Pular para o conteúdo principal

Nobel de Física premia teorias e observações cósmicas


Metade do prêmio foi para a teoria cosmológica padrão, e a outra metade para observações de planetas fora do Sistema Solar.
[Imagem: Niklas Elmedhed/Nobel Media]

Nobel de Física 2019

O Nobel de Física 2019 premiou a teoria atual sobre a estrutura e história do Universo e a descoberta do primeiro exoplaneta orbitando uma estrela do tipo solar.

Metade do prêmio foi para James Peebles (Universidade de Princeton, EUA) "por descobertas teóricas em cosmologia física", e a outra metade foi dividida entre Michel Mayor e Didier Queloz (Universidade de Genebra, Suíça) "pela descoberta de um exoplaneta orbitando uma estrela tipo solar".

Modelo do Big Bang

As ideias de James Peebles sobre cosmologia física estão na base de toda a cosmologia dos últimos cinquenta anos. O referencial teórico que ele desenvolveu - com a ajuda de inúmeros outros astrofísicos - desde meados da década de 1960, está na base de nossas ideias contemporâneas sobre o Universo.

O modelo do Big Bang descreve o Universo desde seus primeiros momentos, quase 14 bilhões de anos atrás, quando era extremamente quente e denso. Desde então, o Universo vem-se expandindo, tornando-se maior e mais frio. Apenas 400.000 anos após o Big Bang, o cosmos se tornou transparente e os raios de luz foram capazes de viajar pelo espaço. Ainda hoje, essa radiação antiga, conhecida como radiação de fundo de micro-ondas, está ao nosso redor e, codificados nela, muitos dos segredos do Universo primordial. Usando suas ferramentas e cálculos teóricos, James Peebles foi capaz de interpretar esses traços desde a infância do Universo e descobrir novos processos físicos.

Os resultados descrevem nosso Universo, do qual conhecemos apenas 5%, a matéria que constitui estrelas, planetas, árvores - e nós. O restante, 95%, é chamado de matéria escura e energia escura, ambos totalmente desconhecidos, embora produzam efeitos mensuráveis. Este é o grande mistério da física moderna.


O modelo cosmológico padrão é extremamente bem-sucedido, mas existem físicos que discordam dele e propõem teorias alternativas ao Big Bang. Alguns chegam a dizer que o Big Bang é um dogma científico.
[Imagem: Johan Jarnestad/The Royal Swedish Academy of Sciences]

Primeiro exoplaneta descoberto

Em outubro de 1995, Michel Mayor e Didier Queloz anunciaram a primeira descoberta de um planeta fora do nosso Sistema Solar, um exoplaneta, orbitando uma estrela do tipo solar em nossa galáxia. No Observatório da Alta Provença, no sul da França, usando instrumentos desenvolvidos por eles próprios, os astrônomos puderam ver o planeta 51 Pegasi b, uma bola gasosa comparável ao maior gigante de gás do Sistema Solar, Júpiter.

Desde então, a dupla e sua equipe esteve envolvida em outras descobertas marcantes, incluindo três exoplanetas que poderão revelar vida e um planeta na estrela mais próxima do Sol, além da menor estrela conhecida.


Hoje já se conhecem até exoplanetas onde há chuva.
[Imagem: Johan Jarnestad/The Royal Swedish Academy of Sciences]

Aquela primeira descoberta iniciou uma revolução na astronomia, e hoje mais de 4.000 exoplanetas já foram encontrados na Via Láctea. Novos mundos estranhos ainda estão sendo descobertos, com uma incrível variedade de tamanhos, formas e órbitas. Eles desafiam nossas ideias sobre sistemas planetários e estão forçando os cientistas a revisar suas teorias dos processos físicos por trás das origens dos planetas. Com vários projetos planejados para começar a procurar exoplanetas, a grande expectativa é encontrar uma resposta para a eterna questão de saber se existe vida fora da Terra.



FONTE: SITE INOVAÇÃO TECNOLOGICA - SpaceToday

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mémorias da Ufologia: Caso SANTA ISABEL

FOTOS DO LAUDO

Na localidade de Santa Izabel(SP) em junho de 1999, a Sra. Alzira Maria de Jesus foi encontrada morta na sua cama, e por volta das 8 hs da manhã sua nora percebe o fato e sai imediatamente para ir ao orelhão e ligar para o seu marido e espera à ajuda e , ao chegar de volta em casa quase 40 min.depois a nora vê o corpo da sra. com o rosto totalmente desfigurado e praticamente sem carne; foi feito o boletim de ocorrência na delegacia da cidade sob n°145/99 em 24 de Junho. Posteriormente confirmou-se que à causa da morte foi a parada respiratória, mas o que aconteceu realmente como rosto desta sra. num espaço menor de uma hora?O laudo é cita sobre as configurações do mesmo, inclusive nas cavidades oculares, mas o que teria causado à perda do rosto ficou indeterminada. Mais estranho ainda é que na noite anterior aos fatos foram vistas bolas de luz voando nessa região rural e no início da madrugada os animais,como cachorros,gansos,e outros começaram à fazer um intenso barulh…

O caso Artur Berlet, O homem que foi para o Planeta Acart

O "Caso Berlet" ocorreu em 25 de maio de 1958 (faleceu em 1995), quando o gaúcho Artur Berlet, da cidade de Sarandí – RS, desapareceu por 11 dias.
Segundo Berlet teria sido abduzido e levado para um planeta chamado Acart aproximadamente 65,000,000 km da terra, demorou cerca de 38horas para chegar, onde ficou 11 dias em uma cidade com quase 90 milhões de habitantes. O curioso do fato que conseguiu comunicação com extraterrestres através do idioma Alemão.

Durante esse tempo, Berlet teve a chance de ver a Terra a partir do espaço. conhecer objetos e tecnologias que só teríamos posteriormente no decorrer do avanço dos humanos.
Após décadas, a fantástica história do gaúcho ainda surpreende a todos. Quem reconstituiu a história desse caso para a RBS foi a professora Ana Berlet, filha de Artur.

Vejam o nível da informação:

O Artur Berlet através de uma aparelho de Acart o qual olhou a terra, disse;
“a terra era AZUL.”



Ok ! parece nada demais, mas o fato é que ele disse anos ant…

Filme "Intruders" (Intrusos) 1992

Ao pesquisar problemas de duas de suas pacientes, proeminente psiquiatra de um importante hospital de Los Angeles (Interpretado pelo falecido ator Richard Crenna na vida real John Mack, psiquiatra formado em Harvard Medical School, 1955.) acaba penetrando em um universo de estranhas ocorrências relacionadas com OVNIs, que modificarão sua própria vida.

"Intruders" foi baseado no best-seller de Budd Hopkins e em casos verídicos que hoje compõem um vasto arquivo de histórias vividas por muitas pessoas que passaram por experiências com seres extraterrestres, e que neste filme colaboraram com renomados pesquisadores do assunto na reconstituição dos episódios.

Best Seller "Intruders" (Intrusos)

Algumas cenas do filme:








Filme legendado em português:




Inspiração do filme Intruders (Intrusos), mulher relata contato com ETs



A americana Debbie Jordan, que relata um contato com extraterrestres há 34 anos, comentou que ficaria chocada se houvesse uma nova aproximação, mas não enc…