Pular para o conteúdo principal

NSA diz ter perdido seus arquivos originais de OVNIs



John Greenald, pesquisador de OVNIs e de segredos governamentais, protocolou petições junto a National Security Agency – NSA (EUA) para que os arquivos OVNI da década de 1990 fossem liberados. Quando eles foram liberados, após uma batalha legal, muitas das informações haviam sido editadas, com frases ocultadas. Havia uma grande quantidade de informações ocultadas ou cobertas com ‘Errorex’. Porém, a NSA recentemente disse a Greenewald que eles não podiam sequer encontrar um original das centenas de páginas sobre OVNIs.
Greenewald recebeu esta informação em resposta às suas petições para Revisão de Desclassificação Compulsória (Mandatory Declassification Review – MDR). As MDRs requerem que a agência revise os arquivos previamente censurados, para retirar a censura das informações importantes agora ‘desclassificadas’. Este é um processo similar ao que foi usado para revelar o nome da Área 51 em documentos da CIA no ano passado.
A MDR foi preenchida para um depoimento relacionado às ações judiciais, pedindo que a NSA liberasse os arquivos OVNI em 1980. Quanto ao resto dos arquivos, a NSA escreveu: “Com exceção dos documentos em anexo, não podemos localizar as cópias não editadas, nem os documentos originais que foram anteriormente revisados e liberados ao público.”
No final da década de 1970, os Cidadãos Contra o Segredo dos OVNIs (Citizens Against UFO Secrecy – CAUS), entidade dirigida pelo advogado Peter Gersten, tentou obter os arquivos OVNIs de várias agências governamentais dos EUA, utilizando a Lei da Liberdade de Informação (Freedom Information Act – FOIA). A NSA recusou liberar seus arquivos, assim o CAUS a processou.
A NSA tinha uma grande quantidade de arquivos OVNIs, não necessariamente porque eles estavam investigando OVNIs, mas porque ele monitoram as comunicações mundialmente como parte de suas tarefas diárias. Estes arquivos são chamados de ‘inteligência de comunicação’, de sigla em inglês COMINT. Entre esta grande quantidade de dados, estavam centenas de arquivos referentes aos OVNIs. Porém, a NSA achou que eles deveriam permanecer secretos.
Em 1980, Eugene F. Yeates, chefe do Escritório de Políticas do NSA, submeteu um documento de 21 páginas ao juiz que estava analisando o caso, o Juiz Federal Gerhart A. Gesell, descrevendo o porquê dos artigos deverem permanecer secretos. Este documento ficou conhecido como o ‘Depoimento de Yeates’, o qual também tornou-se um documento secreto.
Embora o juiz Gesell não obteve licença de acesso para ler os documentos em questão, ele foi convencido de que os arquivos da NSA deveriam permanecer secretos. Ele escreveu: “O interesse público na liberação é superado pela natureza sensível dos materiais e dos óbvios efeitos sobre a segurança nacional que a liberação possa trazer.”
Quando o ‘Depoimento de Yeates’ foi liberado, ele estava pesadamente editado. O pesquisador de OVNIs, Stanton Friedman, mostrou a página do documento, para demonstrar o nível de segredo sobre OVNIs exercido pelo governo, e ele diz que isto ficaria bem na TV, onde uma simples imagem pode ser muito eficiente quando se tenta provar um ponto de vista.


Finalmente, em 1997, devido à leis que tornam mais difíceis manter o segredo sobre arquivos com mais de 25 anos, a NSA liberou uma cópia menos editada do ‘Depoimento de Yeates’, bem como 156 documentos sobre OVNIs. Como Friedman coloca, a declaração estava originalmente com 75% das páginas ocultadas, a segunda versão foi liberada com somente 20%. Porém, os documentos sobre OVNIs estão pesadamente editados.
A NSA deve ter escutado as falas de Friedman em entrevistas de TV, porque ao invés de escurecer a maioria do texto, desta vez ele usaram ‘Errorex’ para ocultar as palavras, tornando o documento menos agressivo visualmente.



