Pular para o conteúdo principal

Piloto perseguiu UFO em 1957


Um F-86D Sabre similar ao que Ted Brunson pilotava em seu encontro com um UFO

Casos de perseguição de UFOs por pilotos militares estão entre os mais confiáveis da Ufologia

Caso consta como inexplicável nos arquivos do Projeto Blue Book

Pilotos de aeronaves costumam ser considerados as melhores testemunhas de observações de UFOs. O elevado nível de treinamento e conhecimento em diferentes ramos do saber a que são submetidos torna muito mais difícil que esses profissionais sejam confundidos por fenômenos naturais, como nuvens, estrelas, planetas e outros, além de evidentemente serem versados no reconhecimento de outras aeronaves. No caso de pilotos militares a confiabilidade de seus testemunhos é ainda mais elevada, tendo em vista as condições ainda mais extremas e arriscadas a que estes são submetidos.

O Projeto Livro Azul, ou Blue Book, da Força Aérea Norte-Americana (USAF), contabilizou até seu encerramento em 1969 um total de 12.618 casos ufológicos. Para cada avistamento era criado um arquivo e cada um destes era encerrado com uma conclusão específica a respeito do que era provável que a testemunha houvesse visto, como um meteoro, aeronave, etc. Somente cinco por cento do total, ou 701 casos, foram considerados inexplicáveis, e entre estes encontra-se o de Ted Brunson. Este ocorreu no dia 1 de janeiro de 1957, quando o caça pilotado por Brunson encontrou um UFO sobre o território norte-americano de Guam, no Pacífico.

Ted Brunson era primeiro-tenente na época, membro do Esquadrão 41 de caças interceptadores da Base da Força Aérea de Andersen, e pilotava um North American F-86D Sabre, mais avançado caça norte-americano de então. Um UFO surgiu vindo do oeste e passou por baixo do avião, e Brunson buscou persegui-lo, conforme narra hoje seu filho, Ty Brunson. Durante a perseguição o piloto inverteu sua aeronave, para assegurar que a luz que via não era um reflexo na capota do caça. Apesar de seus esforços, ele não conseguiu alcançar o objeto misterioso, mesmo utilizando o sistema de pós-combustão do F-86D, o que aumentava a velocidade do avião.

O UFO PARECIA BRINCAR COM O AVIÃO


O piloto Ted Brunson

O Brunson mais jovem comenta: "Meu pai pensou que se aproximava da coisa, mas então a luz começou a realizar círculos ao redor dele". O F-86D era o mais veloz avião norte-americano da época, e mesmo assim o UFO parecia brincar ao seu redor, e Ty complementa: "Não importa o que era essa coisa, meu pai disse, era muito rápida, muito mais do que nossa tecnologia permitia". Ty disse que seu pai afirmou que não existia nada na época com o desempenho e as capacidades da luz desconhecida. O UFO circulava o avião, passava por cima e por baixo do mesmo, depois invertia o sentido de suas curvas, como se brincasse com o perseguidor. Ted Brunson, finalmente, verificando que estava com pouco combustível, chamou sua base e pediu por reforços, que foram negados. Ele então abandonou a perseguição e retornou para a base. Nos arquivos do Blue Book a extraordinária experiência de Ted Brunson, conforme já mencionado, consta como inexplivável, e seu testemunho foi considerado muito confiável.

FONTE: REVISTA UFO

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ovnis e estranhas criaturas próximos ao Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (RN)

Desde o ano de 2016 militares da Aeronáutica que trabalham na Barreira do Inferno já percebiam bolas de luzes alaranjadas como também feixes de luzes amarelados no céu noturno, bem próximo daquela região. Por desconhecerem totalmente a origem dessas luzes misteriosas e a finalidade delas, vários militares observavam intrigados e chegavam a comentar entre eles sobre esses fenômenos luminosos. Dias após a percepção dessas claridades no céu noturno, alguns militares começaram a perceber ao redor daquela localidade o aparecimento de criaturas vivas, de seres que não eram humanos. Um dos militares chegou a ver um "Urso Polar" e imediatamente comunicou a outros militares de plantão. Tal militar chegou a passar mal após a aparição de tal criatura. Já um outro militar flagrou uma outra criatura aparentando ser um "homem de grande porte" sair andando de dentro da água do mar. Outro militar relata que presenciou duas criaturas que de início pareciam apenas dois cachorros g…

Ovnis em Iporanga (SP)

Entrada da Casa de Pedra, caverna com maior boca do Mundo, 215 metros.

Iporanga em tupi significa “Rio Bonito” e foi palco da exploração de ouro no período colonial e, posteriormente da exploração de chumbo e zinco no século passado. Na região há famosas cavernas: Formação Iporanga e Formação Votuverava. Em Iporanga, efetuaram-se diversos estudos de mapeamento geológico e pesquisa mineral, sobretudo pela CPRM - Serviço Geológico do Brasil. A seção geológica mais conhecida é o famoso perfil Apiaí-Iporanga. A cidade atrai muitos visitantes por possuir lindas cachoeiras, piscinas naturais, vales, grutas e cavernas. Iporanga é a cidade que possui o maior número de cachoeiras em todo o Brasil, nas 365 cavernas cadastradas. O turista poderá praticar esportes radicais como o rapel, canyonismo e trekking. Atrativos culturais podem ser visitados como o museu da cidade, a Igreja Matriz e as casas com o estilo colonial. Por todos estes motivos, Iporanga é considerada um dos mais importantes cent…

Conheça histórias de pessoas que foram abduzidas por Extraterrestres

As pessoas do mundo se dividem em dois grandes grupos e um terceiro bem pequeno.

Os dois grandes grupos são: aqueles que acham que ETs existem e aqueles que acham que ETs não existem.

Correndo por fora, existe uma minoria silenciosa que se mantém quietinha, aparentemente, porque, se essas pessoas disserem as coisas que elas sabem, ninguém acreditaria nelas.

Elas fazem parte do pequeno grupo que jura de pé junto ter feito contato com seres extraterrestres.

O fotógrafo nova-iorquino Steven Hirsch, de 63 anos, é um cara que, se não acredita nessas pessoas, pelo menos acredita no direito que elas têm de contar suas histórias do jeito que quiserem.

Por isso, ele criou um blog em que entrevista e fotografa gente que diz ter sido abduzida por alienígenas. O endereço é littlestickylegs.blogspot.co.uk.

- Eu não quero que os meus leitores tenham nenhum tipo de ideia pré-concebida sobre essas pessoas até qie eles vejam suas imagens e leiam suas palavras. Minhas entrevistas mal conseguem ir além…