Pular para o conteúdo principal

Parlamento alemão forçado a liberar informações sobre UFOs


O Bundestag, o parlamento alemão, obrigado pela Justiça daquele país a liberar informações ufológicas que vinha acobertando

Decisão da Suprema Corte da Alemanha encerra longa disputa judicial

Após anos de batalhas judiciais, movidas por membros da Ufologia alemã, a Corte Suprema Administrativa Federal daquele país, sediada em Leipzig, sentencionou o Parlamento alemão, o Bundestag, a liberar informações a respeito de UFOs, à busca por inteligência extraterrestre, e à implementação na Alemanha da Resolução das Nações Unidas A/33/426. Esta última pede aos estados membros da ONU que conduzam pesquisas oficiais quanto ao Fenômeno UFO.

As informações foram compiladas pelo Serviço Científico do parlamento, da mesma forma como é feito com inúmeros outros assuntos, para que seus membros possam ter à disposição dados, análises e comentários embasados para que possam fazer seu trabalho. Muito do que é feito no Bundestag é aberto ao público em geral, contudo no caso das informações sobre UFOs isso jamais ocorreu. Em 2010 Robert Fleischer, da Iniciativa Exopolítica Alemã, soube da existência dessas informações que chegaram a ser transmitidas a alguns jornalistas, porém com o aviso de que era ilegal publicar todo seu conteúd

Outro pesquisador, Frank Reitemeyer, solicitou acesso à íntegra das informações, porém isso foi vetado pela administração do Bundestag. Reitemeyer foi então à Justiça. O pesquisador venceu na primeira instância, contudo a administração do Bundestag teve aceita sua apelação. Surgiram inclusive informações de que o parlamento recorrera a uma renomada firma de advocacia para sua defesa, e que costuma cobrar 50.000 Euros por um caso. Com a decisão final da Justiça alemã, espera-se que as informações disponíveis aos congressistas sobre UFOs sejam abertas ao público em geral. Já se sabe que não há qualquer dado bombástico ou revolucionário, mas somente um sumário de fatos conhecidos a respeito de UFOs, da busca por inteligência extraterrestre (SETI), e da Resolução A/33/426 da ONU.

CONFIRMAÇÃO DO INTERESSE OFICIAL NOS UFOS

Contudo, existem em meio ao dossiê informações interessantes, como a conclusão, por parte de seus autores, a respeito de pesquisas ufológicas oficiais: "Como vários países vizinhos e aliados já conduziram e ainda conduzem programas de pesquisas sobre UFOs (como França, Estados Unidos, Grã-Bretanha e Canadá), então deveríamos assumir que o governo alemão e suas instituições deveriam também ter interesse oficial no fenômeno". De acordo com pesquisadores alemães esse trecho contradiz fortemente tudo que foi divulgado nos últimos anos pelo governo alemão, a respeito de não existir qualquer interesse oficial em conduzir uma pesquisa sobre o Fenômeno UFO. Um dos personagens a fazer tais alegações, em 2008, foi o então ministro do interior, e atual ministro das finanças, Wolfgang Schäuble.

E, conforme revelou em 2014 o blog GreWi.de, existiu uma pesquisa ufológica oficial na Alemanha, provavelmente ainda sendo conduzida. O veículo conseguiu obter e depois divulgou um arquivo de documentos da agência de Inteligência alemã, a BND, demonstrando o que membros do governo tentaram a todo custo negar, o interesse e a pesquisa oficial sobre UFOs. E para finalizar, a decisão da Suprema Corte não diz respeito somente às informações ufológicas, mas a todos os dossiês e expertises produzidos pelo Serviço Científico do parlamento. Várias dessas informações desapareceram ou foram acobertadas por suas conclusões objetivas, que não davam suporte e até mesmo contradiziam as posições dos políticos e partidos que as requisitavam em primeiro lugar. Espera-se que muitas informações de inúmeros tópicos cujo acesso ao público vinha sendo sistematicamente negado.


Veja os documentos obtidos pelo blog GreWi.de


FONTE: REVISTA UFO

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ovnis e estranhas criaturas próximos ao Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (RN)

Desde o ano de 2016 militares da Aeronáutica que trabalham na Barreira do Inferno já percebiam bolas de luzes alaranjadas como também feixes de luzes amarelados no céu noturno, bem próximo daquela região. Por desconhecerem totalmente a origem dessas luzes misteriosas e a finalidade delas, vários militares observavam intrigados e chegavam a comentar entre eles sobre esses fenômenos luminosos. Dias após a percepção dessas claridades no céu noturno, alguns militares começaram a perceber ao redor daquela localidade o aparecimento de criaturas vivas, de seres que não eram humanos. Um dos militares chegou a ver um "Urso Polar" e imediatamente comunicou a outros militares de plantão. Tal militar chegou a passar mal após a aparição de tal criatura. Já um outro militar flagrou uma outra criatura aparentando ser um "homem de grande porte" sair andando de dentro da água do mar. Outro militar relata que presenciou duas criaturas que de início pareciam apenas dois cachorros g…

Ovnis em Iporanga (SP)

Entrada da Casa de Pedra, caverna com maior boca do Mundo, 215 metros.

Iporanga em tupi significa “Rio Bonito” e foi palco da exploração de ouro no período colonial e, posteriormente da exploração de chumbo e zinco no século passado. Na região há famosas cavernas: Formação Iporanga e Formação Votuverava. Em Iporanga, efetuaram-se diversos estudos de mapeamento geológico e pesquisa mineral, sobretudo pela CPRM - Serviço Geológico do Brasil. A seção geológica mais conhecida é o famoso perfil Apiaí-Iporanga. A cidade atrai muitos visitantes por possuir lindas cachoeiras, piscinas naturais, vales, grutas e cavernas. Iporanga é a cidade que possui o maior número de cachoeiras em todo o Brasil, nas 365 cavernas cadastradas. O turista poderá praticar esportes radicais como o rapel, canyonismo e trekking. Atrativos culturais podem ser visitados como o museu da cidade, a Igreja Matriz e as casas com o estilo colonial. Por todos estes motivos, Iporanga é considerada um dos mais importantes cent…

Conheça histórias de pessoas que foram abduzidas por Extraterrestres

As pessoas do mundo se dividem em dois grandes grupos e um terceiro bem pequeno.

Os dois grandes grupos são: aqueles que acham que ETs existem e aqueles que acham que ETs não existem.

Correndo por fora, existe uma minoria silenciosa que se mantém quietinha, aparentemente, porque, se essas pessoas disserem as coisas que elas sabem, ninguém acreditaria nelas.

Elas fazem parte do pequeno grupo que jura de pé junto ter feito contato com seres extraterrestres.

O fotógrafo nova-iorquino Steven Hirsch, de 63 anos, é um cara que, se não acredita nessas pessoas, pelo menos acredita no direito que elas têm de contar suas histórias do jeito que quiserem.

Por isso, ele criou um blog em que entrevista e fotografa gente que diz ter sido abduzida por alienígenas. O endereço é littlestickylegs.blogspot.co.uk.

- Eu não quero que os meus leitores tenham nenhum tipo de ideia pré-concebida sobre essas pessoas até qie eles vejam suas imagens e leiam suas palavras. Minhas entrevistas mal conseguem ir além…