145/99 em 24 de Junho. Posteriormente confirmou-se que à causa da morte foi a parada respiratória, mas o que aconteceu realmente como rosto desta sra. num espaço menor de uma hora?O laudo é cita sobre as configurações do mesmo, inclusive nas cavidades oculares, mas o que teria causado à perda do rosto ficou indeterminada. Mais estranho ainda é que na noite anterior aos fatos foram vistas bolas de luz voando nessa região rural e no início da madrugada os animais,como cachorros,gansos,e outros começaram à fazer um intenso barulh…

O caso Artur Berlet, O homem que foi para o Planeta Acart

O "Caso Berlet" ocorreu em 25 de maio de 1958 (faleceu em 1995), quando o gaúcho Artur Berlet, da cidade de Sarandí – RS, desapareceu por 11 dias.
Segundo Berlet teria sido abduzido e levado para um planeta chamado Acart aproximadamente 65,000,000 km da terra, demorou cerca de 38horas para chegar, onde ficou 11 dias em uma cidade com quase 90 milhões de habitantes. O curioso do fato que conseguiu comunicação com extraterrestres através do idioma Alemão.

Durante esse tempo, Berlet teve a chance de ver a Terra a partir do espaço. conhecer objetos e tecnologias que só teríamos posteriormente no decorrer do avanço dos humanos.
Após décadas, a fantástica história do gaúcho ainda surpreende a todos. Quem reconstituiu a história desse caso para a RBS foi a professora Ana Berlet, filha de Artur.

Vejam o nível da informação:

O Artur Berlet através de uma aparelho de Acart o qual olhou a terra, disse;
“a terra era AZUL.”



Ok ! parece nada demais, mas o fato é que ele disse anos ant…

A noite em que Lavras (MG) parou para ver um UFO

Serra da Bocaina no município de Lavras (MG)

Na noite de 1º de junho de 1969, um UFO sobrevoou a cidade de Lavras, região Sul do estado de Minas Gerais, sendo observado por centenas de pessoas. O fotógrafo amador e médico Dr. Rêmulo Tourino Furtini tirou diversas fotografias do estranho objeto, que chegou a fazer um pouso em um pasto existente na época. O sargento Inocêncio França do Tiro de Guerra local e vários atiradores comprovaram o pouso, constatado tecnicamente após o ocorrido. Na época, o caso foi notícia na mídia de todo o país, despertando o interesse da Nasa e até mesmo do extinto bloco soviético.


Ufo é fotografado na madrugada

Naquela fria madrugada de 1º de junho de 1969 algumas pessoas encontram-se nas ruas, já que no tradicional Clube de Lavras estava acontecendo um dos seus famosos bailes. Alguns bares encontravam-se abertos e alguns bêbados ziguezagueavam por aquelas ruas tranquilas.

Era uma noite comum de inverno, como tantas outras em uma cidade interiorana, quando…