Pular para o conteúdo principal

Música no LHC

Os cientistas no Large Hadron Collider (LHC), no Franco-suíço desenvolveu uma maneira de fazer o som da colisão de partículas subatômicas.


Agora, eles esperam que com este método para detectar o indescritível, hipotético bóson de Higgs, a chamada partícula de Deus.

O Higgs nunca foi visto, mas se poderia explicar a origem da massa das outras partículas elementares e responder a muitas perguntas sobre a origem do universo.

No LHC, o maior acelerador de partículas do mundo, estão conduzindo experimentos em que partículas minúsculas são feitas para se mover em direções opostas ao mesmo tempo no túnel de 27 quilômetros de diâmetro.

O objetivo é produzir uma colisão de partículas para recriar as condições que foram apresentadas em conjunto, após o Big Bang.

Agora, a medição do som produzido por estas colisões poderiam ser usadas para procurar o boson de Higgs, dizem cientistas.

Dr. Lily Asquith, que conduziu o modelo de dados no experimento LHC, trabalhei com engenheiros de som para converter os dados esperados das colisões de sons.

"Se a energia está perto de você ouvirá um tom baixo e se você for embora você ouvirá um estridente" o cientista à BBC.

"Se se trata de grandes quantidades de energia será muito mais forte e se pouca energia será mais fraca do tom."

No túnel circular do LHC, existem milhares de ímãs que guiam os feixes de prótons de partículas em torno do anel "enorme".

Em alguns pontos ao redor do túnel, os feixes se cruzam e se chocam umas com as outras quatro "subexperimentos" monitor maciça destas colisões.

Os cientistas esperam que essas colisões no surgimento de novas partículas subatômicas, que pode revelar novas informações sobre a origem do cosmos.

Em um desses experimentos, denominado Atlas, foi realizada a medição do som.

Dentro dele é um instrumento, o calorímetro, que é usado para medir a energia e consiste de sete camadas concêntricas.

Cada camada é representada por uma nota e tom de cada um destes difere da quantidade de energia que é depositado nessa camada.

O processo de conversão de dados científicos em som é chamado de sonorização.

Até agora, Dr. Asquith e sua equipe têm gerado uma série de simulações baseadas em previsões de que poderia ocorrer durante as colisões no LHC.

"Quando você ouvir o que eles realmente estão ouvindo o sonificaciones dados científicos. Estes são autênticos, e você está dizendo algo sobre os dados que não poderiam conhecer", disse Archer Endrich, um engenheiro de software que trabalham no projeto.

O objetivo é fornecer físicos outra maneira de analisar os dados do LHC. A equipe acredita que as orelhas sonorização são melhor adaptados para o olho para detectar mudanças sutis que podem indicar a presença de uma nova partícula.

Richard Dobson, um compositor que também está envolvido no projeto, disse que ficou surpreso com o som musical da colisão.

"Nós podemos ouvir o som inclui estrutura clara, quase como se tivessem sido feitas."

"Eles parecem contar uma história. Não é muito dinâmico e mudam o tempo todo, e soa como a música que você ouve em composições contemporâneas", acrescenta.

Embora o projeto se destina a fornecer os físicos de partículas de uma nova ferramenta de análise, Endrich Archer acredita que este poderia também permitir que os sons harmônicos vez ouvir de fundo no universo.

O cientista espera que a colisão de partículas irá revelar "algo novo e algo importante sobre a natureza do universo."

Fonte: BBC

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mémorias da Ufologia: Caso SANTA ISABEL

FOTOS DO LAUDO

Na localidade de Santa Izabel(SP) em junho de 1999, a Sra. Alzira Maria de Jesus foi encontrada morta na sua cama, e por volta das 8 hs da manhã sua nora percebe o fato e sai imediatamente para ir ao orelhão e ligar para o seu marido e espera à ajuda e , ao chegar de volta em casa quase 40 min.depois a nora vê o corpo da sra. com o rosto totalmente desfigurado e praticamente sem carne; foi feito o boletim de ocorrência na delegacia da cidade sob n°145/99 em 24 de Junho. Posteriormente confirmou-se que à causa da morte foi a parada respiratória, mas o que aconteceu realmente como rosto desta sra. num espaço menor de uma hora?O laudo é cita sobre as configurações do mesmo, inclusive nas cavidades oculares, mas o que teria causado à perda do rosto ficou indeterminada. Mais estranho ainda é que na noite anterior aos fatos foram vistas bolas de luz voando nessa região rural e no início da madrugada os animais,como cachorros,gansos,e outros começaram à fazer um intenso barulh…

O caso Artur Berlet, O homem que foi para o Planeta Acart

O "Caso Berlet" ocorreu em 25 de maio de 1958 (faleceu em 1995), quando o gaúcho Artur Berlet, da cidade de Sarandí – RS, desapareceu por 11 dias.
Segundo Berlet teria sido abduzido e levado para um planeta chamado Acart aproximadamente 65,000,000 km da terra, demorou cerca de 38horas para chegar, onde ficou 11 dias em uma cidade com quase 90 milhões de habitantes. O curioso do fato que conseguiu comunicação com extraterrestres através do idioma Alemão.

Durante esse tempo, Berlet teve a chance de ver a Terra a partir do espaço. conhecer objetos e tecnologias que só teríamos posteriormente no decorrer do avanço dos humanos.
Após décadas, a fantástica história do gaúcho ainda surpreende a todos. Quem reconstituiu a história desse caso para a RBS foi a professora Ana Berlet, filha de Artur.

Vejam o nível da informação:

O Artur Berlet através de uma aparelho de Acart o qual olhou a terra, disse;
“a terra era AZUL.”



Ok ! parece nada demais, mas o fato é que ele disse anos ant…

Filme "Intruders" (Intrusos) 1992

Ao pesquisar problemas de duas de suas pacientes, proeminente psiquiatra de um importante hospital de Los Angeles (Interpretado pelo falecido ator Richard Crenna na vida real John Mack, psiquiatra formado em Harvard Medical School, 1955.) acaba penetrando em um universo de estranhas ocorrências relacionadas com OVNIs, que modificarão sua própria vida.

"Intruders" foi baseado no best-seller de Budd Hopkins e em casos verídicos que hoje compõem um vasto arquivo de histórias vividas por muitas pessoas que passaram por experiências com seres extraterrestres, e que neste filme colaboraram com renomados pesquisadores do assunto na reconstituição dos episódios.

Best Seller "Intruders" (Intrusos)

Algumas cenas do filme:








Filme legendado em português:




Inspiração do filme Intruders (Intrusos), mulher relata contato com ETs



A americana Debbie Jordan, que relata um contato com extraterrestres há 34 anos, comentou que ficaria chocada se houvesse uma nova aproximação, mas não enc…