Pular para o conteúdo principal

Senador norte-americano observou UFOs na Rússia em 1955


Documentos liberados revelam o avistamento de um senador norte-americano em 1955

Richard B. Russell, acompanhado de dois auxiliares, observou dois UFOs em território soviético em plena Guerra Fria, e a CIA e o FBI se envolveram no caso

Richard B. Russell foi um dos mais infuentes senadores dos Estados Unidos durante a Guerra Fria, e até seu falecimento em 1971 cumpriu 38 de serviços, chegando a ser líder do Comitê de Serviços Armados. Em 04 de outubro de 1955, acompanhado por auxiliares, viajava por uma estrada de ferro na região Transcaucasiana, na então União Soviética, quando observou dois UFOs que aparentemente haviam decolado de um local próximo aquele por onde o trem passava.

Russell rapidamente chamou seus acompanhantes, o tenente-coronel Hathaway e o intérprete Ruben Efron, e pela janela observaram dois objetos com formato discóide. Os UFOs decolaram um após o outro, desaparecendo nos céus. O senador e seus ajudantes apresentaram um relato de seu avistamento para a Força Aérea norte-americana (USAF) e agências de segurança quando chegaram à embaixada dos Estados Unidos em Praga. O tenente-coronel Thomas Ryan, adido na embaixada, preencheu um informe ultrassecreto da Inteligência da Força Aérea após encontrar-se com o trio, em 14 de outubro de 1955.

Ryan então escreveu que seu informe era "baseado na descrição das testemunhas a respeito da ascenção e voo de aeronaves não convencionais, por três observadores dos Estados Unidos altamente confiáveis". A documentação foi obtida graças à Lei de Liberdade de Informações por parte do Fundo para Pesquisa de UFO (Fufor). O documento descreve como Hathaway descreveu para Ryan que Russell foi o primeiro a ver os UFOs, e que embora se dissesse na época que essas coisas não existiam, todos puderam observá-los. Também descreve como um dos discos voadores subiu devagar e verticalmente, e a uma altitude de cerca de 1.800 m disparou em alta velocidade no rumo norte. O outro UFO fez o mesmo dentro de um minuto, e a área de onde decolaram aparentava estar de 1,6 a 3,2 km da linha do trem.

CIA E FBI ENVOLVIDOS

Uma quarta testemunha não identificada foi entrrevistada sobre o avistamento por agentes da Agência Central de Inteligência (CIA), descrevendo que os UFOs pareciam flutuar sem fazer ruído ou deixar rastros de propulsão ou outros. Em 18 de outubro de 1955 o secretário de estado John Foster Dulles foi informado a respeito do incidente, e em 04 de novembro o Bureau Federal de Investigação (FBI), elaborou um memorando afirmando que o testemunho do tenente-coronel Hathaway evidenciava a existência de discos voadores. Detalhes sobre o caso vazaram, e o jornalista Tom Towers do Los Angeles Examiner procurou o senador Russel.

Richard B. Russel respondeu: "Eu discuti essa questão com as agências do governo envolvidas, e eles foram de opinião de que não é sábio tratar publicamente desse assunto neste momento. Lamento muito não poder ajudá-lo". O veterano pesquisador Bruce Maccabee, consultado a respeito do caso, afirmou: "Esses documentos mantidos por tanto tempo em segredo são de tremenda importância, porque mostram pela primeira vez que um dos mais poderosos senadores dos Estados Unidos observou um UFO e relatou seu avistamento. Os documentos também provam que os UFOs existem, e como a CIA tratou do assunto seriamente".

FONTE: REVISTA UFO

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ovnis e estranhas criaturas próximos ao Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (RN)

Desde o ano de 2016 militares da Aeronáutica que trabalham na Barreira do Inferno já percebiam bolas de luzes alaranjadas como também feixes de luzes amarelados no céu noturno, bem próximo daquela região. Por desconhecerem totalmente a origem dessas luzes misteriosas e a finalidade delas, vários militares observavam intrigados e chegavam a comentar entre eles sobre esses fenômenos luminosos. Dias após a percepção dessas claridades no céu noturno, alguns militares começaram a perceber ao redor daquela localidade o aparecimento de criaturas vivas, de seres que não eram humanos. Um dos militares chegou a ver um "Urso Polar" e imediatamente comunicou a outros militares de plantão. Tal militar chegou a passar mal após a aparição de tal criatura. Já um outro militar flagrou uma outra criatura aparentando ser um "homem de grande porte" sair andando de dentro da água do mar. Outro militar relata que presenciou duas criaturas que de início pareciam apenas dois cachorros g…

Ovnis em Iporanga (SP)

Entrada da Casa de Pedra, caverna com maior boca do Mundo, 215 metros.

Iporanga em tupi significa “Rio Bonito” e foi palco da exploração de ouro no período colonial e, posteriormente da exploração de chumbo e zinco no século passado. Na região há famosas cavernas: Formação Iporanga e Formação Votuverava. Em Iporanga, efetuaram-se diversos estudos de mapeamento geológico e pesquisa mineral, sobretudo pela CPRM - Serviço Geológico do Brasil. A seção geológica mais conhecida é o famoso perfil Apiaí-Iporanga. A cidade atrai muitos visitantes por possuir lindas cachoeiras, piscinas naturais, vales, grutas e cavernas. Iporanga é a cidade que possui o maior número de cachoeiras em todo o Brasil, nas 365 cavernas cadastradas. O turista poderá praticar esportes radicais como o rapel, canyonismo e trekking. Atrativos culturais podem ser visitados como o museu da cidade, a Igreja Matriz e as casas com o estilo colonial. Por todos estes motivos, Iporanga é considerada um dos mais importantes cent…

O caso Roswell nordestino: Queda de UFO na Bahia, em Janeiro de 1995

Por Ufo Bahia: Nessa data, as 09:00 horas, uma in­formante do G-PAZ, "M" da TV BAHIA me ligou contando uma mirabolante his­tória de queda de um UFO em Feira deSantana(BA) a 112 Km de Salvador. Umfazendeiro de apelido Beto, tinha ligadopara TV SUBAÉ daquela cidade oferecen­do – em troca de dinheiro – um furo dereportagem; um disco voador tinha caído na sua fazenda e ele tinha provas e ima­gens do fato!
Apenas depois do meio dia, conse­gui – por fim – falar com Beto, que apóssua proposta de negócio, ante minha (apa­rente) frieza, me contou com bastante de­talhes o acontecido. Soube que tambémtentara vender suas provas a TV BAHIA,onde procurou o repórter José Raimundo:
"Ontem pela madrugada caiu algu­ma coisa na minha fazenda, dentro de umalagoa. Era do tamanho de um fusca; aqui­lo ficou boiando parcialmente submerso,perto da beirada. Tentei puxar como pude,trazendo para perto de mim, com uma vara.Aquilo parecia um parto... (quando seabriu uma porta) começou primeiro a sa…