Como pode ser visto na foto acima, há muito pouca informação disponível nos documentos COMINT sobre OVNIs. Embora um pouco mais de informação tenha sido revelada no ‘Depoimento de Yeates’, os relatórios COMINT não editados são as informações mais importantes para pesquisadores de OVNIs.
Greenewald escreveu, “Essencialmente, os ‘originais’ foram destruídos ou perdidos quando eles editaram os registros há muitos anos – e agora em 2014 – eles estão perdidos e não podem ser mais revisados para a ‘desclassificação’ e liberação. A história, seja lá qual for, é perdida para sempre.”
Os documentos que a NSA liberou podem ser encontrado em sua página de OVNIs. Você podem fazer o download dos pedidos FOIA de Greenewald sem seu site GovernmentSecrets.com

FONTE: Ovni Hoje



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça histórias de pessoas que foram abduzidas por Extraterrestres

As pessoas do mundo se dividem em dois grandes grupos e um terceiro bem pequeno.

Os dois grandes grupos são: aqueles que acham que ETs existem e aqueles que acham que ETs não existem.

Correndo por fora, existe uma minoria silenciosa que se mantém quietinha, aparentemente, porque, se essas pessoas disserem as coisas que elas sabem, ninguém acreditaria nelas.

Elas fazem parte do pequeno grupo que jura de pé junto ter feito contato com seres extraterrestres.

O fotógrafo nova-iorquino Steven Hirsch, de 63 anos, é um cara que, se não acredita nessas pessoas, pelo menos acredita no direito que elas têm de contar suas histórias do jeito que quiserem.

Por isso, ele criou um blog em que entrevista e fotografa gente que diz ter sido abduzida por alienígenas. O endereço é littlestickylegs.blogspot.co.uk.

- Eu não quero que os meus leitores tenham nenhum tipo de ideia pré-concebida sobre essas pessoas até qie eles vejam suas imagens e leiam suas palavras. Minhas entrevistas mal conseguem ir além…

Mémorias da Ufologia: Caso SANTA ISABEL

FOTOS DO LAUDO

Na localidade de Santa Izabel(SP) em junho de 1999, a Sra. Alzira Maria de Jesus foi encontrada morta na sua cama, e por volta das 8 hs da manhã sua nora percebe o fato e sai imediatamente para ir ao orelhão e ligar para o seu marido e espera à ajuda e , ao chegar de volta em casa quase 40 min.depois a nora vê o corpo da sra. com o rosto totalmente desfigurado e praticamente sem carne; foi feito o boletim de ocorrência na delegacia da cidade sob n°145/99 em 24 de Junho. Posteriormente confirmou-se que à causa da morte foi a parada respiratória, mas o que aconteceu realmente como rosto desta sra. num espaço menor de uma hora?O laudo é cita sobre as configurações do mesmo, inclusive nas cavidades oculares, mas o que teria causado à perda do rosto ficou indeterminada. Mais estranho ainda é que na noite anterior aos fatos foram vistas bolas de luz voando nessa região rural e no início da madrugada os animais,como cachorros,gansos,e outros começaram à fazer um intenso barulh…

O caso Roswell nordestino: Queda de UFO na Bahia, em Janeiro de 1995

Por Ufo Bahia: Nessa data, as 09:00 horas, uma in­formante do G-PAZ, "M" da TV BAHIA me ligou contando uma mirabolante his­tória de queda de um UFO em Feira deSantana(BA) a 112 Km de Salvador. Umfazendeiro de apelido Beto, tinha ligadopara TV SUBAÉ daquela cidade oferecen­do – em troca de dinheiro – um furo dereportagem; um disco voador tinha caído na sua fazenda e ele tinha provas e ima­gens do fato!
Apenas depois do meio dia, conse­gui – por fim – falar com Beto, que apóssua proposta de negócio, ante minha (apa­rente) frieza, me contou com bastante de­talhes o acontecido. Soube que tambémtentara vender suas provas a TV BAHIA,onde procurou o repórter José Raimundo:
"Ontem pela madrugada caiu algu­ma coisa na minha fazenda, dentro de umalagoa. Era do tamanho de um fusca; aqui­lo ficou boiando parcialmente submerso,perto da beirada. Tentei puxar como pude,trazendo para perto de mim, com uma vara.Aquilo parecia um parto... (quando seabriu uma porta) começou primeiro a sa…