Pular para o conteúdo principal

Descoberta de 39 galáxias pode mudar entendimento da evolução do Universo


DESCOBERTA PODE MUDAR ENTENDIMENTO DA EVOLUÇÃO DESDE O BIG BANG (FOTO: NATURE/2019 TAO WANG)

Pesquisadores japoneses localizaram galáxias que surgiram quando o Universo tinha "apenas" 2 bilhões de anos

Astrônomos da Universidade de Tóquio, no Japão, anunciaram a descoberta de 39 galáxias massivas. Elas surgiram quando o Universo tinha "apenas" 2 bilhões de anos: de acordo com os cálculos dos pesquisadores, a idade do Cosmo é de 13,7 bilhões de anos.

Segundo os especialistas, essa foi a primeira vez que tantas galáxias foram observadas de uma só vez, o que pode desafiar os modelos atuais do universo: "Essa descoberta contraria os modelos atuais para esse período de evolução cósmica e ajudará a adicionar alguns detalhes à história que estão faltando até agora", disse Tao Wang, um dos pesquisadores, em comunicado.

As descobertas também serão úteis nos estudos de buracos negros supermassivos e na distribuição da matéria escura pelo espaço. Isso porque, como relatou Wang, quanto mais maciça é uma galáxia, mais massivo é o buraco negro supermassivo em seu centro e, portanto, entender sua evolução também é compreender o outro fenômeno.

Outro fato interessante é como essas 39 galáxias são diferentes daquelas já estudadas pelos cientistas. Se o Sistema Solar ficasse em uma delas, por exemplo, a visão que teríamos do céu seria bem diferente. “Por um lado, o céu noturno pareceria muito mais majestoso. A maior densidade de estrelas significa que haveria muito mais estrelas próximas, aparecendo maiores e mais brilhantes”, explicou Wang. "Mas, inversamente, a grande quantidade de poeira significa que as estrelas mais distantes seriam muito menos visíveis, de modo que o fundo para essas estrelas brilhantes poderia ser um vasto e escuro vazio."


DOIS TELESCÓPIOS DO COMPLEXO DE OBSERVATÓRIOS ALMA, SITUADO NO DESERTO DO ATACAMA, NO CHILE (FOTO: WIKIMEDIA COMMONS)

Esses achados foram possíveis graças a um trabalho conjunto de diversos observatórios astronômicos ao redor do globo. As luzes dessas galáxias são muito fracas, com longos comprimentos de onda invisíveis aos olhos humano e até ao Telescópio Hubble. “Então, nos voltamos para o Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA), que é ideal para ver esses tipos de coisas. Eu tenho uma longa história com esse observatório e sabia que isso traria bons resultados", comentou Kotaro Kohno, outro cientista que participou do estudo.

Segundo os especialistas, à medida que o Universo se expande, a luz que passa por ele se estica, tornando-se mais longa e infravermelha — e é justamente a esse "alongamento" que permite que os astrônomos calculem o quão longe está seu emissor. Um equipamento que poderá ajudar na investigação desse tipo de fenômeno é o Telescópio Espacial James Webb, que tem previsão para ficar pronto em 2021.

FONTE: REVISTA GALILEU

Comentários

  1. Thanks for sharing, nice post! Post really provice useful information!

    Hương Lâm chuyên cung cấp bán máy photocopy và dịch vụ cho thuê máy photocopy giá rẻ, uy tín TP.HCM với dòng máy photocopy toshiba và dòng máy photocopy ricoh uy tín, giá rẻ.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Mémorias da Ufologia: Caso SANTA ISABEL

FOTOS DO LAUDO

Na localidade de Santa Izabel(SP) em junho de 1999, a Sra. Alzira Maria de Jesus foi encontrada morta na sua cama, e por volta das 8 hs da manhã sua nora percebe o fato e sai imediatamente para ir ao orelhão e ligar para o seu marido e espera à ajuda e , ao chegar de volta em casa quase 40 min.depois a nora vê o corpo da sra. com o rosto totalmente desfigurado e praticamente sem carne; foi feito o boletim de ocorrência na delegacia da cidade sob n°145/99 em 24 de Junho. Posteriormente confirmou-se que à causa da morte foi a parada respiratória, mas o que aconteceu realmente como rosto desta sra. num espaço menor de uma hora?O laudo é cita sobre as configurações do mesmo, inclusive nas cavidades oculares, mas o que teria causado à perda do rosto ficou indeterminada. Mais estranho ainda é que na noite anterior aos fatos foram vistas bolas de luz voando nessa região rural e no início da madrugada os animais,como cachorros,gansos,e outros começaram à fazer um intenso barulh…

Ovnis e estranhas criaturas próximos ao Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (RN)

Desde o ano de 2016 militares da Aeronáutica que trabalham na Barreira do Inferno já percebiam bolas de luzes alaranjadas como também feixes de luzes amarelados no céu noturno, bem próximo daquela região. Por desconhecerem totalmente a origem dessas luzes misteriosas e a finalidade delas, vários militares observavam intrigados e chegavam a comentar entre eles sobre esses fenômenos luminosos. Dias após a percepção dessas claridades no céu noturno, alguns militares começaram a perceber ao redor daquela localidade o aparecimento de criaturas vivas, de seres que não eram humanos. Um dos militares chegou a ver um "Urso Polar" e imediatamente comunicou a outros militares de plantão. Tal militar chegou a passar mal após a aparição de tal criatura. Já um outro militar flagrou uma outra criatura aparentando ser um "homem de grande porte" sair andando de dentro da água do mar. Outro militar relata que presenciou duas criaturas que de início pareciam apenas dois cachorros g…

A noite em que Lavras (MG) parou para ver um UFO

Serra da Bocaina no município de Lavras (MG)

Na noite de 1º de junho de 1969, um UFO sobrevoou a cidade de Lavras, região Sul do estado de Minas Gerais, sendo observado por centenas de pessoas. O fotógrafo amador e médico Dr. Rêmulo Tourino Furtini tirou diversas fotografias do estranho objeto, que chegou a fazer um pouso em um pasto existente na época. O sargento Inocêncio França do Tiro de Guerra local e vários atiradores comprovaram o pouso, constatado tecnicamente após o ocorrido. Na época, o caso foi notícia na mídia de todo o país, despertando o interesse da Nasa e até mesmo do extinto bloco soviético.


Ufo é fotografado na madrugada

Naquela fria madrugada de 1º de junho de 1969 algumas pessoas encontram-se nas ruas, já que no tradicional Clube de Lavras estava acontecendo um dos seus famosos bailes. Alguns bares encontravam-se abertos e alguns bêbados ziguezagueavam por aquelas ruas tranquilas.

Era uma noite comum de inverno, como tantas outras em uma cidade interiorana, quando…